Flyback (transformador de saída horizontal)

Como sabemos, o flyback é o principal componente do circuito horizontal. Trata-se de um transformador com núcleo de ferrite que produz a MAT e outras tensões para o correto funcionamento do tubo de imagem. Nos aparelhos microprocessados, o flyback funciona com um sinal de 15.750Hz, gerado pelo oscilador horizontal interno ao circuito integrado, vulgarmente conhecido como “faz tudo”. Conjugados ao flyback existem dois potenciômetros, sendo um deles destinado ao foco, e o outro, ao screen. O potenciômetro de foco é responsável por tornar a imagem mais nítida, enquanto que o potenciômetro de screen controla o brilho da trama.

Os flybacks utilizados nos monitores de computadores são mais caros que os de televisores. Essa diferença de preço existe porque os flybacks de monitores possuem maior isolamento que os de televisor, além de usar um capacitor de filtro de MAT interno, pois a capacitância do tubo de monitor é muito baixa, não sendo suficiente para filtrar a MAT. Por outro lado, a capacitância do tubo de TV é alta, consequentemente, não é necessário utilizar um capacitor interno.

O flyback é um componente que depende de outros para o perfeito funcionamento. Por trabalhar com tensões elevadas e estar sempre ativo quando o aparelho está funcionando, é comum apresentar problemas após algum tempo de uso, principalmente em épocas de grande umidade relativa. Os principais defeitos encontrados nos flybacks de televisores é o curto entre espiras e/ou enrolamentos. Já nos flybacks de monitor, os defeitos encontrados são outros, ou seja, curto no capacitor interno de MAT, vazamento de alta tensão e defeito nos potenciômetros, causando embaçamento na imagem.

Característica dos defeitos no flyback

  • Falta de brilho ou pouco brilho
  • Falta alta tensão
  • Falta largura ou largura reduzida (espira em curto no flyback)
  • Imagem embaçada

Teste de abertura e curto entre um enrolamento e outro
Com o esquema da TV em mãos, meça a continuidade das bobinas, de acordo com os pinos do flyback indicados no esquema, utilizando a escala de X10K no multímetro analógico. Também faça o teste de curto entre um enrolamento e outro.

Importante: para realizar este teste, o flyback deve estar fora da TV.

Teste de curto no capacitor interno (para flyback de monitores)
Com o multímetro na escala de X10K, coloque uma de suas pontas na presilha da chupeta de MAT e toque a outra em cada pino do flyback. Se o ponteiro do multímetro deslocar-se quando as ponteiras estiverem encostando nos pinos, o flyback estará em curto.

209 comentários para “Flyback (transformador de saída horizontal)”

  1. avatar izailton jose dos santos disse:

    gostei muito fiquei sabendo como tests um flaybak

  2. avatar Luiz Renato disse:

    Não tenho entendimento sobre esses assuntos, mas eu gostaria de saber onde encontro potenciômetro de foco para uma TV PHILIPS mod. 16 ct 6010.O autor dessa obra por favor, se souber, me responda.

  3. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Luiz Renato

    O potenciômetro de foco é responsável pela nitidez da imagem. A imagem quando está com o foco desregulado, apresenta-se desfocada.

    Já o potenciômetro de screen controla o brilho da trama. A imagem quando está com o screen desregulado pode apresentar-se escura ou muito clara.

    Nos aparelhos antigos, esses potenciômetros vinham instalados em pequenos invólucros de plástico fixados ao chassi do televisor.

    Atualmente, estes ajustes fazem parte do corpo do próprio flyback. Ao realizar manutenção neste setor, o técnico deve descarregar a tensão armazenada, uma vez que o mesmo produz tensões elevadas, como:

    • MAT 15.000V
    • Foco 7.000V
    • Screen 400V

    Um abraço!

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  4. avatar Luiz Renato disse:

    Agradeço as informações e a atenção dada para mim, prof. Mario! Agora gostaria de saber onde eu encontraria essa peça para comprar, pois tenho um televisor PHILIPS Modelo 16 CT 6010, ano 1985. Se soubesse, eu gostaria que me informasse onde tem , pois procuro em alguns lugares aqui em Sorocaba-SP e ainda não achei. Parabéns pelo blog e muitíssimo obrigado pelas informações.
    Luiz Renato-Redeorientv

  5. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Luiz,

    Em resposta ao post deixado em nosso blog, estamos lhe fornecendo uma lista das principais lojas de materiais eletro-eletrônicos de Sorocaba–SP.

    Audiosom Assistência Técnica
    Avenida Gal. Osório, 983 – Trujillo
    Telefone: (15) 3012-5592 Fax: (15) 3212-1000

    C. T. L. Eletrônica
    Rua. Conde Deu, 53 – Vl. Boa Vista
    Telefone: (15) 233-7445

    Delta Comercio de Produtos Eletrônicos e Serviços Ltda.
    Rua Raimundo Ribeiro dos Santos Filho, 147 – Julio de Mesquita Filho

    Eletrônica Apollo
    Rua Padre Luiz, 277 – Centro
    Telefone: (15) 3232-8046 Fax: (15) 3233-6850

    Eletrônica Franco
    Avenida. Washington Luiz, 823 – Jd. América
    Telefone: (15) 2317534

    Eletrônica Leca
    Rua Sete de Setembro, 204 – Centro

    Eletrônica Silva
    Avenida Independência, 4890 – A – Eden
    Telefone: (15) 3225-1150

    Elomac Comércio E Reparações Ltda.
    Rua. Dra. Elzia L. A. Dias, 152 – Vila Primavera
    Telefone: (15) 233-9685

    Quintino Eletrônica
    Av Presidente Kennedy, 335 – Jd Paulistano
    Telefone: (15) 3202.50.09

    Repel Eletrodomésticos
    Rua Souza Pereira, 455 – Centro
    Telefone: (15) 232-9728

    Um abraço!
    Conte sempre com o Instituto Padre Reus.

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  6. avatar MOACIR disse:

    oi eu queria saber se e verdade, que dentro de uma tv existe alta tenção mesmo com o aparelho desligado.

  7. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Moacir,

    Parabéns pela pergunta postada em nosso blog. Além de pertinente, certamente também é a dúvida de muitos técnicos. Porque a MAT fica armazenada no televisor mesmo após o aparelho ser desligado.

    Primeiramente devemos considerar dois pontos importantes em circuitos de televisão. O primeiro diz respeito ao efeito da capacitância que é o de armazenar energia elétrica sob a forma de um campo eletrostático. O segundo é a função do transformador flyback, responsável pela produção da MAT, assim como das demais tensões para o correto funcionamento do tubo de imagem.

    Moacir, acontece que ao redor do tubo de imagem existe um revestimento de grafite ligado à terra e dentro do tubo de imagem, existe igualmente, outro revestimento de grafite. Ambos os revestimentos formam dois condutores que se encontram isolados entre si pelo bulbo de vidro do tubo de imagem, formando uma capacitância, cujo valor fica em torno de 150pF a 2 KpF. É essa capacitância a grande responsável por manter a MAT no televisor, mesmo após o aparelho ser desligado.

    Conte sempre com o Instituto Padre Reus.

    Um abraço!

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  8. avatar Luiz Renato disse:

    prof. Mário, gostaria de saber se há internamente um potenciômetro para controlar o contraste da tv, pois tenho uma TV 16 ct 6010 que o ajuste de brilho, cor e contraste é manual (painel da tv) e quanto mais brilho ponho, mais fica a imagem esbranquiçada, mesmo com o máximo de contraste. e gostaria de saber também se preciso trocar a bobina de F.I, já que quando coloco cor a imagem fica com ondas e quando reduzo a cor (preto/branco) some as ondas. Obrigado pela atenção!
    Luiz Renato

  9. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Luiz Renato,

    Existem basicamente três controles de imagem, acessíveis ao usuário:

    Brilho – Ou “bright”, atua num pino do circuito de luminância para ajustar o nível de luz na tela do tubo;

    Contraste – Controla o tamanho do sinal de vídeo e a diferença entre as partes pretas e brancas da imagem

    Cor – Também denominado por saturação, atua no circuito de croma para deixar as cores mais fortes ou fracas.

    Esses controles fazem a tensão variar nos pinos do circuito integrado conhecido como “Faz tudo”. Antigamente estes controles eram realizados através de potenciômetros. Hoje, no entanto, são comandos do micro acessados através de um menu na tela do televisor.

    Alguns TVs têm um trimpot de sub-brilho interno. Os aparelhos mais modernos fazem os controles de brilho, contraste e cor através de dados seriais (data – SDA e clock – SCL) enviados pelo CI micro ao “Faz tudo”.

    Provavelmente, o defeito em seu televisor está indicando que um desses controles está se sobressaindo em relação aos demais. Para arrumar, faça um ajuste, onde exista um equilíbrio entre os três controles.

    Um forte abraço!!!

    Conte sempre com o Instituto Padre Reus

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  10. avatar Simone disse:

    Tenho um televisor tedelex EC 2109i . No ano passado contactei um reparador que resolveu o problema substituindo o Q 402 por um MD 1803 e o resistor 403 por um de 0.68 Ohm. Tudo funcionou bem por alguns dias até que novamente o mesmo problema retornou. Baixei na net o esquema do televisor e conclui que o transistor recomendado pelo fabricante é 2SD2499. No mercado (Moçambique) so está disponivel o D2499 que só funciona alguns segundos e o tv de novo avariado. Nova pesquisa na internet sugeriu o BU4805DX, este funciona alguns meses mas de novo a avaria. Ao ligar o tv o tamanho horizontal da imagem é reduzido, só segundos depois é que se normaliza. Outro problema é um ruído tic-tic ao ligar o televisor.
    O que está causando o problema? Peço ajuda.

  11. avatar Paulo disse:

    Professor Mário Limeira,

    Aproveitando a sua resposta para o Luiz Renato, gostaria de saber como faço para iniciar os testes ao televisor com segurança. Depois que desligo e mesmo passando tempos de teste fico sempre com medo. Como descarregar essa capacitância? Como saber se já posso tocar no tubo?

    Obrigado

  12. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado amigo,

    Respondendo sua dúvida sobre o transistor horizontal, ele é um transistor de potência, usado em televisores e monitores de computador, ligado no primário do transformador flyback. Esse transistor, comumente chamado de “saída horizontal”, recebe um sinal de onda quadrada em sua base, chaveando o flyback para que produza a alta tensão (MAT) necessária ao funcionamento do tubo de imagem. Quando tal transistor queima, o televisor ou monitor “para” de funcionar. O ruído “tic-tic” é um típico defeito no estagio horizontal, fazendo com que o transistor faça o chaveamento fora de tempo e que o televisor venha a apresentar alguma deformidade na tela, como redução parcial ou mesmo total da imagem. É muito comum esse transistor queimar quando flyback e ou bobina yoke estão alterados.

    Para testar o transistor horizontal fora do circuito, posicione o multímetro na escala de X10K, coloque a ponteira preta fixa no coletor (meio) e, com a vermelha, toque nos terminais restantes. O ponteiro não deve mexer em nenhum deles. Se mexer em algum ou nos dois terminais é porque o transistor está em curto. O teste no circuito é bem parecido com o feito fora, porém, o multímetro deverá ser colocado na escala de X1.

    Um forte abraço, e um ótimo curso a você amigo!!!

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  13. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Paulo,

    Para descarregar a MAT de um cinescópio (tubo de imagem), é preciso desconectar o aparelho da rede elétrica. Retire um dos cabos do multímetro e coloque a parte que normalmente é conectada ao instrumento, fixa à malha de aterramento que é presa ao redor do tubo de imagem. A ponteira de metal da outra extremidade da ponteira é aplicada na parte de cima do tubo, por baixo da chupeta, nas presilhas (terminal de alta tensão) encaixadas no tubo de imagem. Momentaneamente, você irá escutar um estalo, indicando que a MAT foi descarregada. Por segurança, repita este procedimento mais uma ou duas vezes.

    Assim como a MAT, a capacitância encontrada em alguns capacitores de filtro também deve ser descarregada. Para tal, o aparelho também deverá estar desconectado da rede elétrica. Para esse procedimento, você poderá utilizar uma lâmpada de 50W inserida em um soquete com dois fios ligados ao suporte da lâmpada. Encoste um dos fios no polo positivo do capacitor e o outro ao negativo do capacitor. Isso fará com que a lâmpada dê uma breve acendida provocando a descarrega do capacitor.

    Um forte abraço, e conte sempre com o Instituto Padre Reus.

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  14. avatar Rubens disse:

    Estou fazendo o curso e gostaria de saber como faço para resolver um defeito da TV mitsubishi TC – 2009 que tenho.
    Ela apresenta a imagem deslocada para a esquerda aproximadamente uns 5 centímetros ficando uma faixa preta nesse lugar e uma faixa vertical azul de uns 2,5 cm no meio da imagem. Além da imagem ficar como se existisse um véu na sua metade esquerda e os caracteres não aparecerem.
    Esse defeito somente desaparece (raras vezes) depois de muito tempo que ela está ligada,mas logo volta a aparecer.

    Desde já, Obrigado

    Rubens

  15. avatar João Afonso E. Hoepfner disse:

    Quanto a descarregar a MAT com duas chaves de fenda(uma no aterramento do tubo e outra na chupeta por baixo da borracha é correto este procedimento ?
    Para descarregar o capacitor de filtro da MAT é necessário retirar a chupeta do tubo (cinescópio) para descarrega-lo com a lâmpada ?
    Preciso abrir um monitor samsung 793 v e um 551v ambos não estão ligando.
    Agradeço desde já a colaboração.

    João Afonso

  16. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Rubens,

    Com base no relato que você nos passou, queremos lhe dizer que o televisor que você está tentando consertar, pode estar com dois ou mais estágios com defeito.

    Em grande parte das vezes em que o os caracteres OSD não aparecem, o problema está no microprocessador, uma vez que ele pode estar com algumas funções alteradas.

    O micro também pode gerar os outros defeitos mencionados, no entanto, o estagio que mais gera os demais defeitos é o horizontal, quando:

    • A bobina yoke entra em curto
    • O flyback entra em curto
    • Os capacitores de alta tensão alteram seus valores de capacitância
    • O transistor horizontal abre ou entra em curto.

    Um abraço!

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  17. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado amigo João,

    O procedimento de descarga do MAT através de duas chaves, sendo, uma encostada no aterramento e a outra de baixo da chupeta, é muito utilizado, embora seja perigoso, pois o técnico deve ter o cuidado de não encostar nas partes metálicas da chave de fenda. Existem outros métodos mais seguros.

    Para descarregar o capacitor de MAT, não é obrigado que a chupeta seja removida do tubo. Este procedimento pode ser realizado com uma lâmpada incandescente de 60W.

    Referente aos monitores que você irá realizar a manutenção corretiva, queremos alertá-lo sobre a importância do circuito anti-curto, também conhecido como circuito de lâmpada série. Certo!

    Um forte e caloroso abraço,

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  18. avatar João Afonso E. Hoepfner disse:

    Prof. Mario Limeira, boa taarde !!!

    Agradeço a resposta sobre como descarregar a MAT.
    Mas não entendi sobre o circuito anti-curto ou circuito de lâmpada série.
    Se pudesse me resumir oque significa !
    Estes dias no correio de minha cidade peguei um folheto sobre os cursos do Instituto Padre Réus e gostei, mas gostaria de saber se o curso de eletrônica radio e tv são utilizados nos exercícios e exemplos, aparelhos de tv mais recentes.
    Poderia me tirar uma dúvida do folheto.
    Qual seria o equipamento para auxílio em diagnósticos e reparos em Tv, aparelho de som, dvds e outors, exclusivo para os alunos do Padre Réus.
    Agradeço desde já.
    Um abraço
    João Afonso

  19. avatar Departamento Técnico disse:

    Amigo João Afonso,

    O Circuito Anticurto tem como objetivo proporcionar um dispositivo de proteção que permita ao técnico maior segurança durante os testes preliminares.

    Dessa maneira, caso haja qualquer tipo de curto-circuito no equipamento, principalmente na fonte de alimentação, a lâmpada do circuito Anticurto acenderá com seu brilho máximo, evitando assim, que o restante da alimentação da oficina, no caso a bancada de manutenção ou residência, seja cortada pelo desarme do dispositivo de proteção (disjuntor).

    Quanto ao nosso Curso de Radiotécnico e Eletrônica, este possui uma carga horária de 360 horas-aula e é composto pelos seguintes materiais:

    • 19 Fascículos de Estudo (média de 50 páginas cada)
    • 1 Fascículo de Matemática (importante para quem necessita recordar algumas operações)
    • 1 Identificador de valor de Resistores
    • 1 CD-ROM CEED
    • Supermanual de Eletrônica
    • Kit de ferramentas (Ferro de Solda, Chave de Fenda , Chave Philips e solda preparada)
    • Bancada de Teste Multifuncional com 7 kits:
    Amplificador de áudio, com saída ajustável;
    Teste Injetor de Sinais;
    Teste de Continuidade;
    Teste Pesquisador de Sinais;
    Teste de Semicondutores (diodos e transistores);
    Teste de Controle Remoto;
    Circuito de segurança contra curto-circuito;

    Atenciosamente,

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  20. avatar altemar disse:

    tenho uma tv cce 20″ que ao ligar demora aparcer imagem cerca de 5a10Min. já troquei a saida horizontal e o flayback, e testei varios componentes, não encontando nenhuma anormalidade, mas o problema continua. o que devo fazer.

  21. avatar altemar disse:

    como consigo baixar esquema elétrico de tv pela internet?

  22. avatar hugo disse:

    Amigo queria saber pq meu monitor esta com a imagem meio escura?
    ja tentei clarear no flyblack no proprio monitor e nada…sera que é defeito do flyblack?
    post essa ajuda ae…
    abraços…

  23. avatar Departamento Técnico disse:

    Caro Hugo,

    Normalmente, o defeito mencionado, acontece quando existe algum defeito no estagio de alimentação ou horizontal. Em geral quando esse defeito acontece, percebemos que somente a tela escurece, uma vez que o áudio permanece normal.

    Para certificar-se do diagnóstico, faça um teste com o multímetro sobre os seguintes componentes:

    - CAPACITOR DE FILTRO (verifique se não está alterado)
    - BOBINA YOKE (verifique se não existe curto entre as espiras)
    - SOQUETE DO CINESCÓPIO (verifique se não existe oxidação)
    - CHUPETA DO TUBO DE IMAGEM (verifique se não existe carbonização)
    - FLYBACK (verifique se não existe curto entre as espiras e ou potenciômetro de screen aberto)
    - CAPACITOR DE LARGURA (verifique se não está alterado)

    Um abraço e conte sempre com o Instituto Padre Reus.

    Atenciosamente,
    Departamento Técnico Pedagógico

  24. avatar Departamento Técnico disse:

    Caro Altemar,

    Geralmente o defeito que você menciona no post deixado em nosso blog, cuja característica apresentada é a demora no aparecimento da imagem na tela do cinescópio (cerca de 5 a 10 minutos) após ter sido ligado o aparelho, tem como provável causa a vida útil do cinescópio já esgotada. No entanto, existem situações, em que o soquete do cinescópio fica oxidado devido a umidade do ambiente ou em locais de maresia (próximo ao mar). Assim sendo, o primeiro passo é revisar se o soquete está oxidado ou com folga. Estando tudo normal então o passo seguinte será a substituição do tubo de imagem.

    Um abraço e conte sempre com o Instituto Padre Reus.

    Atenciosamente, Departamento Técnico Pedagógico

  25. avatar Aniello Veca disse:

    Parabens pelo seu apoio tecnico muito bom!
    Como faço para tirar esta duvida, desligo fio vermelho da deflectora todas as tensões ficam normais e para o tic tic.
    Aguardo sua orientação para fazer a pergunta.
    Aniello

  26. avatar oziel borges pereira disse:

    a tv entra energia mas nao abre a imagem , o que ocorre , e qual o diagnostico, seria o flay back?

  27. avatar marcos disse:

    Tenho um televisor tedelex EC 2109i . No ano passado contactei um reparador que resolveu o problema substituindo o Q 402 por um MD 1803 e o resistor 403 por um de 0.68 Ohm. Tudo funcionou bem por alguns dias até que novamente o mesmo problema retornou. Baixei na net o esquema do televisor e conclui que o transistor recomendado pelo fabricante é 2SD2499. No mercado (Moçambique) so está disponivel o D2499 que só funciona alguns segundos e o tv de novo avariado. Nova pesquisa na internet sugeriu o BU4805DX, este funciona alguns meses mas de novo a avaria. Ao ligar o tv o tamanho horizontal da imagem é reduzido, só segundos depois é que se normaliza. Outro problema é um ruído tic-tic ao ligar o televisor.
    O que está causando o problema? Peço ajuda.

  28. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Aniello,

    Provavelmente, este apito que se ouve na TV é proveniente do retorno de tensão +B podendo ser no circuito horizontal ou mesmo na fonte. Para saber onde se encontra o defeito siga o roteiro abaixo.

    1. Desligue a TV.
    2. Posicione a chave seletora do multímetro na escala X10.
    3. Coloque a ponta de prova preta no terra.
    4. Coloque a ponta de prova vermelha no coletor do transistor saída horizontal.

    O ponteiro do multímetro foi até o zero?

    Situação 01

    1. O ponteiro chegando ao zero significa que o próprio transistor pode estar em curto, o flyback ou diodo zener de 120V.
    2. Retire o transistor de saída horizontal e teste-o para saber se está em curto.
    3. Teste o diodo zener de 120V, ele está ligado na saída da fonte, linha +B. Faça o teste do diodo zener na escala X10.
    4. Se o transistor de saída horizontal e o diodo zener estiverem bons, ligue a TV sem o diodo zener e sem o transistor de saída horizontal. Veja se o apito permanece.
    5. Ao ligar a TV sem o transistor de saída horizontal e o apito sumir, desligue a TV, solde o transistor de saída horizontal em seu lugar e ligue a TV mais uma vez. Enquanto a TV estiver ligada produzindo o apito, veja se o transistor de saída horizontal está aquecendo ou mesmo o flyback. Quando o transistor de saída horizontal aquece, significa que o flyback está defeituoso. E quando o próprio flyback aquece é porque é ele que está em curto e provoca o apito.

    Situação 02

    1. Ao colocar a ponta de prova preta no terra e a ponta de prova vermelha no coletor do transistor de saída horizontal e o ponteiro do multímetro não deslocar até o zero, meça a tensão no coletor do transistor de saída horizontal. Mude a escala do multímetro para 250 DCV, ligue a TV. Faça a medida de tensão no coletor do transistor de saída horizontal. Você vai notar que a tensão está abaixo de 115V ou tensão 0 (zero).
    2. Neste caso o apito está sendo produzido na fonte e ela não fornece a tensão de 115V.
    3. Teste o regulador de tensão, se tiver outro em mãos substitua, e ligue a TV para saber se o defeito desapareceu. Caso permaneça o apito, substitua os capacitores eletrolíticos do oscilador da fonte de pequenos valores, entre 2,2mF a 47mF.
    4. Se ainda o defeito permanecer substitua o CI oscilador da fonte.

    Uma dica: Verifique os capacitores eletrolíticos na saída da fonte, um deles pode estar danificado e provoca o apito.

    Atenciosamente,

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  29. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Oziel,

    O defeito que você menciona no Blog, realmente pode estar acontecendo por causa do flyback. No entanto, antes de condená-lo, é preciso fazer alguns testes de tensões em pontos específicos como:

    TENSÕES NA SAÍDA DA FONTE

    - Se há tensão +B presente no chaveador, mas não existem tensões na saída da fonte, significa que o oscilador da fonte não está funcionando.
    - Verifique a presença de uma tensão baixa, cerca de 6V a 9V, no oscilador de fonte. Essa tensão vem do filtro que produz a tensão de 280V a 300V. A tensão alta passa por um resistor que tem o valor entre 150K a 680K, este valor varia conforme cada marca de TV.
    - Confira as tensões baixas no CI oscilador da fonte. Há casos em que esta tensão baixa fica ausente devido o diodo zener que entra em curto. Este diodo está ligado a um dos pinos do CI.
    - O CI oscilador pode entrar em curto e as tensões em seus pinos ficam ausentes. Substitua o CI caso os resistores e diodos que estão ligados nos pinos do CI estiverem bons
    - Os capacitores eletrolíticos de pequeno valor que estão ligados ao CI oscilador devem ser substituídos quando há defeito na fonte.

    NOTA: Se existe tensão na saída da fonte e essa não chega ao coletor do transistor de saída horizontal, significa que o defeito está entre a linha +B e o flyback. Como você sabe, a linha + B é a trilha que liga um dos diodos de tensão mais alta (90V, 115V, 120V), ao flyback. Seguindo esta trilha você encontra um resistor de alimentação de potência ou fusível que está ligado em série com um dos pinos do flyback. Normalmente, esse resistor tem um valor entre 0,3R a 10R e costuma abrir.

    TENSÕES AUSENTES NA SAÍDA DA FONTE

    A falta de tensão alta, 280V a 300V no chaveador é motivo da falta de retificação na ponte retificadora, as causas são:
    - Ponte retificadora aberta;
    - Resistor de alimentação defeituoso. Este resistor é de baixo valor (entre 0,3R a 10R) e está ligado à ponte retificadora;
    - Fusível e chave liga-desliga abertos ou trilhas interrompidas que ligam a tensão AC à ponte retificadora. Verifique se não há soldas frias na fonte de alimentação.

    TENSÃO NORMAL NO COLETOR SAÍDA HORIZONTAL

    Quando a tensão de 90V ou 115V está presente no coletor do transistor saída horizontal, significa que a fonte está boa. Nesse caso o defeito pode estar no oscilador horizontal ou Stand by.

    Para saber se o defeito está no circuito stand by ou no processador (oscilador horizontal), retire o transistor do stand by e ligue a TV se funcionar significa que o defeito se encontra do circuito stand by.
    - Meça a tensão no coletor do transistor Drive. Esta tensão pode variar de uma TV para outra e pode chegar a valores entre 12V a 48V.
    - Certifique-se de que há tensão nos pinos do CI oscilador horizontal (é o mesmo CI processador onde se encontra o circuito oscilador vertical, vídeo, croma, som, etc.). Para saber o pino de saída do oscilador horizontal, siga a trilha que liga a base do transistor drive até um dos pinos do processador, o pino que liga a base do transistor Drive é a saída do oscilador horizontal.
    - A ausência de tensão nos pinos do CI processador significa que há resistor aberto ou mesmo algum CI regulador de tensão de 12V ou 5V defeituoso.
    - Se o CI processador estiver alimentado, verifique se existe solda fria nos pinos deste CI, na trilha que liga a base do transistor Drive, no próprio transistor Drive e também na base e emissor do transistor saída horizontal.
    - Teste o transistor Drive e o transistor de saída horizontal fora da placa, para verificar se há fuga entre coletor e emissor.

    CIRCUITO STAND BY

    Este circuito quando está inoperante faz com que a TV deixe de funcionar.
    - Verifique se há 5V em um ou mais pinos do SYSCON, um dos pinos deste CI está ligado aos transistores do circuito STAND BY. A ausência da tensão de 5V, significa que existe solda fria, trilha rompida ou mesmo o CI regulador de 5V está aberto. Este CI recebe uma tensão da fonte que é regulada para 5V e ele está próximo ao SYSCON
    - Substitua o CI de 5V por outro da mesma referencia.
    - Testes os transistores (FET ) fora da placa. Teste os diodos que estão ligados neste circuito.
    - Verifique se há solda fria ou trilha rompida.
    - Substitua o SYSCOM.

    TENSÃO AUSENTE NO COLETOR DO TRANSISTOR DRIVE

    A falta de tensão no coletor do transistor Drive significa que o resistor de alimentação do transformador Drive pode estar aberto ou mesmo com uma solda fria no próprio resistor.
    Quando o transistor Drive entra em curto, provoca a ausência de tensão em seu coletor. Para saber se o transistor está em curto basta testa-lo no local na escala X10 do multímetro.

    NOTA: O CI oscilador horizontal quando altera sua freqüência, satura a base do transistor Drive provocando a queda de tensão no resistor de alimentação, fazendo que o mesmo aqueça demasiadamente, chegando até queimá-lo. Para saber se o problema da queda de tensão está no CI processador (oscilador horizontal), isole a base do transistor Drive. Ligue a TV e verifique se a tensão no coletor do transistor Drive apareceu. Caso a tensão do coletor surgir, significa que o CI oscilador está danificado. Nas TVs atuais existe um cristal ligado ao CI processador, este cristal quando danifica também altera a freqüência do oscilador. É aconselhável substituí-lo antes da troca do processador. O multímetro não detecta defeito no cristal.

    ATENÇÃO: Há casos em que o oscilador deixa de funcionar, deixando a tensão do coletor do transistor drive com o mesmo valor da tensão +B (120V), deixando a TV inoperante.

    TV NÃO FUNCIONA E OUVE-SE UM APITO

    Este apito que se ouve na TV é proveniente do retorno de tensão +B podendo ser no circuito horizontal ou mesmo na fonte. Para saber onde se encontra o defeito siga o roteiro abaixo.
    1. Desligue a TV.
    2. Posicione a chave seletora do multímetro na escala X10.
    3. Coloque a ponta de prova preta no terra.
    4. Coloque a ponta de prova vermelha no coletor do transistor saída horizontal.

    O ponteiro do multímetro foi até o zero?

    - Se o ponteiro chegar a zero significa que tanto o transistor de saída horizontal; o diodo zener de 120V ou próprio Fly-back podem estar em curto.
    - Se o transistor de saída horizontal e o diodo zener estiverem bons, ligue a TV sem o diodo zener e sem o transistor de saída horizontal. Veja se o apito permanece.
    - Ao ligar a TV sem o transistor de saída horizontal e o apito sumir, desligue a TV, solde o transistor de saída horizontal em seu lugar e ligue a TV mais uma vez. Enquanto que a TV está ligada produzindo o apito, veja se o transistor de saída horizontal está aquecendo ou mesmo o fly-back. Quando o transistor aquece, significa que o fly-back está defeituoso. E quando o próprio fly-back aquece é porque ele está em curto e provoca o apito.

    O ponteiro do multímetro não foi até o zero?

    - Meça a tensão no coletor do transistor de saída horizontal. Se você nota que a tensão está abaixo de 115V ou tensão 0 (zero), é porque o apito está sendo produzido na fonte.
    - Teste o regulador de tensão, se tiver outro em mãos substitua, e ligue a TV para saber se o defeito desapareceu, caso o apito permaneça, substitua os capacitores eletrolíticos do oscilador da fonte de pequenos valores, entre 2,2mF a 47mF.

    Se ainda o defeito permanecer substitua o CI oscilador da fonte.

    Uma dica: Verifique os capacitores eletrolíticos na saída da fonte com um capacimetro, um deles pode estar danificado e provoca o apito.

    Um abraço!

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  30. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Marcos,

    Existem inúmeros componentes falsificados no comercio. Esses componentes podem parecer fisicamente com os componentes originais, no entanto, possuem valores de potência, corrente e tensão, inferiores dos mencionados nos datashet.

    Recentemente, estava conversando com outro técnico, sobre a queima dos transistores horizontais após os mesmos serem trocados. Depois de alguns minutos, detectamos que muitos técnicos, por falta de esclarecimento, trocam esses transistores, observando apenas os valores de tensão máxima entre coletor e emissor, bem como, o valor máximo de corrente do coletor. Esses transistores podem até funcionar no televisor, porém, em poucos dias ou mesmo meses, voltam a queimar. Tal fato acontece porque na substituição não é observado o valor de pico da tensão e da corrente do transistor.

    Observe a seguir, os valores de um transistor de saída horizontal, muito utilizado atualmente: transistor BU2508DX:

    • Tensão máxima entre Coletor-emissor (base livre) – 700V
    • Tensão de pico entre Coletor-emissor – 1500V
    • Corrente contínua máxima do coletor – 8A
    • Corrente contínua de pico do coletor – 15A
    • Dissipação de potência total – 45W

    Conforme você pode observar, existe uma grande diferença entre os valores máximos e os valores de pico do componente. Assim, daqui para frente, queremos que comece a considerar os valores de pico, pois certamente, muitos de seus problemas irão acabar, evitando a queima desses componentes com certa frequencia.

    Um abraço!

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  31. avatar Sidivane Pinheiro disse:

    Estou começando agora nesse ramos.
    Uma tv com todas as peças de saida orizontal em bons estado pode de a tv não abrir a imagem.

    Obrigado pela dica

  32. avatar SERGIO disse:

    E FIZ O CURSO TEC DE TV COM VÇS VÇS SAO OS MELHORES OTIMO MATERIAL A BANCA ANTICURTO E EXELENTE VEM COM PESQUISADOR DE SINAL PARA MONTAR NO PASSO A PASSO INJETOR TUDO DE BOM FOI MAIS DE UM ANO DE ESTUDO E TRABALHO NA AREA DE TECNOLOGIA MAS A PERGUNTA QUE NAO QUER CALAR E DE UMA ITAUTEC 2956 29 POLEGADA ELA TAVA COM UM RETRAÇO FECHADO ABAIXO DA TELA TROQUEI OS CAPACITOR ESTUFADOS E QUANDO LIGUEI ELE NAO LIGOU GASTEI MUITO DINHEIRO NELE VÇS TEC TEM COMO DAR UMA DICA PARA ENTREGALO OBRIGADO

  33. avatar SERGIO disse:

    ESSA DUVIDA TV PHILCO2956 29 POLEGADA QUE POSTEI VI NO SITE QUE ERA PRA TROCAR O MICRO PROCESSADOR TDA8843 SERA QUE RESOLVE EU VI NO SITE DE VASCO DA GAMA PROBLEMAS RESOLVIDO MAS TO COM DUVIDAS DA TROCA PORQUE NAO SE VENDE A ONDE EU MORO TEM DELE DIFERENTE ME DEM UMA AJUDA VALEU NAO EXISTE CRECIMENTO SEM PROBLEMAS E OBSTACULOS PG 25 MONTAGEM DA BANCADA DICAS

  34. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Sergio,

    Tendo como base o defeito descrito por você, entendemos que o estágio com defeito é o vertical. Como você sabe a saída vertical é responsável pelo correto funcionamento da bobina defletora, também conhecido como bobina yoke, e se a mesma estiver alterada ou em curto causará defeito semelhante ao que você nos postou.
    Para fins didáticos utilizaremos parte de um diagrama elétrico do estagio vertical de um televisor, cujo modelo é diferente do mencionado em sua postagem.

    Clique aqui para ver a imagem

    Com base nesse diagrama elétrico citamos alguns possíveis defeitos comuns nesse estágio:
    • Capacitor eletrolítico C304 juntamente com o diodo D301com defeito pode causar linhas na parte superior da tela, responsável pelo apagamento da tela. Nesse caso você pode girar o potenciômetro do screem no flyback, para ver se aparece uma linha no meio do tubo de imagem.
    • Capacitor C303, conforme seu estado pode causar faixa na parte inferior da tela, e também pode deixar a tela tremendo.
    • O transistor Q301 é responsável pelo acionamento do circuito de proteção, sua base estando mais negativa que seu emissor o mesmo satura e passa a deixar o seu emissor aterrado, desta forma será acionado o pino do micro de proteção.
    • Resistores do estágio vertical alterados: Quando isso ocorre, é comum o vertical fechar ou então o televisor mostrar apenas metade da tela. O mesmo ocorre quando os capacitores desse estágio estão com defeito.

    Como citado em sua postagem, você trocou os capacitores e o televisor não ligou mais, certo? Sendo assim conforme vimos acima, o defeito pode estar relacionado ao circuito de proteção do televisor.
    Concluindo, faça as verificações necessárias no seu televisor, salientando mais uma vez que as posições dos componentes citados nesse diagrama podem não ser as mesmas encontradas no TV Philco 2956.

    Um forte abraço a você amigo!!!
    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  35. avatar Departamento Técnico disse:

    Amigo Luís,

    A modalidade de ensino empregada pelo IPR é o de “Instrução Programada a Distância”, mantendo como elemento-chave a comunicação bidirecional e permanente troca de informações entre professor/aluno.

    Certamente, é na didática aplicada em nossos cursos que está o grande diferencial do IPR como entidade de ensino, pois o nosso processo educacional é centrado no aluno, que recebe atendimento individual.

    O EaD do IPR independe do lugar onde se encontram as pessoas envolvidas no processo de aprendizagem e o tempo para a conclusão dos cursos profissionalizantes é variável, de acordo com a realidade de cada aluno, do seu tempo disponível para os estudos e da sua evolução na construção do seu conhecimento.

    Nesse sentido, queremos informá-lo que sempre que tiver alguma dúvida e necessitar seu esclarecimento, poderá entrar em contato com a escola através do link provas e consultas do nosso site ou ainda enviar um e-mail para central@ipr.com.br uma vez que o espaço destinado a comentários no blog é limitado e, portanto, poderá dificultar a nossa comunicação.

    Certo de sua compressão, queremos lhe dizer que você pode contar sempre com o Instituto Padre Reus.

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  36. avatar Departamento Técnico disse:

    Sidivane,

    Respondendo seu comentário, partiremos do princípio que você já conheça os conceitos básicos do funcionamento de um televisor. Assim sendo, vamos criar uma linha de raciocínio em cima de uma televisão, que esteja com o +B normal e que possua uma de suas derivações de tensão secundária com defeito.

    Sabemos que atualmente, a grande maioria dos televisores modernos trabalha com um circuito integrado conhecido como microprocessador, o qual, comumente é chamado como “coração do televisor”, uma vez que ele recebe e envia informações para todos os estágios do aparelho. Para que esse microprocessador possa funcionar, é necessário que ele seja alimentado com uma tensão continua derivada do secundário da fonte de alimentação.

    Agora, se porventura esse circuito integrado não for alimentado, o mesmo não entra em funcionamento e não processa os dados que os estágios precisam para funcionar. Quando isso ocorre, o televisor não entra em funcionamento e a tela permanece apagada.

    Dessa maneira, podemos dizer que a televisão pode sim, vir a não abrir a imagem, estando o circuito horizontal em bom estado. Como você pode observar, se a fonte de alimentação estiver com defeito, certamente, alguns estágios do televisor podem vir a não funcionar.

    Assim, concluímos a reposta a seu comentário e esperamos que você tenha compreendido o assunto.

    Um abraço!
    Conte sempre com o Instituto Padre Reus.

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  37. avatar sergio disse:

    obrigado pelas dicas da tv philco 2956 pelas trocas do componentes que estavam em avaria nem passava pela cabeça mas agora o apresentou outro defeito e queasaida horizontal ta esquentando acima do limite de segurança voçes podem me dar alguma ajuda sobre esse defeito eu ja ia entregar a tv mas agora apresentou mais essa obrigado pela explicaçao e obrigado a todos os professores da i p r otimo material

  38. avatar sergio disse:

    obrigado pelas dicas o curso tecnico do ipr a distancia e o melhor que ja li obrigado pela orientaçao sobre a manutençao do tv philco 2956 tambem troquei o micro processador tda se eu nao me engano 3948 o chamado faz tudo problema resolvido valeu ipr pelo blog esta demais

  39. avatar Rafael disse:

    Amigo,consertei um televisão Philips 20p(Tipo 20GX1658/78R) ,a tv não ligava,ao trocar o Flyback,voltou a funcionar,troquei 4 capacitores inchado da fonte,e voltou a funcionar normalmente,mas ao colocar no canal AV,percebi que a imagem fica clareada e com algumas linhas horinzontais,esse problema não se percebi na canais abertos,Na AV percebi porque antes de ligar o DVD tela deveria ficar totalmente preta e limpa,mas não ocorre,fica clareada e linhas horizontais ,ao ligar o dvd quase não percebi esse problema,o que vc poderia indicar pra resolver esse problema

  40. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Rafael,

    Ao ser trocado o flyback, normalmente a tensão de screem tem que ser ajustada. Isso é bastante comum quando se substitui esse componente. Sua substituição deve ser sempre por outro com as mesmas características do original.

    No flyback você encontra dois potenciômetros fixados no próprio corpo do componente. O de cima geralmente é o ajuste do foco e o de baixo é o ajuste do screem.

    Para o ajuste do screem, gire o potenciômetro de um lado para o outro, usando uma chave de fenda pequena ou uma chave philips. Durante o ajuste, você deve ficar observando a tela do televisor, pois dependendo do sentido que girar o potenciômetro, os retraços aumentam ou diminuem.

    Um abraço, e conte sempre com o Instituto Padre Reus.

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  41. avatar fabio ramos freitas disse:

    ola sr.tecnico… epelo fato de existir muitos tecnicos em eletronicas desonestos que eu resolvi fazer o curso, o ultimo trocou uma peça boa da minha por uma mal, e apresentou outro defeito,,e me cobrou um preço absordo por conserta uma tv minha cce de 21 ploegadas com problema de solda fria, me cobrou 100$ reais,ele me disse que existe uma tabela de concerto de cada tipo,,,me tira essa duvida? existe essa tabela? e o valor estar certo?

  42. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Fábio,

    Como sabemos, o universo da eletrônica é muito diversificado. Existem técnicos que cobram um preço justo, enquanto que outros, de repente, trocariam o fusível e cobrariam como se tivessem consertado a fonte.

    Existe muito disso por ai, porém o correto é sempre cobrar um valor adequado ao serviço, pois assim você conquista a confiança dos seus clientes que, com certeza, retornarão em novas oportunidades.

    Um abraço.

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  43. avatar fabiano de carvalho disse:

    vcs tem crssos de tv de plasma e lcd?

  44. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Fabiano,

    Obrigado por sua participação.

    Ainda não ministramos cursos de TVs de plasma e LCD, mas agradecemos a sua sugestão.

    Abraço,

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  45. avatar rafael disse:

    meu nome é rafael como eu posso descobrir quando uma tv esta com deifeito e onde eu posso achar o defeito dela

  46. avatar Departamento Técnico disse:

    Caro Rafael,

    Podemos afirmar que o televisor quando está com algum problema, geralmente apresenta o defeito na tela, não especificamente o que está com defeito, mas em qual circuito o defeito se encontra. Tendo base nisso, podemos diagnosticar um defeito com mais eficiência e em menos tempo, o que para um técnico de bancada é muito bom. Obviamente, como em qualquer área, para descobrir um defeito é preciso conhecimento e treino, que são construídos ao longo do Curso de Radiotécnico e Eletrônica.

    Abraço,

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  47. avatar wesley louzeiro disse:

    Eu tenho uma TV Toshiba 2916N e seu transistor de saída horizontal queimou, eu troque e queimou novamente, testei o flayback , a bobina York, os capacitores c444 e c450 o qual será o possível problema.

  48. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Wesley,

    Quando a tela do televisor esta totalmente fechada, o flyback é um dos componentes cuja condição de funcionamento deve ser verificada. Entretanto, outros componentes que estão agregados ao circuito de saída horizontal também devem ser pesquisados, como é o caso dos capacitores C444, C450 e do capacitor C416 que está ligado ao transformador driver. Ele pode estar alterado com fuga ou em curto, fazendo com que a tensão seja aterrada. Caso não tenhas um teste de capacitor (Capacímetro), substitua-os.

    Troque o transistor de saída horizontal e solde somente coletor e base, ligue o aparelho e escolha um negativo (terra) bom, de preferencia a carcaça do seletor de canais. Meça se há alguma tensão aonde vai conectado o emissor do transistor de saída horizontal na PCI, se tiver uma tensão de aproximadamente 130V descontando a queda de tensão de R416, o capacitor C416 está em curto e precisa ser substituído.

    Se preferir, retire o capacitor da C416 da PCI e meça-o com um multímetro analógico para identificar um possível curto no capacitor ou ainda se tiveres outro capacitor igual, substitua-o.

    Verifique também R416, R417, R418 e Q403. Para certificar-se que este circuito esteja em perfeitas condições de funcionamento. Um defeitinho nesse circuito pode ser fatal para o transistor de saída horizontal, sendo que o mesmo é um componente sensível.

    Abraço,

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  49. avatar adolfo valdivino da silva disse:

    estou com uma tv cce que so fica com o ledes aceso nao liga tem +B110 normal no coletor do transistor horizontal, +5v no micro normal voltagem no coletor do transisto pre normal,mas quando aperto para ligar nao liga,por favor me da uma dica do que fazer,desde ja obrigado

  50. avatar adolfo valdivino da silva disse:

    tv cce hps 1465 so fica com ledes aceso nao liga v103 nomal v5 normal so nao tem a voltagem de 9v que sai da fonte do flybeck por favor me ajude com esse pipino desde ja obrigado

  51. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Adolfo,

    Pelo que você descreve, o televisor apresenta a tensão de +B que vai ao flyback, certo? Por essa informação podemos criar um ponto de partida na análise do defeito e concentrarmos a pesquisa do defeito desse aparelho sobre o flyback ou algo que esteja envolvido com esse componente.

    Na análise do circuito, temos que as tensões secundárias são necessárias para o funcionamento das deflexões vertical e horizontal. Portanto, primeiramente você deve verificar se há soldas frias na PC. Se houver, refaça, pois uma solda fria em algum desses circuitos mencionados acima, pode causar o não funcionamento do televisor.

    O próximo passo é verificar o estado de funcionamento do flyback. Para descarregar o tubo de imagem, você pode utilizar uma ponteira do multímetro. Fixe uma das extremidades no aterramento do tubo (cabo de aço que envolve o tubo de imagem). Coloque a ponta de uma chave de fenda, embaixo da chupeta de modo que ela encoste na ponta do cabo de alta tensão e a outra extremidade da ponteira encoste na parte metálica da chave.

    Vale lembrar que não se deve encostar nas partes metálicas durante esse procedimento, pois como a tensão no tubo de imagem é alta, você poderá levar um choque.

    Com o tubo de imagem descarregado, retire a chupeta do mesmo e dessolde o flyback da PCI para efetuar a medição de suas bobinas.

    Faça a medição utilizando um multímetro analógico na escala de X1. Se alguma bobina estiver em curto, o flyback deve ser substituído.

    O terminal de alta tensão que vai conectado ao tubo de imagem também deve ser medido. Para isso selecione o multímetro para a escala de X10K; coloque uma das ponteiras do multímetro no terminal de alta tensão e meça os outros terminais que são conectados à PCI. Nessa medição, se o terminal de alta tensão medir com qualquer um dos terminais que vão conectados à PCI, podemos concluir que o mesmo está em curto e deve ser substituído.

    Conte sempre como Instituto Padre Reus.

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  52. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Adolfo,

    Esse televisor não está com problema de fonte, essa tensão de 9V à qual você se refere, aparece somente quando a fonte “arranca”.

    Verifique todo o estágio do horizontal, se o transistor de saída horizontal estiver com fuga ele pode apresentar esse defeito e aquecer demasiadamente. Verifique também o transformador drive e o transistor que excita o transformador. Se esse transformador estiver aberto o televisor não liga, pois não terá polarização na base do transistor de saída horizontal.

    O mesmo acontece se o transistor que excita o transformador driver estiver queimado. Como não há polarização no transformador driver o mesmo fica inoperante e o televisor também.

    Esse televisor pode estar com o flyback queimado, depois que você verificar os passos acima mencionados, convém trocar o flyback para testar, e verificar resistores de baixo valor que ficam próximo ao fly back. Esses resistores fazem parte do circuito de start do aparelho.

    Conte sempre como Instituto Padre Reus.

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  53. avatar adolfo valdivino da silva disse:

    ja troquei o flyback,transistor pre,transformador driver,resistores estao bons saida horizontal boa ja troquei o micro o ci faz tudo e nada da tv ligar,bobina deflectora boa,obsevaçao o ledes fica aceso mas nao da o starte, me de mais aguma dica por favor.

  54. avatar adolfo valdivino da silva disse:

    resolvido troquei o capacitor c232 de 470 micro que estava com sua capacitancia auterada pois estava dando 278 micro ele vai no pino 1 do ci 7809 na linha de 16v falou ate a proxima.

  55. avatar adolfo valdivino da silva disse:

    boa tarde estou com uma tv sony kv2158b que estava funcionando so que nao tenha video ao abrila constatei que estava toda umida pois deve ter derramado agua nela entao resovi lavala e depois secala, so que ao ligar nao quis mas funcionar,por favor me ajude ,tem 127v no flybeck

  56. avatar RENATO APARECIDO DE MELO disse:

    OLÁ PROF: SOU ALUNO DO IPR JÁ A UNS TRÊS ANOS,POIS SEMPRE ESTOU FAZENDO NOVOS CURSOS COM VCS EX: O CURSO DE RADIOTÉCNICO E ELETRÔNICA FIZ NO IPR CURSO NOTA 1000!!! E GOSTARIA QUE ME DESSE ALGUMAS DICAS SOBRE UMA TV Q ESTA NA MINHA OFICINA JÁ HA ALGUM TEMPO É A TV CCE MOD:HPS-1402, STAND-BY ACENDE NORMAL QUANDO LIGADA NA REDE,MAS AO LIGAR FAZ UM ZUMBIDO FORTE COMO SE FOSSE NO FLY BACK E O TANSISTOR HORIZONTAL SUPERAQUECE RAPIDAMENTE E CONSEQUENTEMENTE ELE ENTRA EM CURTO JÁ TROQUEI O FLY BACK E O TRANSISTOR HORIZONTAL POR FAVOR SE PUDER ME AJUDAR AGRADEÇO POIS JÁ GASTEI COM PEÇAS MAIS DO Q O ORÇAMENTO Q DEI PARA MEU CLIENTE EMBORA ELE SEJA MUITO PACIENTE QUERO RESOLVER O PROBLEMA O MAIS RÁPIDO POSSÍVEL AGRADEÇO SUA RESPOSTA ASS:RENATO…

  57. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Adolfo,

    Você citou em seu post que o televisor estava molhado, certo? Bem, ao lavar o aparelho é necessário que deixe o mesmo secar ao sol, para que assim seque-o por completo.

    Normalmente quando é necessário fazer uma limpeza com água em uma PCI, a mesma deve ficar ao sol pelo menos uns dois dias.

    Como você a ligou na rede elétrica, é necessário saber se a fonte tem todas as tensões, principalmente se está chegando tensão no microprocessador. Esse componente, se danificado, custará um tanto caro, pois é ele que faz tudo no circuito.

    Verifique se há solda fria na placa e ressolde todos os pontos em que a solda estiver com suspeita de estar quebrada.

    Qualquer componente da fonte que estiver danificado deve ser substituído somente por igual e original comprado em uma oficina autorizada, caso contrário, você trocará os componentes e eles vão dar defeitos novamente.

    Como você disse que tem 127V no fly back, verifique o restante das tensões para ver se está operando normalmente.

    Conte sempre como Instituto Padre Reus.

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  58. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Renato,

    Ao verificar que o transistor de saída horizontal está esquentando demasiadamente, dê uma olhada nos componentes que estão ligados à base desse transistor. Verifique o estado de C427 e R416 que estão ligados à massa (terra), pois se algum deles estiver em curto ou com baixa resistência, certamente queimará o transistor de saída horizontal. Isso acontece devido ao aumento de corrente na base desse transistor fazendo com que haja uma corrente excessiva entre coletor e emissor.

    Um teste que você pode fazer é retirar o conector da bobina defletora da PCI. Nesse caso, ao ligar o televisor verifique se o mesmo não aquecerá o transistor de saída horizontal. Se não aquecer é necessário que se troque a bobina defletora (yoke) para testar se é somente aquele defeito.

    Outro teste que você pode fazer para verificar de onde está vindo o defeito é desligar da PCI o coletor do transistor de saída horizontal, assim se o mesmo parar de aquecer é necessário que seja analisado a linha do coletor desse transistor. O mesmo você pode fazer com a base desligando-a do circuito.

    Verifique se o resistor R411 é de 2K2 ou de 4K7, se for de 2K2, substitua por um de 4K7 3W.

    Há uma modificação obrigatória em todos os televisores HPS 1402 e HPS 2004:

    Retire o “jumper” JC 16 e inclua em sua posição um capacitor eletrolítico de 1uF/50V, para isso, após retirar o jumper, com um multímetro, verifique em qual dos lados está o positivo, para que o capacitor seja conectado de forma correta no circuito.

    Inclua um resistor de 22K em paralelo com um diodo 1N4148 da posição D406. Coloque esse resistor embaixo da PCI com os terminais curtos, para que o mesmo não curto-circuite outros componentes que estiverem pertos.

    Essa modificação é feita pelo aquecimento excessivo do resistor R411 quando o televisor está em stand by.

    Se o televisor não está ligando, verifique também se Q401 não está em curto, pois ele excita o transformador driver e esse faz com que o transistor de saída horizontal comece a oscilar.

    Tendo em vista que esse transformador está sendo alimentado com uma tensão aproximadamente de 103 volts, ele induzirá uma tensão no transistor de saída horizontal e esse conduzirá permanentemente ao invés de oscilar fazendo com o mesmo aqueça demasiadamente e queime.

    Conte sempre como Instituto Padre Reus.

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  59. avatar adolfo valdivino da silva disse:

    ola professor.
    estou com uma tv RP20CB20A da marca lg ela liga normal da todas as funçoes pega canal normal mas apos uns 10 minutos ela desliga e liga novamente e fica neste ciclo liga desliga ela estava com muita solda fria eu fis uma revisao geral mas nao adiantou ,HA troquei o CI principal, memoria e nada capacitores da linha de +b ja troquei pesso uma dica por favor pois ja estou com esta tv mais de 15 dias e nada desde ja agradesso.

  60. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Adolfo,

    Obrigado por sua participação em nosso blog.

    Nosso trabalho é estimular o processo de aprendizagem dos nossos alunos e, para tanto, sempre estamos disponíveis para atendê-los, estimulando-os e ajudando-os no desenvolvimento dos seus estudos.

    Ficamos surpresos ao analisar sua dúvida postada em nosso blog, pois percebemos que você já havia postado a mesma pergunta em um fórum de eletrônica de outro site, e, com a ajuda de seus companheiros de fórum, acreditávamos que havia solucionado o problema.

    De qualquer maneira, vamos fazer alguns comentários sobre sua dúvida:

    Pelo sintoma que você descreveu, e pelas dicas que foram postadas, observa-se que vários defeitos podem ocasionar o problema.

    Como você ressoldou a PCI e verificou os capacitores da linha +B, o próximo passo provavelmente foi verificar os capacitores de baixa tensão na fonte de alimentação.

    Se o capacitor da fonte estiver com sua capacitância alterada, fora da tolerância permitida, ou seja, não estiver na faixa de 5 ou 10%, conforme o capacitor, ele poderá ser o responsável por esse defeito. Com a capacitância desse capacitor alterada, pode passar por ele uma corrente maior fazendo com que o mesmo aqueça. Esse aquecimento proveniente da corrente que está circulando pelo componente pode ocasionar uma corrente de fuga no capacitor. Assim, quando ele aquece, surge uma corrente de fuga e o televisor aciona a proteção.

    Nesses casos, quando a fuga no componente é considerável, podemos verificar com o multímetro analógico. Entretanto, se a fuga é só quando o componente aquece, precisamos de uma fonte geradora de calor para ver o defeito – geralmente troca-se o capacitor por outro novo e original.

    Outra análise de pesquisa que você poderia ter seguido era ter verificado a linha do ABL, pois se tivesse algum resistor de valor alto aberto, poderia ocasionar esse defeito.

    Conte sempre como Instituto Padre Reus.

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  61. avatar adolfo valdivino da silva disse:

    problema resolvido da tv rp20cb20a era o capacitor da fonte principal estava com a capacitancia alterada ok obrigodo, ate a proxima

  62. avatar leandro de aguiar disse:

    ola gostaria de tirar uma duvida estou com uma tv philco de 14 polegadas que está dando estralos no flyback e saltando faiscas do ferrite para o capacitor da placa do circuito o que eu deveria fazerpra resolver esse problema?

  63. avatar joelson machado disse:

    gostaria de saber como faço para te dicas de conserto com o pessoal dai

  64. avatar joelson machado disse:

    estou com uma tv semp que ao ligar a imagem aparece sem brilho e com linhas de retraço tentei ajustar o pot de screen no fly back mas nao da ajuste alguem pode me dar uma dica?

  65. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Leandro,

    Esse problema acontece, mas não frequentemente. Providencie a troca desse fly back por um novo.

    O defeito acontece porque os enrolamentos do transformador horizontal (fly back) aquecem e esfriam e em consequência disso, danificam a estrutura plástica que envolve o componente que acaba ressecando. Devido ao ressecamento do involucro do componente, o mesmo fica mais frágil e por consequência disso, começa a produzir fugas de alta tensão.

    Essa faísca que você viu tem alguns quilo volts (Kv), sendo muito desconfortável levar um choque elétrico de um fly back.

    Para efetuar essa manutenção, utilize uma tomada anticurto para testar aparelhos eletrônicos e só ligue esse televisor depois que você efetuar a troca do fly back, pois essa faísca que “salta” do fly back para o capacitor, na verdade está saltando para a massa do aparelho (terra), utilizando o negativo do capacitor. Sendo assim, essa faísca pode queimar componentes sensíveis como os circuitos integrados e o problema acaba se intensificando.

    Por precaução, verifique o capacitor que recebeu a descarga elétrica do fly back, a fim de verificar se ele se encontra com sua capacitância alterada. Caso a capacitância esteja fora da tolerância, que varia de 5 a 10%, troque-o para evitar futuros problemas.

    Conte sempre como Instituto Padre Reus.

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  66. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Joelson,

    Sou o Prof. Mário Limeira, Coordenador do Departamento Técnico do IPR e tenho a grata satisfação e a responsabilidade de acompanhar o desenvolvimento da formação profissional dos nossos alunos.

    Inicialmente, quero dizer que muito alegra-nos poder manter contato com você, pois é uma de nossas propostas prioritárias, o estreito e amistoso relacionamento do Instituto Padre Reus com aqueles que procuram qualquer tipo de informação sobre nossos cursos.

    O ensino profissionalizante do IPR tem como objetivo formar profissionais de sucesso, oferecendo, durante os cursos, todo suporte para que possam adaptar-se às diferentes tarefas, tendo um aperfeiçoamento contínuo, na medida em que evolui o desenvolvimento do aprendizado do aluno.

    Na modalidade de ensino de “Instrução Programada a Distância”, empregada pelo Instituto Padre Reus, as informações e conhecimentos do Curso de Radiotécnico e Eletrônica são ministrados em grau crescente de dificuldade e com permanente orientação e apoio dos nossos professores durante todo o curso. Certamente, este é o nosso grande diferencial como entidade de ensino a distância.

    Teremos o maior prazer de recebê-lo como aluno da nossa Escola. Nossa meta é construirmos juntos, um bom profissional que procure o lado do aprimoramento técnico constante e que acredite em seu trabalho qualificado.

    Conte sempre com o Instituto Padre Reus.

    Atenciosamente,

    Professor Mário Limeira

  67. avatar Hugo Manoel disse:

    Olá! Tive o prazer de localizar este Blog e gostei muito das explicações, muito claras e diretas!
    Se puder me ajudar estou com uma TV Philips 29PT8422/78 chassi L05U e a mesma esta queimando o Trans. da saída horizontal e após o aparelho fica apitando ( pi-pi-pi ) . Troquei o transistor, mas queimou novamente e fazendo o mesmo apito. Creio q pode ser o Flyback, mas antes de queimar o T, notei q a imagem estava na 1ª vez com falta de largura e na 2ª vez ficou trapezional e achando que deveria ser a BD/Yoke H medi a mesma que apresenta uma resistencia de 1 Ohm o que achei estranho, pois os que vi antes apresentaram esse defeito zerava a escala.
    Se puder me dar uma pequena ajuda, porque se realmente for o Yoke, para esse modelo terei dificuldade de encontrar o mesmo.
    Obrigado!

  68. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Hugo:

    No caso desse televisor, você deve verificar se os capacitores de largura e altura estão com a capacitância correta, pois os mesmos podem apresentar defeitos e ocasionar esse sintoma.

    Verifique a bobina defletora, se ela não está em curto, retire o conector da bobina defletora com a PCI e ligue o aparelho para ver o que acontece. Se o ruído parar, então se deve verificar a bobina e os componentes que estão nessa linha.

    Outro teste que você pode fazer é retirar a solda do +B do flyback ou retirá-lo do circuito. Nesse caso, se o ruído que você mencionou parar, então o flyback deve ser trocado para testar.

    Outra coisa que se deve levar em consideração, são as soldas frias. Faça uma revisão detalhada nas soldas do estágio horizontal e na fonte, pois se algum componente estiver com mau contato na PCI, devido à frequência de trabalho do circuito, pode causar alguns ruídos e até a queima de componentes.

    Atenciosamente,

    Professor Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  69. avatar ivan barros da silva disse:

    estou com problema em um tv lcd 42 toshiba. quando frio ao ligar aparece som e imagem, porem imediatamente a imagem borra e apaga ficando a tela azul e som normal. cerca de 3 a 5 minutos desligo e ligo novamente e fica tudo normal.agradeço se poder me ajudar.
    grato
    ivan

  70. avatar clarindo de fortaleza disse:

    peguei uma tv lç rp20cb20a que as teclas nao obedece os comandos,
    so funciona pelo controle remoto.obs- ja troquei todas as teclas.
    obrigado

  71. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Ivan,

    Os televisores LCD’s possuem uma tecnologia muito complexa, dessa forma o conserto desses aparelhos necessitam de conhecimentos específicos.

    Pelo que você descreveu, o sintoma que esse televisor está apresentando indica que talvez o back light não esteja funcionando corretamente em função de um defeito na PCI.

    O “inverter”, como os técnicos costumam falar, tem por finalidade corrigir o brilho do back light o tempo todo.

    Como você não citou o modelo desse televisor, não temos como ser muito específicos, por isso, o que estamos escrevendo é baseado nos defeitos mais comuns nesses aparelhos.

    Na PCI principal há reguladores, que regulam a tensão para 1V2 e 3V3, se essas tensões estiverem pouca coisa alterada, pode causar esse defeito.

    Nesse mesmo circuito, há 7 indutores, responsáveis por manter a tensão de 3V3, caso algum dos indutores estiver alterado, provocará uma queda brusca na tensão de 3V3, que alimenta certa etapa do IC responsável pela distribuição da imagem.

    Outra dica não menos importante, é verificar, com um osciloscópio, se na saída dos IC’s (recomendo que para isso se tenha o esquema elétrico do aparelho) há tensão de RIPPLE, pois, se essa flutuação for muito grande, pode causar interferência na “conversação” dos IC’s, fazendo com que os mesmos trabalhem desordenadamente.

    Caso a tensão de RIPPLE seja constatada, devem-se verificar os capacitores que fazem parte desse circuito, pois, como citado anteriormente, a filtragem da tensão estando deficiente, causará flutuação nas tensões (RIPPLE).

    Atenciosamente,

    Professor Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  72. avatar ivan barros da silva disse:

    Prazado Professor Mário Limeira
    com referência a minha consulta anterior o modelo do tv é tv lcd 42 pol. semp toshiba 42XV500 DA . Quando frio ao ligar em seguida a imagem borra e desaparece ficando a tela azul e som normal. depois de duas ou tres vezes ligando e desligando ele fuciona o dia todo normalmente, so ocorrendo o defeito dia seguinte.
    grato pela atenção
    ivan

  73. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Clarindo,

    Esse televisor que você mencionou, não está com problemas nas teclas, você poderia verificar isso ao curto circuitar um terminal com o outro na PCI, se a chave não estivesse boa, as funções funcionariam normalmente curto circuitando os terminais da chave.

    O defeito desse televisor provavelmente está na memória EPROM. Para identificar esse defeito, primeiro, com o auxilio do esquema elétrico, veja se há alimentação no VCC desse IC e se essa alimentação não está muito baixa.

    Se o problema for a alimentação, verifique a linha de VCC, pois provavelmente há algum componente que não está em boas condições nesse circuito.

    O mais provável é que as informações que estão gravadas nesse IC estejam corrompidas, passando informação falsa ao micro controlador, fazendo com que o mesmo execute operações erradas, como mudar de canal, ao invés de aumentar o volume, por exemplo.

    Se os dados realmente estiverem corrompidos, é necessário regravar essas informações. Para isso, você necessitará de um gravador de EPROM e do software correto para inserir no IC.

    O gravador de EPROM, caso você não tenha, pode ser adquirido na internet ou se você quiser, pode pesquisar por um esquema elétrico desse gravador e montar.

    Em alguns fóruns como o da Eletrônica 2002 você consegue adquirir esse equipamento e consegue também orientações de como efetuar a gravação de forma correta, pois serão necessários os dados originais desse IC para ser regravado novamente.

    Atenciosamente,

    Professor Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  74. avatar constantino disse:

    boa tarde sr.mario e demais professores gostaria que vcs respondesse o que fazer com um tv cce modelo 2971N que esta dando estalos na chupeta tambem esta saindo faiscas ja troquei o fly ja troquei a saida horizontal + o defeito continua o tv na aparece imagem so os barulhos de estalos ja me assusta parece que o tubo desse tv esta umido o que fazer si o mesmo estiver umido? conto com suas orientacoes.grato constantino aluno do ipr

  75. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Ivan,

    Esse defeito mencionado é muito complexo, o defeito aparente, como você citou, pode ser na PCI MPEG ou o próprio LCD.

    Na PCI MPEG o conserto é muito complexo por se tratar de componentes SMD e Lógica Digital. Esses defeitos não são muito comuns, por isso não há muita informação, como você já pôde constatar ao ter pesquisado na internet.

    Esses aparelhos necessitam de curso específico, conhecimento de Técnica Digital e material para a manutenção, como por exemplo, equipamento antiestático incluindo uma estação de dessoldagem apropriado para trabalho em componente como os IC’s SMD e etc.

    Nesse caso, sugiro procurar uma oficina autorizada Semp Toshiba, para que os técnicos façam uma avaliação do seu aparelho, pois certamente eles têm as orientações específicas da fábrica para efetuar esse tipo de manutenção.

    Atenciosamente,

    Professor Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  76. avatar Reginaldo disse:

    Olá, estou aprendendo eletrônica agora e gostaria de agradecer pelo seu blog ser esclarecedor, para pessoa iniciante e sem restrição.
    estava lendo alguns dúvida do blog, e gostei muito do que vir.
    Abraço

  77. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Constantino,

    Há grandes chances de o defeito por você mencionado se originar no capacitor de largura com capacitância baixa.

    Quando diminui a capacitância desse capacitor a alta-tensão aumenta, fazendo com que dê essas faíscas com estalos.

    Nesse modelo de televisor, há dois capacitores em paralelo, C406 e C407, com alta-tensão de isolamento entorno de 2.000V (2KV), que estão localizados entre o coletor e o emissor do transistor de saída horizontal. Geralmente esses capacitores são de cor laranja. Possivelmente o defeito deve ser nesses capacitores. Substitua esses componentes e teste o televisor para ver o que acontece.

    Verifique também o estado da chupeta do fly back. Para isso, descarregue o tubo de imagem e retire-a do tubo. Limpe-a bem com um pano umedecido com álcool isopropílico e recoloque-a no tubo de imagem. Se ela estiver ressecada substitua.

    Vale lembrar que a faísca produzida pelo fly back pode danificar o tubo de imagem, podendo até furar o mesmo.

    Atenciosamente,

    Professor Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  78. avatar jose roberto gomes da cunha disse:

    estou com um tv toshiba modelo 2015n chassis u18 na minha oficina e o mesmo apresenta o seguinte defeito. liga normal fonte prim. e secun. normal com 30segundos ligada a tela começa a fechar nas laterais com uma listra larga bem clara no centro da tela, o que ja fiz troquei capacitor de 7n8 1600kv 47mf 250volts saida horizontal driver horizontal capacitor elco 470mf 35volts e nada ate agora ta funcionando bem mas derepente fecha nas laterais, obs. medindo com o osciloscopio o que vi foi que o pulso que vem do ci na base do driver horizontal diminui quando aconteçe o problema, ficaria imensamente grato pois em 41 anos de profissão não peguei defeito tal hoje com 62 anos a paciencia pra pesquisa terminou. dede ja agradeço obrigado e que DEUS abençoe todos ai

  79. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado José,

    Como mencionamos em nosso fascículo de estudo do Curso de Radiotécnico e Eletrônica, o circuito horizontal é quem faz os elétrons se moverem da esquerda para a direita na tela do cinescópio.

    Considerando a necessidade de que o fly back deve estar em boas condições para que a fonte do televisor “arranque” pode-se dizer que o circuito horizontal está diretamente relacionado com a fonte de alimentação, pois é ele que fornece às tensões de referência que a fonte precisa para o seu funcionamento.

    Analisando o esquema elétrico do aparelho, TV Toshiba modelo 2015N, pode-se verificar que do pino 13 do IC Q501, sai uma tensão de 2V que polariza a base de Q402. Se não tiver essa tensão o televisor não liga.

    Verificando um pouco mais à frente, nesse mesmo circuito, temos o transistor de saída horizontal (TSH). Observe que o coletor desse transistor está conectado à mesma trilha da bobina defletora (Yoke) horizontal. Seguindo essa trilha, observa-se que a mesma está diretamente ligada ao pino 1 do fly back, sendo que a outra extremidade dessa mesma bobina está conectada ao +B que alimenta o fly back.

    Na extremidade da bobina defletora, pode ser identificado o resistor R442, cuja função é limitar a corrente para a bobina. Se esse resistor estiver aberto, a bobina defletora deixará de funcionar e o horizontal ficará fechado.

    Esse problema dificilmente ocorre no enrolamento do fly back que pertence ao circuito horizontal, sendo que o mais comum é a bobina defletora apresentar defeito.

    Experimente trocar a bobina defletora, pois muitas vezes, quando a TV apresenta defeito de horizontal fechado, a medição da impedância das bobinas não é confiável.

    Outra dica muito importante, se a conexão da bobina defletora com a PCI for através de conector, e verificar se há mau contato no conector, pois é comum ocorrer esse defeito. Caso contrário, reveja as soldas dos fios da bobina defletora com a PCI.

    Atenciosamente,

    Professor Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  80. avatar ADAO disse:

    BOM DIA estou com uma tv philco mod:pcw-2046, que fica pulando e voltando para o mesmo canal .nao da para acessar os botoes de controle.Desde muito obrigado e parabens pelo blog.

  81. avatar Sergio luis disse:

    e professor tenho aki uma Semp Toshiba 29 polegada mod tv 2958 gfss5s que ela ta Assim tem som a imagem ta escura alguns ponto vermelho na tela levei um tremendo choque quando fui descarregar o flybac desatenção minha estava conversando com mãe fechei a tv e sai alguma dica sobre isso ela e nova foi tirado da loja faz mais de 5 anos que mae tem ela aguardo resposta de vçs vçs nunca me deixaram na mao e que deus abençoe o brasil

  82. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Sergio:

    Geralmente quando um televisor apresenta áudio, porém não tem imagem, está com defeito no circuito vertical. Alguns televisores, quando há defeito nesse circuito, podem apresentar somente uma listra colorida e brilhante no sentido horizontal e não aprestar áudio e nem vídeo.

    A primeira coisa a ser feita é girar o potenciômetro de screem localizado no fly back, a fim de verificar se aparece a listra no sentido horizontal ou se aparecem linhas de retraços.

    Verifique também se há solda quebrada (solda fria) nesse circuito. Se houver, ressolde-as, e teste o aparelho novamente. Não desaparecendo o defeito, uma análise mais criteriosa deve ser feita.
    Verifique então se há algum resistor de baixo valor ôhmico, aberto, ou diodo em curto-circuito, pois, se algum desses componentes estiver com defeito, o vertical não “abre”.

    Normalmente o diodo e o resistor estão em série, pois o diodo retifica um pulso que vem do fly back para o circuito vertical, passando por um resistor de baixo valor até chegar ao IC de saída vertical.

    Examine os passos acima citados e, caso o defeito não seja solucionado, o problema pode ser mais complexo. Vale lembrar que você deve ter em mãos o esquema elétrico do aparelho, pois ele ajudará na solução desse defeito.

    Lembre-se, ao manusear aparelhos elétricos ou eletrônicos, cuide para não tomar choque, pois um descuido pode trazer sérias consequências. Não importa o tamanho do aparelho ou qual o tipo de alimentação que o mesmo utiliza, o cuidado deve ser constante.

    Atenciosamente,

    Professor Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  83. avatar Francisco Domiciano da Silva disse:

    Ganhei uma TV Mitsubishi 14″, com tubo de imagem, mas veio sem o manual de instrução.
    É um aparelho antigo e nem conseguí encontrar o modelo, apenas está escrito “on screen memo”.
    Não sou técnico e preciso do manual somente pra me orientar quanto ao uso.
    Agradeço e aguardo retorno.
    Francisco

  84. avatar Danilo disse:

    Meu nome e Danilo, tenho uma tv LG 29 pol tela plana e a imagem começou ficar esverdiada e as vezes fica amarelada qual sera o problema? obrigado

  85. avatar teobaldo mize disse:

    o meu amplificador nao esta dar som troquei o circuito de som mesmo assim continua com mesmo problema

  86. avatar RICARDO disse:

    OLA MEU NOME É RICARDO EU COMPREI UMA TV SANSUNG DE 40 LCD FAZ 7 MESES E APRECEU UMA LINHA PRETA NA HORIZONTAL DA TV .QUAL SERA O PROBLEMA????

  87. avatar Departamento Técnico disse:

    Caro Ricardo:

    Os televisores de LCD, diferentemente dos televisores convencionais, de tubo de imagem, não apresentam o defeito de fechar o vertical ou o horizontal, pois o sistema de deflexão é diferente.

    Normalmente, quando esses televisores apresentam defeitos desse tipo, é o flat, que conecta a PCI ao painel de LCD, que pode estar com defeito, ou o próprio painel.

    O flat, muitas vezes, pode apresentar mau contato entre seus terminais e os terminais do soquete onde o mesmo é afixado, podendo gerar listras no display.

    Quando o defeito não é originado pelo flat, nesse caso há grandes chances de ser o display de LCD com defeito e nesse caso, somente trocando o display para resolver o problema.

    Certamente o seu aparelho ainda esta na garantia, pois geralmente esta é de um ano e, neste caso, o melhor a fazer é procurar a loja com o certificado de garantia do aparelho.

    Atenciosamente,

    Professor Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  88. avatar Jose Eduardo Raimundo disse:

    Professor :Mário Limeira,é como satisfação que estou lhe escrevendo,a mais ou menos uns dois anos atras comecei fazer o curso de radiotécnico e tv mai parei.Recebi ate o fasiculo nº18,gostaria de saber se possivel retomar os estudos novamente, como ou oque devo fazer. gostaria muito que me ajudasse a esclarecer esta duvida, aguardo melhores informações. obrigado

  89. avatar Edson disse:

    Professor Mário Limeira:
    Tenho uma tv lg 20 polegadas em que o flyback fica chiando e dando os estalos me aconselharia trocá-lo? Qual o procedimento para desconectar a ”chupeta” do tubo? Agradeço desde já a atenção!

  90. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Edson,

    O defeito mais comum no flyback de TV é o curto entre espiras do mesmo enrolamento ou entre os enrolamentos.

    A contagem dos pinos do flyback é feita no sentido horário começando do lado esquerdo. Na maioria dos tipos, os pinos 1 e 2 são usados para alimentar o transistor de saída horizontal.

    É claro que o método 100% garantido para saber o estado de um flyback é a troca por outro em bom estado. Porém, antes de proceder a troca do flyback, podemos realizar alguns testes:

    Inspeção visual: consiste em ver se o flyback não está estourado, com vazamento de alta tensão, estufado, com ferrite solto ou quebrado. Nestas condições a troca deve ser imediata.

    Teste de curto no capacitor interno: com um multímetro na escala de X10K, coloque uma ponta na presilha da chupeta de MAT e com a outra toque em cada pino do flyback. Se o ponteiro mexer em algum deles, o flyback está em curto.

    Teste de abertura e curto entre um enrolamento e outro: se tiver o esquema da TV, usando a escala de X10K, meça a continuidade das bobinas de acordo com os pinos do flyback indicados no esquema. Também faça o teste de curto entre um enrolamento e outro. Lembre-se: o flyback deve estar fora da TV.

    Se não tiver o esquema do TV, usando o X10K separe os pinos do flyback em grupos. Se algum dos pinos onde passa o +B, para o coletor da saída horizontal, conduzir para algum pino que vai para o terra, o flyback está em curto. Se sobrar algum pino que não conduz com nenhum outro, veja se há trilha nele lá na placa da TV. Se não houver, é normal. Se houver trilha neste pino, o flyback está aberto.

    Você não descarrega o flyback e sim o tubo de imagem (cinescópio ou TRC) onde fica conectada a “chupeta” do flyback. Isso é simples. Basta conectar um fio de alta tensão à cinta (terra) do tubo e na outra ponta um resistor de 5 a 10Kohms de 10 a 20Watts. O resistor vai conectado à parte metálica de uma chave de fendas grande de cabo isolado (a chave de fendas não pode ter rachaduras no cabo e tem que estar limpa). Coloque a ponta da chave entre a chupeta e o tubo até haver contato físico com o grampo que prende a chupeta ao tubo de imagem durante ±10 segundos.

    Importante: não tocar na parte metálica da chave de fendas durante a operação para evitar choques elétricos. A conexão com a cinta tem que ser mais longe possível da placa de componentes para evitar centelhas que poderiam danificar algum componente mais sensível.

    Importantíssimo: tudo tem que estar desligado e com o cabo de força desconectado da tomada.

    Atenciosamente,

    Professor Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  91. avatar altemar disse:

    prezado prof. estou com uma tv lg. mod.20cd2r, que ao ligar na tomada aparece uma faísca azulada na grade do cinescópio, após alguns minutos ela fica totalmente inoperante. ficaria muito grato se podesse mim dar algumas dicas sobre o que fazer.

  92. avatar Amiltom disse:

    Amigos seria bom se todos tivessem msn assim poderiámos trocar informações em online sem ficar esperando pelas respostas, o meu msn fica ligado o dia inteiro pra qualquer dúvida ok?? Abraços MSN tevesom@windowslive.com fico no aguardo pra add todos vcs.

  93. avatar MAURINHO disse:

    BOM DIA AMIGO; EU GOSTARIA DE SABER COM VOCÊ O SEGUINTE EU ESTOU COM UMA TV DA PANASONIC TC20A12, EU ESTAVA TESTANDO O FLYBACK DESTA TV, E AO MEDIR DO PINO I PARA O PINO 2 PASSOU CONTINUIDADE NORMAL, MAS QUANDO MEDE DO PINO 1 PARA O PINO 8 NÃO PASSA NADA, OU DO PINO 2 PARA O PINO 8 TAMBEM NÃO PASSA NADA SERÁ QUE ESTE ENRROLAMENTO REFERENTE O PINO 8 ESTÁ ABERTO. FICAREI GRATO AMIGO DESDE JÁ.

  94. avatar Departamento Técnico disse:

    Amigo Altemar,

    Os tubos de imagens de televisores em condições normais, com a TV ligada, trabalham com tensões muito altas, na ordem de aproximadamente 30.000 Volts, dependendo do seu tamanho. Estas tensões podem continuar acumuladas durante vários dias mesmo após o aparelho ter sido desligado da corrente eléctrica, pois as paredes de vidro do CRT formam um capacitor.

    Nesse tipo de manutenção, o primeiro passo é tomar muito cuidado ao abrir o televisor e não tocar no tubo, principalmente onde você vê a chupeta. Também não se deve tocar nos componentes próximos ao flyback. O fio vermelho que sai dele é o cabo de M.A.T. (Muita Alta Tensão). Portanto, para iniciar a manutenção faça a descarga tanto do tubo de imagem quanto dos capacitores eletrolíticos da fonte de alimentação.

    Pelo defeito mencionado, o próximo passo é verificar o estado do tubo de imagem, provavelmente ele deve estar trincado por baixo da bobina defletora.

    Atenciosamente,

    Professor Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  95. avatar Departamento Técnico disse:

    Maurinho,

    O flyback é o principal componente do circuito horizontal. Trata-se de um transformador com núcleo de ferrite que produz o MAT e outras tensões para o correto funcionamento do tubo. Também fornece tensão para as fontes de flyback.

    O método 100% para saber o estado de um flyback é a troca por outro em bom estado a não ser que o mesmo esteja defeituoso visualmente. Porém antes de proceder a sua troca podemos realizar alguns testes:

    Antes de mexer, e com o aparelho desligado, é preciso descarregar o tubo de imagem e depois o capacitor da fonte.

    Feito isto, o primeiro teste é a inspeção visual que consiste em verificar se o flyback não está estourado, com vazamento de alta tensão, estufado, com ferrite solto ou quebrado. Nestas condições a troca deve ser imediata.

    O segundo teste é verificar o estado do capacitor interno. Com um multímetro posicionado na escala de ×10K, ponha uma ponta de prova na presilha da chupeta de MAT e com a outra, toque em cada pino do flyback. Se o ponteiro mexer em algum deles, o flyback está em curto.

    No terceiro teste verifica-se o estado dos enrolamentos do flyback. Para a realização deste teste o flyback deve estar fora da TV. Neste teste verifica-se a existência de continuidade entre as derivações de um mesmo enrolamento ou se há curto entre um enrolamento e outro.

    Salvo se o técnico possui muita prática, recomenda-se que a identificação dos enrolamentos seja acompanhada no esquema do aparelho de TV. Usando o multímetro na escala de ×10K meça a continuidade das bobinas de acordo com os pinos do flyback indicados no esquema. Também faça o teste de curto entre um enrolamento e outro.

    A contagem dos pinos do flyback é feita no sentido horário começando do lado esquerdo. Entretanto, nem sempre a sequência da numeração corresponde a uma sequência das derivações (pinos) de um mesmo enrolamento.

    Por exemplo, com a ponta de prova preta no pino 1 do flyback, encoste a outra ponteira (vermelha), nas outras derivações desse enrolamento indicadas pelos pinos 2, 3 e 5 no flyback. O instrumento deve conduzir. Se o ponteiro não mexer em algum deles, o flyback está aberto.

    Mantendo a ponta de prova preta no pino 1 do flyback, encoste a outra ponteira no outro enrolamento, nas derivações indicadas pelos pinos 4, 6, 7, 8 e 9. O instrumento não pode conduzir. Coloque a outra ponta de prova no pino 4 e repita o teste de continuidade entre os demais pinos desse enrolamento (5, 6, 7, 8 e 9). Se o ponteiro não mexer em algum deles, o flyback está aberto.

    Se não tiver o esquema do televisor, separe os pinos do flyback em grupos. Usando o multímetro na escala de ×10K, coloque a ponta de prova preta no terra. Encoste a outra ponteira (vermelha), nas derivações (pinos) dos enrolamentos no flyback por onde passa o +B para o coletor do transistor de saída horizontal. Na maioria dos tipos de flyback, os pinos 1 e 2 são usados para alimentar o transistor de saída horizontal. Se algum dos pinos conduzirem, o flyback está em curto. Se sobrar algum pino que não conduz com nenhum outro, veja se há trilha nele lá na placa do TV. Se não houver, é normal. Se houver trilha neste pino, o flyback está aberto.

    Atenciosamente,

    Professor Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  96. avatar igor pereira da silva disse:

    ola professor mário limeira eu gostaria de saber porque eu tenho uma tv kirey e ela apresenta-se a tela esverdeada eu queria saber qual o componente responsavel por isso desde já agradeço.

  97. avatar Paulo R M Cunha disse:

    Boa noite caro amigo Professor Mario Limeira, eu estava dando uma lida nos email dos internautas pedindo ajuda sua e percebi que respondeu todas elas. parabéns pelas respostas pois foi muito feliz com todas as resposta, até com algumas perguntas que foi um poco difícil de intender mais respondeu todas e muito bem,sou de santa maria r/s sou técnico em eletrônica a 36 anos trabalhei na fabrica da Philco de 73a75 e agora estou estabelecido aqui na minha cidade a bastante tempo e gosto de ver que ainda tem gente boa como o senhor neste Brasil para ajudar e encinar, estou atuando na eletrônica todos os dias das 9h até as 20h direto também ajudo bastante os técnicos iniciantes..meu nome é Paulo Roberto Machado da cunha.06/12/2011. 00:5h

  98. avatar Eletrônica Pablo-Ví ( De Manaus-Am ) disse:

    Gostaria de parabenizar ao blog e aos Técnicos por se dispor a ajudar e tirar as nossas dúvidas, sou Técnico em Eletrônica na cidade de Manaus-Am e gostaria de ter contato direto com vocês, se der comuniquem-se conosco pelo E-mail que estou mandando esta mensagem.

    Técnico: Lima

  99. avatar Rafael Geraldo Vieira disse:

    Olá estimado professor, comecei agora a lidar com tv justamente para tentar consertar a minha que começou a apresentar problemas de imagem… ela é uma Samsung CN5066VX chassis KCT12A 05. A primeira orientação que eu gostaria de ter é, que tipo de tensões são encontradas nos terminais do Flyback na placa principal, se são alternadas ou contínuas pois, eu encontro tensões alternadas diferentes das padrões da tv (onde diz para ter 180V eu encontro 39VCA e 0VCC)e não encontro tensões contínuas em varios terminais. Devido a esta duvida não estou conseguindo ir em frente na tentativa de conserto.Desde já agradeço pela atenção e desejo tudo de bom.

  100. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Rafael,

    Analisando os esquemas, percebe-se que a fonte da TV Samsung CN5066 é a mesma da CN5048. Pela análise percebe-se que a fonte, ao ser “energizada” (alimentada), já terá que, obrigatoriamente, fornecer as duas tensões principais em seu secundário que são: algo em torno de 120V sobre o capacitor C823 e, no capacitor C820, em torno de 12V.

    Para uma maior verificação, remova da placa da TV tudo que possa oferecer “carga” para a fonte, que nesse caso seriam: o flyback, o CI do vertical IC301 e o multi-regulador IC802.

    Sem estes componentes, a fonte tem que fornecer as tensões mencionadas anteriormente. Caso contrário, provavelmente o IC801 esteja avariado (em curto) ou a ponte retificadora apresenta curto e, assim, o primário da fonte não fornecerá as tensões necessárias na sua saída (se o STR IC 801 estiver ok, deve devem chegar 40 volts no coletor do transistor de saída horizontal).

    Atenciosamente,

    Professor Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  101. avatar André Ribeiro disse:

    Bom dia amigos! este site é ótimo! não consigo remover o cabo do fly back para testalo fora do televisor podem me ajudar fico muito grato.

  102. avatar Paulo Roberto disse:

    Gostei muito do assunto desse site de reparos em tvs e gostaria de fazer um pedido, pois, estou com uma tv mitsubishi modelo: TC 1498, que não esta arrancando, esta morta, qual a causa provável do defeito e gostaria de receber o equema desse pararelho, pois, não estou encontrando em nenhum site.

    Atenciosamente, Paulo

  103. avatar diego disse:

    ouvi falar sobre o outiput do multimetro e suas funçoes,
    Com a ponta negativo(-),ligamos ao 6V do filamento do tubo;com a saída “OUTPUT”,injetamos
    á entrada do vertical da tv;isso servia para injetarmos 60HZ no na entrada do vertical…
    com isso a imagem abria,e poderíamos ter a certeza que o estágio vertical estava em perfeito
    estado!!
    verificar se o driver horizontal está funcionando!!
    Com a ponta preta no negadivo(massa)da tv,e o vermelho(output)você mede coletor do transistor driver horizontal…poderá
    checar nos pinos do transformador driver horizontal também!!
    Se o driver estiver funcionando,verá a presença de tensão no multímetro,ok?
    A escala do multímetro deverá estar em ACV!!.
    isso realmente e veridco? e quanto ao 6v do filamento, onde encontro essa voltagem no tubo?

  104. avatar Indalécio Oliveira disse:

    Olá Amigos;

    Eu gostaria de saber se é do conhecimento de vocês, a existência de alguma empresa especializada na recuperação de Cinescópios de TV. Estou precisando recuperar o tubo de uma TV antiga preto e branco.

    Cordial Abraço;

  105. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Indalécio,

    Recuperação do tubo de imagem de TV

    Com o passar do tempo, o filamento do TCR (Tubo de Raios Catódicos) vai se queimando, por causa do envelhecimento resultante do desgaste natural do material que é uma das causas do “tubo cansado”. Esse problema é constatado por que a imagem se apresenta com pouco brilho, descolorida, “sem vida”. À medida que o aparelho vai esquentando, o defeito vai diminuindo. Nesse caso, medindo a tensão de alimentação do filamento (na grande maioria é de 6,3 Volts), nota-se que ela está abaixo disso. Às vezes encontra-se até menos de 5 Volts.

    A prática de reativação de um tubo de imagem, tecnicamente recomendada, deve ser feito apenas no canhão com defeito. A reativação é um procedimento que envolve um risco de danificar de vez o tubo, por isso, é importante que seja confirmado o diagnóstico de que o tubo está com defeito, pois caso aconteça sua perda não fará muita diferença. Mesmo assim o cliente deve ser avisado do risco que há.

    Para esse tipo de serviço é utilizado um aparelho chamado de Reativador de Cinescópios, cujo aparelho tem duas funções: analisar o estado e na medida do possível recuperar um tubo de imagem de televisores ou monitores.

    Geralmente, o Reativador de Cinescópios possui as seguintes funções:
    1 – Testa se há curto entre catodo e filamento.
    2 – Testa se há curto entre catodo, e as grades G1 e G2.
    3 – Testa a capacidade da G1 em bloquear os elétrons do catodo.
    4 – Testa a capacidade da G2 em bloquear os elétrons do catodo.
    5 – Verifica se o tubo está bom ou fraco.

    Existem dois tipos de reativação: aumento de emissão e eliminação de curto interno:

    1. Aumento de emissão

    Existem dois motivos para um tubo ficar fraco: sujeira interna (o aparelho consegue recuperar o tubo) e desgaste natural do catodo (o aparelho não recupera).

    Esse processo normalmente é realizado quando o aparelho está indicando tubo fraco. A chave de reativação é mantida pressionada por 20 segundos. Enquanto isso se deve bater de leve no canhão para ajudar a cair a sujeira. Por vezes se observa faíscas da sujeira sendo queimada dentro do canhão. Se o tubo continuar “fraco”, o processo pode ser repetido com um nível de carga maior e assim sucessivamente.

    Na reativação nos maiores níveis (acima do 2) o tubo não durará muito tempo. Se o ponteiro permanecer sempre no vermelho, o tubo não terá mais recuperação.

    2. Remoção de curto

    A tentativa de remoção de curto deve ser com o filamento apagado para não queimar de vez o tubo. Selecionado o aparelho reativador para o menor nível de carga (1), o botão de reativação é mantido pressionado por 30 segundos. Com o cabo de uma chave de fenda, bata de leve no canhão. O processo pode ser tentado em níveis mais alto, se não adiantar, o tubo está condenado.

    Outra prática relativamente comum para quem trabalha consertando televisores é a de “dar uma carga” no tubo, que nada mais é do que uma descarga de alta tensão, nos canhões. Essa descarga, consegue na maioria das vezes, limpa-los e “rejuvenescer” o TRC, prolongando a vida útil por mais algum tempo, muito embora a chance de sucesso é baixíssima, porque a alta tensão vai alterar os elementos e na maioria das vezes, piorar o defeito.

    Numa estatística pouco precisa, a chance de sucesso é em torno de 10%.
    A única solução realmente eficaz é a substituição do tubo, mas não é economicamente viável em aparelhos já com longos anos de uso e próximos do fim da vida útil.

    Atenciosamente,

    Professor Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  106. avatar jorge disse:

    Caro amigo, eu estou com problema no meu televisor, ele é muito antigo é da marca solid state philco 3d. O problema dele é fly beck é transformador de saída horizontal toda vez que ligo a tv sai uma fumaça no fly beck, logo ela desliga completamente. você pode me ajudar?

    um abraço!

  107. avatar Augusto César disse:

    Bom dia,estou com uma sansung 21″ tela plana que troquei a defletora que estava em curto.Como não achei a defletora original,coloquei outra de outra sansung tela plana.A tv funciona normal,só que,fica faltando 1cm para preencher a tela do lado direito.Já entrei no modo serviço e não consigo ajustar a largura,já está no máximo.Creio que deva ser por causa de impedância diferente.Teria como eu alterar algum componente do horizontal para preencher a tela toda?

  108. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Augusto,

    Como sabemos, a impedância em circuitos eletrônicos pode fazer toda a diferença, ainda mais em circuitos que possuem micro controlador.

    O que você pode fazer é confrontar o valor de impedância da defletora original, usando para isso o esquema elétrico desse aparelho, com o valor de impedância da nova bobina. Dessa forma você pode avaliar se a diferença entre impedâncias é muito grande.

    Se a bobina defletora entrou em curto, é sinal que algum componente no circuito oscilador apresentou defeito.

    Se esse aparelho estava com mais algum componente defeituoso no circuito horizontal, revise esse circuito.

    Troque os capacitores de largura que estão entre o coletor e o emissor do transistor de saída horizontal, normalmente de cor alaranjada ou marrom, com valor de tensão entorno dos 1600V e o outro com valor de 600V, aproximadamente.

    Quando esses capacitores começam a perder a capacitância, a tensão se eleva podendo queimar o resistor limitador de corrente da bobina, e até mesmo a bobina.

    Atenciosamente,

    Professor Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  109. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Jorge,

    Normalmente quando sai fumaça do fly back é porque a tensão, em certo ponto do circuito, está alterada.

    Para que você possa fazer uma verificação do circuito desse aparelho, o primeiro passo é testar o equipamento em uma tomada anticurto, pois, dessa forma, você pode acompanhar o consumo da fonte sem causar danos ao circuito do aparelho.

    Caso o brilho da lâmpada do circuito anticurto esteja muito forte é sinal que o aparelho está consumindo demais.

    Nesse caso, deve-se verificar se a tensão de +B do secundário está dentro dos limites toleráveis, ou seja, se não está muito alta.

    Como esse aparelho é mais antigo, a fonte de alimentação não desarma ao identificar um problema. Isso porque, esse aparelho não possui micro controlador monitorando o circuito, dessa forma, o circuito funciona até que um componente “abra” e para de funcionar.

    Nesse caso, se o transistor de saída horizontal estiver em curto, provavelmente o fly back queimará também e, possivelmente, a causa desse problema todo pode estar no capacitor de largura, que está conectado ao coletor e emissor do transistor de saída horizontal.

    Ao constatar que o transistor de saída horizontal está em curto circuito, troque esse componente, o capacitor de largura e o fly back.

    Em alguns televisores, entre o coletor e o emissor do transistor de saída horizontal, há dois capacitores, normalmente de cor laranja. Um deles possui tensão de trabalho de entorno 1600V e o outro de 600V, se houver os dois nesse aparelho, troque-os.

    Atenciosamente,

    Professor Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  110. avatar Departamento Técnico disse:

    Diego,

    O multímetro analógico é um instrumento indispensável na bancada do técnico em eletrônica.

    Sobre o terminal output do multímetro analógico, há poucas teorias, mas o que difere esse terminal do terminal positivo é simplesmente um capacitor colocado em série entre o terminal positivo e o output.

    Como sabemos, o capacitor quando não polarizado, se comporta como um curto circuito para correntes alternadas e como um circuito aberto para correntes continuas. Isso ocorre porque a corrente alternada muda de polaridade 60 vezes por segundo, sendo assim, ao colocar as duas ponteiras do multímetro no circuito, hora a corrente circulará em um sentido e hora em outro.

    Como isso ocorre 60 vezes por segundo a impressão é que o capacitor está em curto circuito, pois terá tensão em ambos os terminais.

    Se você aplicar uma corrente continua utilizando o terminal output, não será efetuada nenhuma medição, pois a corrente circula somente para um lado, sem alternância. Nesse caso, o capacitor irá bloquear essa corrente.

    Observe que em todos os casos que você citou o circuito está alimentado por uma fonte oscilante, ou seja, a tensão de 6V é alternada e o circuito horizontal nada mais é que um oscilador.

    O terminal output é usado quando, em um mesmo ponto do circuito, há tensão alternada e contínua. Nesse caso, a medição será realizada quando, em um determinado ponto, existir corrente alternada, sendo que quando houver corrente contínua o capacitor que fica entre os terminais output e positivo (+), bloqueará essa corrente.

    Atenciosamente,

    Professor Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  111. avatar Ranieli disse:

    eu fiz a troca do fly back de uma tv da cce-1402 que estava em curto,agora a televisao liga mas fica com umas linhas aparecendo junto com a imagen no tubo e quando voce a desliga ela sai uma fumacinha perto do fly back mais é muito pouco entao na da para identificar de onde vim eu ja fiz a troca dos dois capacitores que estavam perto dele mas o problema persiste.O que faço???

  112. avatar GUILHERME disse:

    OLA.

    TENHO UMA TV LG, TELA CONVENCIONAL, 29 POLEGADAS. NÃO SEI O MODELO, SÓ SEI QUE TEM UNS 6 OU 7 ANOS.

    ESTAVA TUDO BEM, ATÉ QUE ONTEM, FUI LIGA-LA E QDO LIGOU, FICOU DANDOS ESTRALOS CONSECUTIVOS.
    ESSES ESTRALOS VÃO DIMINUIDO E SOMEM. DEREPENTE, VOLTAM OS ESTRALOS E PARAM. DETALHE É QDO ESTRALA, APARECE RISCO NA TELA.

    E’ SÓ LIGAR ELA AGORA, QUE ESTE BARULHO COMEÇA DE NOVO.

    ESTOU COM MEDO DE QUEIMAR O TUBO DELA. SERIA PROBLEMA COM ESSE TAL DE FLYBACK??? É CARO PARA ARRUMAR? SE FOR MUITO CARO, NEM ARRUMO.
    CORRO O RISCO DE LEVAR PARA UMA ASSISTENCIA E TENTAREM ME “ENROLAR”?

    GRATO

    GUILHERME

  113. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Ranieli,

    O fly back é responsável por manter em perfeito funcionamento o circuito horizontal, porém, além disso, esse componente gera outras tensões para que o televisor funcione corretamente.

    Nesse componente há dois potenciômetros, o de cima ajusta o foco, para que a imagem não fique embaralhada, e o de baixo ajusta o screem.

    Toda vez que você trocar o fly back, você deve ajustar o potenciômetro do screem, pois, caso contrário, a tela ficará cinza com retraços na diagonal.

    Quando há retraços, a tensão de screem está muito alta, sendo assim, algum resistor pode sofrer alterações em função da corrente aplicada a ele.

    Com o televisor ligado, faça o ajuste do screem até que a imagem apareça bem nítida. Nesse momento a tensão de screem será reduzida.

    Deixe o aparelho ligado e verifique se a fumaça que você citou continua saindo. Caso esteja saindo, desligue o aparelho e, com o esquema elétrico, verifique as tensões no fly back.

    Atenciosamente,

    Professor Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  114. avatar jose antonio alves do amaral disse:

    estou tendo um problema com a tv sony kv29f105… todas as tens~es da fonte estão corretas…+b135; 9v e 5 volts..; seu led pisca 4 vezes, aparentando o vertical….falta o +12v, e o -15v do ci vertical…o mai12 e o menos 15v, saem do fly back…a saída p/ o drive horizontal sai 6 a 8 v, atravessa um res smd 1k vai em serie com um cap 0,47mfd 100v , depois mais um res 1k, e vai á base do tr q501 do drive hor. este tr q501 recebe um pulso negativo , em sua base….não oscila o tr saida horizontal…tem os 135v em uma extremidade, e na outra que vai ao trq501… o tr hor , não oscila e não manda tensão na base do tr saída horizontal…deslguei o jumper, q vai até a base do transistor saida, mas não meço nada no drive. essa tv tem muita proteção…será q daria tempo de eu medir a base do saida horizontal? os 12v e os 15 v , saem do f. back..se ele não ligar, como fazer para essa medição? deveria eu trocar já o ci do vertical? o led pisca 4 vezes….muito obrigado se puderem me dar um auxilio, pois tenho vontade de aprender o q eu não sei……

  115. avatar Roberto Durvalino da Silva disse:

    Professor: Mario Limeira, boa noite.
    Sou aluno do IPR, Tenho um televisor marca: lennox x7¨ PB radio, quando ligo a tv a imagem as vezes aparece, depois de uns cinco minutos ligada a imagem não aparece mais contudo depois volta novamente, peço ajudar para tentar solucionar este problema, aguardo reposta ok.

  116. avatar carmo reginaldo de souza disse:

    estou com uma tv parada após levar uma pancada.
    a tv está sem tensão no secundario de baixa tensão do fry back, os pinos do tubo apresenta continuidade entre dois pares e normal ou está em curto

  117. avatar adenilson disse:

    estou com uma tv lcd sony com defeito ela aparece umas listas na horizontal do lado direito da tela e nao tem imagem tambem ela é uma sony de lcd kdl-40ex405 alguem pode me ajudar com este poblema

  118. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá José,

    Analisando o defeito que você descreveu, vários fatores podem fazer com que o aparelho não funcione. O código de piscadas do LED indica que o defeito está no circuito vertical, porém, como o vertical necessita que o horizontal esteja funcionando corretamente, você deverá verificar as duas deflexões.

    Primeiramente, revise se não há solda fria nos componentes do circuito horizontal e vertical.

    Se o +B está chegando ao flyback, é porque a fonte está funcionando corretamente e, nesse caso, o defeito desse aparelho deve estar no circuito horizontal. É preciso que o circuito horizontal esteja oscilando para o circuito vertical poder funcionar, pois o flyback, ao gerar suas tensões, alimenta o IC de saída vertical fazendo-o oscilar.

    Verifique se há componentes defeituosos no circuito horizontal. Normalmente o que acontece é do transistor de saída horizontal entrar em curto circuito. Ao trocar o transistor de saída horizontal, coloque um original para que não queime novamente.

    Se ao substituir o transistor de saída horizontal e o televisor não ligar, troque o flyback, pois se a fonte do aparelho está com todas as tensões normais e o flyback não está gerando as tensões para o circuito vertical, pode ser nesse transformador o defeito. Caso o televisor ligar, porém o transistor de saída horizontal aquecer demasiadamente substitua o flyback.

    Outro componente que pode ocasionar esse defeito é o capacitor de largura, que se tiver com baixa capacitância eleva a alta tensão do flyback e pode fazer com que o transistor de saída horizontal queime. Substitua o capacitor e verifique o estado do transistor de saída horizontal.

    Atenciosamente,

    Professor Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  119. avatar Departamento técnico disse:

    Olá Carmo

    Se o televisor levou uma “pancada”, pode ter danificado o tubo de imagem fazendo com que o aparelho deixe de funcionar, isso é uma hipótese.
    Dependendo do tipo da pancada no televisor pode ter havido quebra de trilhas na PCI por torção, nesse caso, você deve verificar se algum ponto da PCI está trincado. Verifique também as soldas, caso esteja com solda fria na PCI o televisor pode não funcionar.
    Verifique no capacitor de 160V do secundário se há tensão. Se tiver, a fonte de alimentação está oscilando corretamente e, nesse caso, veja se essa tensão chega ao +B do flyback. Caso não tenha tensão no +B no fly o televisor não ligará. Sendo assim o defeito está na fonte de alimentação.
    Se há tensão de +B no fly e o televisor não funciona, verifique o transistor de saída horizontal, se o mesmo está ou não em curto. Caso o transistor esteja em curto, verifique o capacitor de largura que está conectado ao coletor do transistor.
    O que você deve ter em mente é o funcionamento do aparelho. Lembre-se de que a fonte de alimentação é quem gera as tensões pros diversos circuitos. Sendo assim, em um televisor a tensão mais importante é a de 5V que alimenta o microprocessador, caso essa tensão não esteja presente o televisor não liga.
    Quando você aperta o botão Power em seu televisor ou no controle remoto, um pino do micro é aterrado, e em outro pino é liberado a tensão de Power on polarizando um transistor ou um relé na fonte para que a mesma comesse a oscilar gerando as demais tensões.
    Esse é o principio de funcionamento de um televisor, por isso, se o LED de standby estiver aceso, ao dar um Power on no televisor, o LED apaga e volta a acender novamente, é porque o micro encontrou algum defeito no circuito e determinou que o televisor fosse desligado, para não danificar outros componentes.

    Atenciosamente,

    Professor Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  120. avatar Departamento técnico disse:

    Olá Roberto,

    Sempre que for concertar um aparelho, a primeira coisa a fazer é analisar os circuitos, a fim de identificar se há solda fria ou até mesmo alguma trilha quebrada. Esses defeitos normalmente são ocasionados por solda ruim.
    Como o defeito é na imagem, você deve analisar a PCI do tubo, o suporte está com solda fria, ou com os contatos oxidados e pode causar defeitos semelhantes.
    Verifique nos transistores de RGB, pois quando a imagem some e volta novamente há variações na tensão nesses componentes.
    Dê uma analisada no circuito de ABL, pois esse circuito controla o brilho do televisor e afeta diretamente no contraste do aparelho.
    O circuito de contraste é formado por dois resistores e um diodo e normalmente sua tensão é de 5V. Se essa tensão aumentar, o resistor que limita a corrente para o diodo, conduzirá, fazendo com que o diodo conduza também. Como a linha do contraste agora passa a conduzir, o pino de contraste do micro tem sua tensão reduzida e corta o contraste, escurecendo a tela.
    Nesse caso você terá que ter em mãos o esquema elétrico do aparelho para identificar as tensões dos circuitos e para identificar o pino de contraste do micro.

    Atenciosamente,

    Professor Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  121. avatar luiz claudio disse:

    Prezados senhores;

    Minha TV samsung 29″, esta com o isolamento do tubo de imagem, a onde a chupeta e conectado, onde tem um isolamento vermelho, esta vazando alta tensão, qual o melhor meio de isolar.

  122. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Luiz,

    Esse defeito é muito comum nos televisores e pode ter origem, simplesmente, devido a alta umidade do ar.

    Como sabemos, o gabinete traseiro do televisor possui “frestas” para que circule ar por dentro do aparelho. Juntamente com o ar, vêm as partículas de poeira que se acumulam por todas as partes internas do televisor. A poeira acumulada ao redor da chupeta, juntamente com a alta umidade oferece uma resistividade menor entre e a chupeta e o ar, causando assim a fuga de alta tensão.

    O primeiro passo para resolver esse problema é desconectar o televisor da rede elétrica (tomada), retirar o gabinete traseiro e descarregar o tubo de imagem. Após descarregar o tubo de imagem, retire a chupeta do tubo e com uma flanela, umedecida em álcool, limpe toda essa região, inclusive a chupeta. Passe um pano seco nas partes que foram limpas com álcool, para secar. Recoloque a chupeta no lugar e teste o aparelho.

    Há outro defeito que pode fazer com que a alta tensão suba causando fugas de alta tensão na chupeta ou até mesmo fortes estalos com faísca. Nesse caso, o defeito se encontra no circuito horizontal e pode ter origem do capacitor de largura, que fica conectado no coletor do transistor de saída horizontal (normalmente de cor alaranjado ou marrom, com tensão de isolação de 1600V).

    Esse capacitor, ao perder gradativamente sua capacitância, eleva ainda mais a alta tensão, fazendo com que ocorram fugas e até mesmo faíscas. Nesse caso, deve-se trocar o capacitor de largura por outro igual de boa qualidade para que esse defeito não venha ocorrer novamente.

    Vale lembrar que quando o caso chega ao extremo, saindo faíscas e dando estalos, não se deve ficar com o aparelho ligado, embora o televisor não deva ligar, pois o microcontrolador não permitirá. Esse defeito pode fazer com que o tubo de imagem seja perfurado inutilizando-o.

    Se apenas limpar a região onde se encontra a chupeta e a limpeza resolver o problema, não é necessário verificar o capacitor de largura, a menos que o defeito continue.

    Boa sorte!

    Atenciosamente,

    Professor Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  123. avatar igor pereira da silva disse:

    eu queria saber se o flyback estiver em curto è perigoso para o cinescopio.

  124. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Igor,

    O flyback, como sabemos, é responsável por produzir o feixe de elétrons que desenhará a imagem em conjunto com os demais circuitos.

    Nos televisores de hoje em dia, o problema de curto circuito dificilmente afetará o tubo de imagem, isso porque o microcontrolador monitora todos os circuitos e, ao menor problema identificado por ele, o aparelho se desliga, entrando em sistema proteção.

    Nos nossos aparelhos antigos de televisão, sem microcontroladores nesses circuitos, quando um componente entra em curto circuito, acaba queimando vários componentes ao seu redor, até que o fusível abra.

    Uma atenção especial que se deve dar é para o circuito excitador do flyback, isso é, transistor de saída horizontal e capacitor de largura. É comum os televisores apresentarem defeitos no transistor de saída horizontal, pois, devido à oscilação, esse estágio aquece e fica vulnerável às soldas frias, o que causa uma instabilidade no circuito.

    O capacitor de largura, normalmente de cor laranja, ou marrom, com tensão de isolação por volta de 1600V, ao perder sua capacitância aumenta ainda mais a alta tensão, provocando fuga de alta tensão na chupeta do flyback. Essa fuga, muitas vezes, escuta-se apenas um chiado, que ao fazer uma limpeza no local da chupeta e na própria, resolve. Entretanto, pode ser indício de que o capacitor já não está em perfeitas condições, devendo dar uma atenção a esse componente.

    Caso o capacitor de largura perca sua capacitância, a alta tensão subirá para valores que podem danificar o tubo de imagem, perfurando-o.

    Apesar de o circuito de proteção atuar nesse momento, caso você venha a burlar a proteção para diagnosticar o defeito, o que é muito comum, o tubo de imagem pode sim ser danificado, mas não por causa do flyback e sim pelo capacitor de largura.

    É comum o fly entrar em curto circuito ou abrir algum de seus enrolamentos, por isso, sempre que o transistor de saída horizontal estiver em curto circuito, verifique o capacitor de largura também. Se necessário troque-o por outro de igual valor, teste o aparelho, e se o mesmo não funcionar, troque o flyback também.

    Atenciosamente,

    Professor Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  125. avatar carlos roberto batista disse:

    Amigo estou com uma tv saneo ctp 2796 queimando o saida horizontal,me falaram que o flyback pode estar fora de frequencia,o que quer dizer isto, se coloca outro novo ou tem alguma coisa a fazer. Obrigado

  126. avatar Marcelo Calvo disse:

    Olá,

    Encontrei nos Estados Unidos um Kit muito legal para iniciantes em Eletrônica, nunca vi um kit tão bem feito, ensinando passo a passo como construir projetos eletronicos. Alguém sabe me informar onde posso encontrar aqui no Brasil este kit? É muito bom e vale a pena ser divulgado: http://sparklelabs.com/index.php

  127. avatar Danilo Robson disse:

    Olá, a poucos dias Liguei minha tv Como faço normalmente o ai surgiu o problema, ela esta com a tela azul, e linhas na horizontal com uma pequena inclinação. e depois de alguma tempo, a tela pisca e ela desarma (desliga)
    ai eu abrir sem conhecer muito de eletronica, mas sempre preocupado para não levar algum choque fiz uma pesquisa antes. como sou leigo não entendi direito o que aconteceu para ela está daquele jeito ai fui mechendo, no Flyback, posicionel o screem no começo e almentei um pouco o zoon, dai ,a tv passou a funcionar, mas a imagem continua muito azulada, só que agora ela não desarma mais. queria indentificar o problema antes de mandar algum tecnico resolver, para não terminar sendo lezado. desde já muito obrigado pela atenção.

  128. avatar francielio azevedo da costa disse:

    estou trabalhando numa tv semp mod 2092lavu16 e gostaria de saber varios defeitos da horizontal

  129. avatar Roberto welter disse:

    Olá amigos do Padre Reus, fiz o curso com vocês de radiotécnico e hoje estou trabalhando nessa função…recomendo o curso para quem tiver interessee em atuar nessa área….quando tiver dúvidas entrarei em contato.
    Abração a todos ai… são ótimos profissionais e obrigado pelas dicas…
    valeu abraaço

  130. avatar GESOALDO GONÇALVES disse:

    Ola amigos gostei muito do que vi aqui, ajuda muitos até mesmo profissionais da area. Eu quero saber como faz para ligar o fly com
    fios para testar se o defeito e realmente no fly que estava nela.
    Se pode ser qual quer flybek (obs conecta outro fly fora da placa atraves de dois fios ligado um no pino de entrada e outro no pino de saida).
    Desde ja muito obrigado a todos.

  131. avatar José Alexandre disse:

    Prezados,estou com uma TV Semp, cuja imagem está em forma de ” V ” troquei capacitor de largura e Transistor de saída horizontal mas não resolveu.
    Antes desse problema,notei que a imagem estava demorando a aparecer com nitidez. Vocês podem me dar alguma dica ?

  132. avatar helio preza da silva disse:

    Gostaria de ver o passo a passo da limpeza de unidade optica de dvd’s com alcool absoluto. Grato

  133. avatar marcio disse:

    Olá, pessoa tenho uma TV Philco convencional 21 pol , tela plana, com 8 anos , ela começou a dar uns estalos e chiar , a imagem e o som estão ok , o que pode estar acontecendo??

  134. avatar Marcio Eduardo Vieira disse:

    Professor Mario, gostaria que me ajudasse pois tenho uma TV Mitsubishi tc2010 com a imagem aparecendo escurecida, ja testei o valor do screen esta com 180v, testei tambem o capacitor do screen sera que odefeito está no fly-back

  135. avatar Marcio Eduardo Vieira disse:

    Completando o que foi dito anteriormente, a dúvida sempre paira em quem não tem experiência, eu fiz o curso através desta unidade de ensino mas ainda não tenho segurança em alguns diagnósticos isso se deve ao fato também de eu praticar eletrônica só aos finas de semana durante a semana trabalho como Enfermeiro, desde já muito obrigado pela atenção.

  136. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Márcio,

    Obrigado pelo seu contato.

    A tensão de screem geralmente é de 600V ou mais. A tensão de 180V é para a polarização do cinescópio. Para medir a tensão de screem você deve identificar um fio vermelho que vem da parte inferior do fly back e é soldado na PCI do tubo de imagem.

    Para medir essa tensão, deve-se prestar muita atenção, pois se a ponteira do multímetro escorregar e encostar em outro componente, pode danificar esse componente e até mesmo o tubo.

    Primeiramente aterre a ponteira do multímetro no cabo de aço que envolve o tubo (aquadag), pois é um perfeito aterramento. Dessa forma, você ficará com uma mão livre e a utilizará para girar o potenciômetro de screem a fim de verificar se esse potenciômetro está atuando.

    Se a tensão de screem não variar no momento da medição, é porque o potenciômetro de screem está danificado e, nesse caso, será necessário trocar o fly back.

    Há no mercado um kit foco e screem que pode ser instalado para que não haja necessita da troca do fly quando o defeito se encontra em um dos potenciômetros.

    Particularmente, recomendamos substituir o fly back, pois esse componente que é posto ligado ao fly, terá que ser fixado em algum ponto para que não fique solto, ou seja, é um componente que será adaptado.

    A manutenção de aparelhos eletrônicos é assim mesmo, devemos procura auxilio na internet, em fóruns relacionados à eletrônica e, principalmente, se esforçar ao máximo, pois somente assim conseguimos atingir nossas metas.

    Atenciosamente,

    Professor Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  137. avatar Marcio Eduardo Vieira disse:

    Olá Prof. Mario,(tv mitsubishi tc 2010) eu fiz como o senhor disse: medi a tensão do screen na placa do PCI, mas encontrei apenas 120v, girando o potenciômetro para o mínimo e a leitura foi 0v mas quando girei ao máximo aparece os 120v. Dai eu dessoldei o fio do screen e medi a tensão e os mesmos 120v, testei o capacitor do screen e ele tá ok, todas as tensões nos pinos do fly estão beleza mas a do screen continua em120v. Esta tv esta com a imagem com pontos escuros ai eu fecho o screen e fica tudo escuro, torno a abrir o screen e os mesmos pontos claros e escuros voltam se a imagem tiver pouca luminosidade não se consegue ver nada, acho que vou trocar o fly-back o que o senhor acha?

  138. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Marcio,

    O screem do televisor atua diretamente no clareamento e escurecimento da tela, bem como no ajuste de contraste.

    Como você mencionou, ao ajustar o ganho de screem no máximo, a tela ainda permanece com pouca luminosidade, o capacitor de screem pode estar com baixa capacitância, e ao medi-lo com multímetro analógico o mesmo indicará que está em bom estado. Por isso, retire o capacitor de screem do circuito e ligue o televisor, se a imagem clarear, substitua o capacitor, no entanto, se a imagem continuar com o mesmo problema, dê uma olhada no circuito de ABL, pois se houver algum componente defeituoso, também pode escurecer a imagem.

    Depois de verificar o circuito de ABL e constatar que nenhum componente desse circuito está com defeitos, substitua o fly back, pois pode ser ele que esteja defeituoso.

    Atenciosamente,

    Professor Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  139. avatar Marcio Eduardo Vieira disse:

    Tv mitsubishi tc2010. Boa tarde professor Mario, fiz o que o senhor falou e deu certo a imagem apareceu com toda a claridade, retirei o capacitor do circuito e liguei a tv. Ainda não o substitui porque moro na zona rural e para comprar tenho que ir a cidade, mas muito obrigado e até mais, e bom saber que agente tem alguem com quem pode contar e tirar algumas dúvidas.

  140. avatar Marcio Eduardo Vieira disse:

    Boa noite professor Mário! Eu pesquisei sobre o jumper no transistor de saída horizontal, mas fiquei na dúvida sobre como faze-lo, até porque tenho medo de danificar o meu multímetro já que temos de colocar a ponteira vermelha no coletor do mesmo, qual o risco? (com esse jumper é possível testar tanto o transistor quanto o fly-back?)

  141. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Marcio,

    É possível fazer esse jumper no transistor de saída horizontal, mas vale lembrar que o risco é grande e o teste deve ser efetuado muito rapidamente, pois ao passo que a fonte sobe, capacitores podem explodir.

    Para fazer esse jumper entre base e emissor, deve-se colocar a ponteira do instrumento no coletor do transistor de saída horizontal. É um teste um tanto arriscado, pois se houver alta tensão, seu instrumento será danificado.

    O correto a se fazer nesses casos é colocar um jumper entre coletor e emissor do transistor, e medir a tensão no pino de +B do fly back, assim você não corre o risco de danificar seu instrumento.

    Mesmo fazendo o jumper entre coletor e emissor, o teste deve ser efetuado muito rapidamente, pois a fonte deverá subir, podendo fazer com que capacitores explodam.

    Esse teste pode nos dizer se o transistor de saída horizontal está com defeito, se ao colocar o jumper e ligar o aparelho à rede elétrica o defeito não mudar, o defeito está no próprio transistor. Nesse caso, deve-se verificar o transistor e o capacitor de largura (poliéster 1600V aproximadamente). Ao colocar o jumper e a tensão de +B do fly back subir, o defeito está realmente no próprio componente.

    Um detalhe a ser observado é que, entre a base e o emissor do transistor de saída horizontal há, praticamente, um curto circuito, pois a base é ligada ao transformador driver, sendo que o emissor é ligado ao terra, juntamente com o outro terminal do transformador drive.

    Esse pequeno transformador possui baixa impedância nos enrolamentos, sendo assim, ao colocar a ponteira do instrumento na base e a outra no emissor, o instrumento estará em paralelo com o transformador driver e indicará uma baixa impedância, perto de zero ohm.

    Por isso, quando suspeitar que o transistor de saída horizontal esteja em curto circuito, o melhor mesmo é retirar o mesmo do circuito e medir o componente, pois assim você terá absoluta certeza se o componente está em bom estado ou com defeito.

    Atenciosamente,

    Professor Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  142. avatar Didi Brandão disse:

    Prof.Mário e a todos ai bom dia? Sou técnico a pouco tempo 6 anos estou com uma tv toshiba de estimação desse povo idoso que apega fácil e já fiz de tudo troquei,cap.de video todos capacitores ao redor do fly babk e fonte a tenção alimenta rgb ta 200V filamento acende forte e a tela continua preta aumento tripot screen tela fica marron com linhas +B114V no coletor saida horiz tençao ta bem alta TV TOSHIBA TV2088.
    antes ela só estava com o transistor saida horizontal queimado um BU808DFI troquei a tv ligou filamanto acendeu bem forte mesmo depois diminuiu,mas fica aceso so que a tela ta preta,aumento tripot screen tela fica marron e com linhas,troquei cap. de screen na pci do tubo e nada. Obrigadoo e aguardo resposta por favor!!favor?

  143. avatar Flávio disse:

    Possuo um televisor Philips modelo 16CT3325M, fabricado em 1984. É possível encontrar um flyback para esse modêlo? A imagem estava muito boa antes de entrar em curto.
    Obrigado

  144. avatar Marcio Eduardo Vieira disse:

    Bom dia! Professor Mário, quais as causas que podem levar o fly-back a vazar alta tensão no cabo da chupeta?( o meio dele esta vazando, isso pode estar relacionado ao capacitor de largura?

    Desde já muito obrigado.

  145. avatar junior santos disse:

    Ola Professor Mario fiz meu curso de radiotécnico e eletrônica no IPR já faz um ano. Professor gostaria de uma informação , quando fiz o curso recebi um cd-rom com um programa que servia para montar um banco de dados com defeitos que eu solucionasse mais perdi esse CD-rom e hoje esse programa esta me fazendo muita falta na bancada gostaria de saber se posso comprar esse CD-rom no IPR.grato pela atenção.

  146. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Junior,

    Obrigado pelo contato.

    Para melhor antendê-lo, solicitamos que você nos informe o seu nome completo e o seu número de matrícula.

    Um grande abraço.

    Atenciosamente,

    Professor Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  147. avatar Marcio Eduardo Vieira disse:

    Boa tarde! Professor Mário, quais as causas que podem levar o fly-back a vazar alta tensão no cabo da chupeta? O meio dele esta vazando, isso pode estar relacionado ao capacitor de largura? E resolvendo o problema o fly-back tem que ser trocado?

    Desde já muito obrigado.

  148. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Marcio,

    Quando os televisores apresentam fuga de alta tensão, isso pode ser proveniente de três fatores:

    Capacitor de largura com baixa capacitância: esse defeito faz com que a alta tensão suba demasiadamente, provocando fuga de alta tensão e até mesmo estalos.

    Qualidade do capacitor de largura: o material utilizado na fabricação do componente também influencia, pois se esse material isolante for de baixa qualidade, devido às intempéries, também pode levar a fugas de alta tensão.

    Cabo da chupeta deteriorado: quando acontece fuga de alta tensão no cabo da chupeta é muito provável que a isolação do cabo esteja danificada. Se o televisor possui certo tempo de uso, essa fuga pode ser em função de o cabo possuir fissuras imperceptíveis a olho nu.

    Entre as causas citadas acima, a mais comum delas é o tempo de uso, pois devido ao constante aquecimento e resfriamento, a isolação do componente se torna deficiente, causando defeito no mesmo. Em todos os casos, essa fuga de alta tensão é preocupante, pois pode danificar componentes sensíveis.

    Atenciosamente,

    Professor Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  149. avatar DINISIO GOMES disse:

    io meu nome é Dinisio gostaria de saber porque que quando liga minha tv philco de 29″ fica fazendo um barulha/estalo, como devo concerta-la?
    obrigado!.

  150. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Didi,

    Como sempre, estamos na busca de novos materiais e de assuntos relacionados à eletrônica, pois para nós a pesquisa é fundamental.

    Analisando o esquema elétrico do aparelho mencionando por você, e fazendo uma análise comparativa com o que pesquisamos sobre as suas colocações, os passos que você percorreu fazem todo o sentido.

    Sendo assim, sugerimos que você troque a EPROM desse aparelho, pois pode ser ela que esteja causando esse defeito.

    Como você já efetuou os demais testes, o ideal seria que você trocasse o componente citado acima.

    Atenciosamente,

    Professor Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  151. avatar Luciano Lucas disse:

    MEU MULTÍMETRO ESCURECEU O DISPLAY, SERÁ QUE TEM ALGUM MACETE PRÁ SE RESOLVER ESTA SITUAÇÃO ??
    PERGUNTO ASSIM PORQUE ELE É MUITO BOM, ESTÁ FUNCIONANDO PERFEITAMENTE, APENAS O DISPLAY ESTÁ ESCURECENDO, OQUE FAZER ??

  152. avatar waliton klimak disse:

    oi prof queria saber quem possa ter uma tv colorado modelo itaipu para retirada de peças?e outra ela ta sem audio e que possa ser por exemplo?

  153. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Luciano,

    Normalmente quando um display digital escurece é porque vazou o cristal liquido do componente, em decorrência de uma queda ou pancada forte.

    Quando isso ocorre, não há como recuperar esse componente, somente trocando o display. Como se trata de um instrumento de medição, é pouco provável que você encontre outro para substituição, a menos que você encontre outro instrumento igual, mas com defeito diferente deste.

    Se o display apresenta falhas nos números, ou seja, se os números não aparecem corretamente, faltando partes, nesse caso, pode ser mau contato na fita que faz o contato entre o display e a PCI. Sendo assim, você deve retirar essa fita, limpa-la com um cotonete embebido em álcool isopropílico, bem como os contatos do display e da PCI, e recolocar a fita novamente.

    Nesses locais há parafusos de fixação para manter o perfeito contato entre esses componentes, se um desses parafusos não estiver bem apertado, podem ocorrer falhas de caracteres no display. Essa dica vale para qualquer display digital que possui essa fita de contatos.

    Atenciosamente,

    Professor Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  154. avatar adnilson aparecido cerci disse:

    prof. mario saudaçôes, tenhoum tvc semp toshiba mod 2095 chas. u 14m;o mesmo parou de funcionar, anlizei os diodos da fontes tudo ok. trans. bu808dfi,esta aberto, e tbem notei fios da yoke escuros,testei a mesma esta aberta na v e h, mas nunca fiz uma troca desta e a primeira que vou fazer, gostaria de receber umas dicas do senhor,como se faz isso.tem alguma marcaçao a ser feita.obrigado pela atençao …. adnilson

  155. avatar waliton klimak disse:

    tv Colorado:

    Minha tv nao tem audio so fica com a imagem fechada so isso onde posso recorrer pois ela nao fala so tem uma imagem fechada claro da impressao de que imagem tem mas ela ta fechada

  156. avatar Mauricio disse:

    Ola professor Mario tenho uma tv philco modelo FP F32S55 32pol. ela estava dando uns estralos quando abri estava saindo uma faisca do flyback não ligava a tv.
    Troquei o flyback agora a tv sai o som mas a imagem esta embaçada oque pode estar errado?

    Desde já muito obrigado pelo site e pela atenção.

  157. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Mauricio,

    Provavelmente não há nada de errado com o televisor, você apenas deve ajustar o potenciômetro de screen, que fica localizado no fly back. Veja que no próprio componente, junto dos potenciômetros está a identificação, o superior é do foco e o inferior é do screen.

    Sempre que trocamos o fly back, devemos ajustar esse potenciômetro a fim de que apareça a imagem corretamente na tela, sem o ajuste do screen, aparece uma cor acinzentada com linhas de retraço, ou seja, linhas diagonais. Grave bem o termo: “linhas de retraço”, pois você ouvirá muito isso em eletrônica.

    Uma dica importante: não permaneça com o televisor ligado por muito tempo exibindo as linhas de retraço, pois a claridade excessiva no tubo de imagem pode manchar o tubo permanentemente.

    Atenciosamente,

    Departamento Técnico do Instituto Padre Reus

  158. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Adnilson,

    Obrigado pelo seu contato.

    Não é comum o transistor de saída horizontal abrir. Normalmente esse componente entra em curto circuito, fazendo com que atue a proteção. O Yoke segue a mesma tendência, normalmente entra em curto circuito.

    O transistor de saída horizontal tem seus terminais ligados da seguinte maneira: Base – está conectada na mesma linha que o resistor R412; Coletor – está conectado ao pino 1 do fly back e está na mesma linha que o terminal 7 do Yoke horizontal; Emissor – é conectado ao resistor R426 e R427.

    Como esse componente é NPN, a ponteira preta do instrumento deve ser posta na base, e com a vermelha testar os demais terminais do transistor, que deve apresentar uma baixa resistividade, cerca de 3 a 5 Ohms em escala de X1. No sentido inverso, tanto em escala de X1 como em escala de X10K, não deve haver continuidade.

    O Yoke horizontal pode ser identificado pelos pinos 7 e 8 do terminal de conexão com a PCI, entre esses terminais deve haver continuidade. Nos terminais 10 e 9 está o Yoke vertical. Meça entre esses dois terminais para ver se há continuidade. Normalmente os fios do Yoke horizontal são mais “grossos” do que os fios do Yoke vertical.

    Caso o Yoke esteja mesmo com defeito, a troca desse componente é simples, mas alguns cuidados devem ser tomados, como, por exemplo, não mover os anéis de convergência, caso haja.

    No canhão do tubo há uma abraçadeira para firmar o Yoke, basta afrouxá-la e girar todo o componente cuidadosamente e puxá-lo para trás. Lembre-se que você deve remover a PCI do tubo para retirar o Yoke.

    Ao colocar o novo componente, você deve dispor de um espelho em sua bancada para que possa olhar para tela, pois você estará posicionando na parte traseira do aparelho. Coloque o Yoke no ligar e aperte um pouco a braçadeira, de maneira que ainda seja possível girá-la de um lado para outro.

    Depois que colocar o Yoke no lugar, ligue o televisor, e veja que a imagem na tela não estará centrada, sendo assim, com todo o cuidado para não levar um choque elétrico, gire-o de um lado para o outro até que a imagem esteja corretamente posicionada. Por fim, aperte a braçadeira para fixar o componente.

    Vale lembrar que a braçadeira deve ser apertada de modo que o Yoke não se mova do lugar, mas cuide para não apertar excessivamente, pois pode quebrar o canhão do tubo.

    Atenciosamente,

    Departamento Técnico do Instituto Padre Reus

  159. avatar Pedro. disse:

    Boa noite!

    Tenho uma tv samsung 20′, quando ligo ela o fly-back fica fritando como uma frigideira fritando carne, a imagem esta tudo bem, o nucleo do fly-back está com muita folga.

    att. Pedro.

    Desde ja agradeço!

  160. avatar eduardo disse:

    Bom dia profº estou como uma tv lg 29 que esta com o seguinte defeito que é
    quando ligo a tv no controle ela sai som por dois segundos sem video e dois segundos depois entra em stanby, queria saber se o problema esta no fly black
    desde ja agradeço.

  161. avatar José Romildo de Souza. disse:

    Boa tarde professor Mario Limeira, estou a procura de uma dica sobre tv encontrei seu blog e resolvi pedir-lhe uma dica se possível. Não sou técnico em eletrônica, apenas tenho conhecimento básico por ter trabalhado como eletricista (hoje aposentado) em uma fabrica de fiação. Tenho uma tv cougar cvt 1405 que está totalmente morta, quando ligo na serie a lampada acende com toda intensidade e aos pouco vai caindo até se apagar geral. Pelo teste que fiz acho que a fonte está boa, pois tenho os 300 volts no maior capacitor. agradeço a sua atenção.

  162. avatar Departamento Técnico disse:

    José,

    Para você testar de forma mais eficiente esse televisor, desconecte o cabo da bobina desmagnetizadora, bobina essa que fica presta ao redor do tubo de imagem, mas não confunda essa bobina com a defletora (Yoke), pois esse componente fica no “pescoço” do tubo.

    Quando a bobina desmagnetizadora é acionada, devido sua baixa impedância, prova um aumento na corrente elétrica, por isso a lâmpada acende com forte intensidade. Ao desconecta-la do circuito, você poderá verificar somente o consumo da fonte, pela lâmpada série.

    Como você mencionou, há os 300V no capacitor principal, sendo assim, veja no secundário da fonte que há um capacitor de 160V, nesse capacitor vem a tensão de +B da fonte, para alimentar o circuito horizontal. Se essa tensão estiver baixa, retire a solda do pino de +B do fly back, se a tensão estabilizar é sinal que o defeito está no circuito horizontal, e possivelmente no fly back.

    Caso a tensão não estabilize ao retirar a solda do pino de +B do fly back, o defeito deve estar no secundário da fonte de alimentação, poder ser até mesmo o capacitor de 160V com defeito.

    Outro detalhe muito importante a se observar é quanto a existência de soldas frias no circuito, pois caso haja, o televisor pode apresentar defeitos semelhantes.

    Abraço,

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  163. avatar ALUIZIO JOSÉ DA SILVA disse:

    OLÁ, PROFISSIONAIS DA TECNIA ELETROELETRÔNICA, TENHO UMA TV CCE STEREO FLAT SCREEN – 29″, A MESMA ESTÁ SEM SOM, E QUANDO ACIONO O MENU, A BARRA DE VOLUME NÃO APARECE. RESOLVAM ESSA GUERRA PRA MIM.

  164. avatar andre disse:

    Olá, tenho uma antiguidade em casa é uma tv philips tipo 14ct6401 m / uv. E ja a um tempo ela nao funciona direito. Começou que quando esquentava um pouco ela se desliga e fazia um forte apito, depois de um tempo a imagem dela ficou ficou amarelada no fundo ate q então não funcionou mais, apenas a imagem toda cinza com linhas de retraço e quando esquenta faz um som (tchec tchec) e a imagem fica piscando. Não entendo muito sobre sera que poderia me ajudar? Obigado

  165. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Aluizio,

    Analisando o defeito apresentado pelo seu televisor, pode ser a memória eprom ou o microcontrolador com defeito.

    No caso da memória, substitua a mesma ou regrave, porém, para regravar será necessário um gravador de eprom, bem como o software correto desse televisor.

    Se o defeito não for na memória eprom, é muito provável que seja o microcontrolador com problema, pois nesses televisores, como o áudio é Stereo, se houver algum problema nesse circuito, o microcontrolador vai entender que o áudio está em mono. Nesse caso o micro bloqueia o som.

    Por outro lado, se o defeito não estiver no circuito de áudio, mas na parte que processa o áudio, dentro do micro, esse sintoma pode ocorrer. Nesse caso, somente trocando o microcontrolador.

    Abraço,

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  166. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá André,

    O certamente seu televisor está com defeito no circuito horizontal e, nesse caso, é necessário que seja feita uma avaliação criteriosa para a solução desse problema.

    Esses ruídos que você escuta ocorrem devido à fuga de alta tensão. Por isso se deve tomar cuidado e descarregar o tubo de imagem antes de fazer uma verificação, pois o tubo de imagem permanece carregado por várias horas.

    Para descarregar o tubo de imagem, basta retirar uma das ponteiras do multímetro, aterrar a ponta mais curta no cabo de aço (aquadag) que passa pelo tubo e colocar a extremidade mais longa da ponteira embaixo da chupeta, no tubo de imagem, mas não toque na chupeta. Nesse momento você escutará um estalo e uma faísca pode ser vista. Retire a ponteira e coloque novamente, repita esse procedimento umas três vezes, para se certificar que o tubo esteja de fato descarregado. Se no momento em que colocar a ponteira embaixo da chupeta não escutar o estalo ou não apresentar faísca é porque o tubo de imagem já está descarregado.

    Primeiramente você deve ter o esquema elétrico do aparelho em mãos, para identificar os componentes a serem testados.

    Os defeitos nos televisores, como o que você citou, ocorrem normalmente em função do capacitor de largura. Esse capacitor fica na mesma linha do coletor do transistor de saída horizontal, cuja posição é C568. Se esse capacitor estiver com baixa capacitância aumentará a alta tensão na chupeta, fazendo com que haja chiados ou até mesmo estalos, fazendo o televisor se desligar.

    Para medir esse capacitor é necessário que você tenha um capacímetro, pois ao medir com o multímetro certamente a medição indicará como bom, mas a capacitância pode estar baixa.

    O capacitor que fica logo ao lado C569, também deve ser verificado, e caso troque o C568, aproveite e troque C569 também, pois isso lhe evitará problemas futuros.

    A imagem amarelada que você citou, pode ser em função da alta tensão no tubo de imagem, já as linhas de retraço juntamente da tela cinza, podem indicar excesso de screem, ou seja, a tensão de screem está muito alta e deve ser diminuída, para isso, gire o potenciômetro correspondente ao screem que se encontra no “corpo” do fly back. Se, mesmo assim, as linhas de retraço não desaparecerem é necessário que se efetue a medição dessa tensão e, ao mesmo tempo, gire o potenciômetro a fim de verificar se a tensão também varia. Caso a tensão não varie ao girar o potenciômetro, o fly back deve ser trocado.

    Se o televisor não estiver ligado, meça o transistor de saída horizontal, que fica na posição de TS562, se estiver em curto circuito, o televisor não ligará, porém, atente-se para um detalhe, o componente deve ser retirado da PCI para a medição, pois como seus terminais, coletor e emissor, ficam em paralelo com o transformador driver, e com esse possui baixa impedância entre seus enrolamentos, parecerá que há um curto circuito entre coletor e emissor.

    Abraço,

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  167. avatar Juracy disse:

    Prof. Mario Limeira estou com uma tv cce. chassis: tv 2118 usp/av e ela ficou com a imagem bicôncava ” )( ” depois de tomar uma tremenda queda já verifiquei se a PCI estava danificada, mas nada. O que será que aconteceu?

  168. avatar gilson simao santos disse:

    minha televisao e de tela plana da sansumg aquelas de tubo quando eu coloco um dvd ela da uma esticada na imagem bem nos cantos de baixo da tela gostaria de saber como eu mesmo posso arrumar

  169. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Juracy,

    A imagem “bicôncava”, que você citou, é mais conhecida como “efeito almofada” (por causa do formato com que fica a tela).

    Nesse modelo, várias vezes esse defeito é causado pelo resistor “R428”, de 82K, próximo às teclas frontais. Verifique-o, pois provavelmente o defeito é nele.

    Se mesmo após a troca do resistor citado a imagem continuar da mesma forma, verifique também o transistor “Q406”, localizado bem próximo do componente citado anteriormente.

    Um abraço!

    Departamento Técnico do Instituto Padre Reus

  170. avatar Maria disse:

    Eu tenho uma tv da sansung LCD LN40A330 e ela começou a ficar com metade da imagem da tela em tiras verticais! O que é isto? Vale a pena consertar?

  171. avatar Maria disse:

    Boa tarde!
    Eu tenho um TV AOC LCD HDTV L32w831 ela começou a só funcionar de dia e agora tá totalmente parada: sem som ou imagem! O que é isto? Vale a pena consertar?

  172. avatar antonio carlos disse:

    tenho uma tvlg 29 polegadas e a imagem dele só fica roxa quando acontece isso tenho que desliga ela e ligar novamenteai a cor volta ao normal só que por um minuto depois volta a ficar roxa de novo o que pode ser

  173. avatar Denilcéia disse:

    Tenho uma tv LG 29 polegadas, derrepente deu um estalo, a imagem sumiu e ficou fazendo um barulho (” tipo grilo”). O que pode ser?

  174. avatar luiz antonio disse:

    Ola. Bom dia. a minha tv esta queimando a saida HOR D2499 o que pode ser?

  175. avatar luiz antonio disse:

    Ola. a tv toshiba 2999 liga e passa uns 2 minuto ela desliga,o q pode ser?

  176. avatar francisco mauricio disse:

    tenho pouco tempo de curso ,e quero trabalha em casa,quais as ferramenta que preciso para inicia.

  177. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Francisco,

    Certamente a rotina de uma oficina depende de um bom conjunto de ferramentas e alguns instrumentos considerados fundamentais para a manutenção. Na maioria dos equipamentos é preciso utilizar a ferramenta certa, pois, do contrário, pode-se colocar em risco toda a qualidade do trabalho efetuado.

    A primeira recomendação é sobre a aquisição dos produtos. Sempre que for comprar ferramentas para sua oficina, se possível, procure produtos de qualidade. Isso vai assegurar também a qualidade do serviço prestado.

    Outra recomendação de extrema importância é quanto à organização da bancada de trabalho. A organização em maletas, armários ou carrinhos personalizados é fundamental para facilitar a busca das ferramentas corretas e prevenir para que não sofram danificações. Antes de começar um serviço, certifique-se de que todas as ferramentas necessárias estão próximas de você, além disso, analise o estado do equipamento, limpeza e, se for o caso, a aferição.

    É recomendável que você tenha: ALICATE UNIVERSAL, ALICATE DE BICO CHATO, ALICATE DE BICO REDONDO, ALICATE DE CORTE, ALICATE DE PRESSÃO, MULTÍMETRO, CHAVE AJUSTÁVEL PARA PORCAS, CHAVE CATRACA, CHAVE DE FENDA, CHAVE DE FENDA TIPO PHILLIPS, SUGADOR DE SOLDA, CHAVE LONGA (TIPO CANHÃO), CHAVE SEXTAVADA TIPO ALLEN, FERRO DE SOLDA e SOLDA.

    Um abraço!

    Departamento Técnico do Instituto Padre Reus

  178. avatar Adolfo disse:

    Amigo, certamente você saberá me responder a uma pergunta besta. Não sou técnico eletrônico, mas tenho uma tv/monitor de 14″ de tubo, sem toshiba que é usado na clinica onde trabalho para visualizar os exames de de vídeo de nariz e garganta. Ele é 110v e ligaram no 220v. Já foi pro conserto e quando voltou, ninguém sabe onde está o nobreak no qual ele ficava ligado. Pegamos um estabilizador de 300va e ligamos o monitor nele. Quando ligamos o monitor o estabilizador desligou sozinho, ou seja, nem aguentou. Como sei qual a potência que o estabilizador precisa ter para suportar um monitor desses? é uma TV/monitor de 14″ toshiba. Agradeço a atenção.

    Adolfo Mayer

  179. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Adolfo,

    O estabilizador é um equipamento que tem a função de proteger aparelhos eletrônicos das variações de tensão que recebe da rede elétrica. O nobreak é praticamente um estabilizador só que possui uma bateria interna que consegue manter a energia de alimentação do equipamento por algum tempo que varia de acordo com a sua capacidade.

    Um dado importante, antes de ligar qualquer aparelho é, sem dúvida alguma, verificar se a tensão onde será ligado o equipamento é compatível com a tensão de alimentação de entrada do referido aparelho. Muitos dos aparelhos atuais possuem fonte de alimentação chaveada e, nestes casos, a tensão de entrada varia numa faixa de 90 a 250Vac. Mesmo assim é importante confirmar se este é o caso do seu monitor.

    Normalmente, um estabilizador de 300 VA é capaz de alimentar uma fonte de computador de 195W. É preciso certificar-se se a carga que está sendo aplicada ao estabilizador não faz com que ele trabalhe ou ultrapasse seu limite de operação, pois pode queimar a fonte e estabilizador.

    No seu caso, como o equipamento é utilizado para análise de exames, aconselhamos a usar um nobreak de 1000VA. Por armazenar energia é um equipamento mais seguro. Caso aconteça uma queda de luz, dará tempo de salvar o que estiver fazendo e desligar o computador corretamente. Numa versão mais econômica, também pode ser usado um estabilizador de 1000VA que suportará tranquilamente o TV/Monitor.

    Um abraço!

    Departamento Técnico do Instituto Padre Reus

  180. avatar José Carlos disse:

    Prezados amigos, a minha televisão de 29 polegadas de tubo da Semp Toshiba, ao ligar o tubo fica azul, por mais de 15 minutos até aparecer a imagem. Dá para você me dizer o que fazer ?? Ouvi um comentário a respeito do Pino 19, mas onde fica, o que é esse pino 19 ?? Obrigado pela sua atenção.

  181. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá José Carlos,

    Na maioria das vezes, quando os televisores SEMP costumam apresentar defeitos na imagem, a causa é o aquecimento dos componentes na PCI do tubo.

    Provavelmente no seu caso, no qual a TV apresenta imagem azulada, exista algum defeito na placa do tubo de imagem. Primeiramente, verifique se não há solda fria ou até mesmo um componente alterado. Solte o pino 19 da placa do tubo, se aparecer imagem a causa provável é Q612.

    É necessário que faça uma busca minuciosa na PCI do tubo, pois essas são as causas mais prováveis.

    Se o modelo é o TV2084 FAV U11, verifique as condições de funcionamento do diodo D901.

    Um abraço!

    Departamento Técnico do Instituto Padre Reus

  182. avatar João disse:

    Preciso comprar um transformador de saída horizontal tv CCE 33pol antiga e não estou conseguindo por aqui, pode me indicar onde encontrar? Obrigado
    Estou em Rolândia – Pr.

  183. avatar Fernando disse:

    Gostaria de saber qual o procedimento para que eu possa fazer funcionar um Tubo de Raios Catódicos como se fosse uma tela de TV . Tenho observado nas pesquisas, que eles usam um regulador horizontal e vertical. Preciso obter uma tela com chuvisco (com nos canais 2 e 3), sem interferência das emissoras de tv. Abraços Fernando

  184. avatar Antonio Pereira disse:

    peguei um tv que foi consertada por outro tecnico em eletronica, ele tinha trocado a saida horizontal uma vez e alguns componentes e apos o serviço, a tv ligou, porem, apagou denovo. Verifiquei que a saída horizontal havia queimado outra vez. É um tv magnavox 29mt4515/78, gostaria de saber se é o flyback que causa a queima do transistor, ou é o transistor driver e o capacitor de 45uF que causa o mesmo problema? Ou pode ser a bobina defletora que está ruim?

  185. avatar alex caldeira disse:

    pode testar em outra esca do mutimetro não tem essa escala

  186. avatar alex caldeira disse:

    no mel mutimetro

  187. avatar Djanira Souza disse:

    Olá Prof.Mario,
    Tenho uma Tv LG o som esta bom mas a imagem do nada sumiu a tela me apareceu azul,se passou uns dias liguei por acaso e a imagem me aparece meia escura dificultando de assisti,umas horas fica boa outras não escura novamente desde ja agradeço sua ajuda amigo um abraço

  188. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Djanira,

    Primeiramente, sabemos que o screen de um televisor atua diretamente no clareamento e escurecimento da imagem, bem como o ajuste do contraste. Muitas vezes, não adianta regular o screen para clarear a tela, pois se tiver um defeito nessa linha a imagem tornará a escurecer.

    No seu caso, se você ajustar o ganho de screen no máximo e a tela ainda permanecer com pouca luminosidade, o capacitor de screen pode ser a causa do defeito. Lembrando que para medi-lo corretamente, você deve dispor de um capacímetro, pois com o multímetro analógico o máximo que conseguirá é ver se o capacitor não esta com fuga.

    Por isso, retire o capacitor de screen do circuito e ligue o televisor, se a imagem clarear, substitua o capacitor, no entanto se a imagem continuar com o mesmo problema verifique os componentes do circuito ABL, pois se houver algum componente defeituoso nessa linha, pode ocorrer o mesmo defeito.

    Um abraço!

    Departamento Técnico do Instituto Padre Reus

  189. avatar Luís Antônio da Silva disse:

    Professor: Mario Limeira, boa noite.
    Sou aluno do IPR, Tenho um televisor marca: Panasonic, modelo 14A7 e está apresentando o seguinte defeito: ligo a tv a imagem está perfeita, porém não têm áudio. Já troquei o CI de Áudio e alguns capacitores do circuito de som que estavam com a capacitância baixa, e o defeito continua, peço ajuda para tentar solucionar este problema, aguardo reposta ok.

  190. avatar elvis disse:

    boa noite , fiz o curso de uma outra escola por correspondência mas não aprendi muito , gostaria de saber se o de vocês é bem mais explicativo se realmente a gente aprende obg.

  191. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Elvis,

    Sou o Prof. Mário Limeira, coordenador do Departamento Técnico do IPR e, caso se concretize sua matrícula em nosso Curso de Radiotécnico e Eletrônica, terei a grata satisfação e a responsabilidade de acompanhar o desenvolvimento da sua formação profissional.

    O processo de ensino profissionalizante do IPR tem como base a tematização teórico-prática, a qual oferece ideias e conceitos aplicados no ensino a distância. É por essa razão que no Curso de Radiotécnico e Eletrônica do IPR o aluno recebe, além do material didático teórico, uma vasta gama de materiais didáticos práticos que culminam com a montagem da Bancada de Testes Multifuncional, que contém 7 importantes kits eletrônicos.

    Além de todo o material didático que você receberá, para reforçar o seu aprendizado durante todo o curso, você contará com uma equipe de professores que sempre estarão prontos para ajudá-lo e orientá-lo em seus estudos.

    Espero em breve tê-lo como nosso aluno. Nossa meta será construirmos, juntos, os conhecimentos necessários para que você seja um excelente profissional.

    Para efetivar sua matrícula, acesse http://www.ipr.com.br, ligue para nossa central de atendimento pelo fone 0xx51 3711-4000 ou envie um e-mail para central@ipr.com.br.

    Um grande abraço,

    Professor Mário Limeira

  192. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Luís Antônio,

    Quando os televisores apresentam defeitos no som, não basta apenas trocar o CI de saída de áudio, sem verificar as suas alimentações, bem como o sinal de áudio nos pinos de entrada.

    Primeiramente, você deve medir os pinos de +B que alimentam o CI. Para isso, retire o CI do circuito, pois, caso o mesmo esteja em curto, alterará o valor das alimentações. Depois de verificar esses pontos de +B, se os valores estiverem corretos, de acordo com os especificados no esquema elétrico do aparelho, injete um sinal na entrada de áudio do circuito integrado. Deve sair um forte zumbido no alto falante, caso contrário, o alto-falante, o mute ou o próprio CI está defeituoso.

    Para terminar, se não encontrar sinal de áudio na saída de som, o defeito torna-se mais complexo. Isso porque, o sinal é proveniente do micro “faz tudo”. Nesse caso, o defeito pode estar no micro ou nos componentes ligados nessa linha.

    Um grande abraço,

    Professor Mário Limeira

  193. avatar josias maciel da silva disse:

    goste muito de aprende

  194. avatar wander disse:

    caro professor,estou com uma tv lg rp-20cb20a que demora a ligar, e quando liga fica sem caracteres na imagem(só chuviscos),o teclado fica travado;quando insisto em mudar de canal, ocorre mudança do mesmo após algum tempo, mas não aparece imagem.
    ja troquei a eeprom , refiz soldas frias,troquei alguns diodos como solicitado em outros sites de dicas de defeitos, mas não resolveu.poderia me dar uma dica? (todas as tensões estão normais)

  195. avatar Rafael Henrique Assunção disse:

    Olá, estou com uma tv Magnavox 29MT4515, sem som e imagem chuviscada.
    Vocês podem me mandar uma solução.

  196. avatar alex ricardo disse:

    minha tv Toshiba 29 telaplana esta apresentando um circulo multicolorido no centro da tela,não encontrei curto nos componentes da placa q fica no tubo,nem nos do chassi,qdo regulo no flyback melhora por algumas hrs e depois volta o problema,regulo novamente melhora,dvo trocar o flyback???

  197. avatar Osmar disse:

    Boa noite professor sou técnico em eletronica trabalho em uma empresa de intinerarios de ônibus e para outros usos.
    Nas horas vagas conserto TVs , estou com a tv semp toshiba 2934 sky91
    está tv foi deixada para que eu trocase o varicap da antena que estava danificado,troquei o mesmo por outro de outra tv semp mas quando liguei a tv visualizei que a imagem estava um pouco esverdeada e o azul quando não tem imagem deveria aparecer ficava um cinza meio lavado.
    Escuto um barrulho vindo da bobina yoke,já troquei memória reprogramei,fiz testes em todo o circuito e está tudo OK, tinha um capacitor o C311 que estava aberto , foi trocado e nada a tv contínua com a imagem esverdeada.
    Obs: As vezes quando ligo a imagem fica normal com tela azul e tudo sem esverdeada nas imagens, mas dali um pouco volta a apresentar o defeito recirente.
    O senhor pode me ajudar?

  198. avatar armando disse:

    COMO POSSO SUBSTITUIR UM TRANSISTOR QUE NÃO ACHO ELE VAI NA PLACA ATRAS DO TUBO DA TV PHILIPS MODELO 21 PT 9467/78 E PRA QUE
    FUNÇÃO ELE SERVE NA MESMA E POR ISSO A TV AO LIGAR ACENDE O LED E NÃO LIGA DE JEITO NENHUN

  199. avatar Eduardo Sperka disse:

    Tenho um monitor em máquina que apresenta a imagem sinuosa e um pouco deslocada, qual poderia ser o defeito, desde já agradeço.

  200. avatar Edmilson Carvalho disse:

    Eu tenho uma tv SEMP TOSHIBA 60″ – telão antiga, mais estava em bom funcionamento , o tecnico me falou que foi o Flayback e os STK , como encontraria essas peças, ja busquei e não consigo voce podem me ajudar veja as referencias.

    O flay back TFB 5070 AN (pode ser um similar) PARA TV SEMP TOSHIBA 60” MODELO DA TV TW 56D90 ela é importada……..

    mais os TRANSISTOS C3893A

    STK 392-020

    Edmilson

  201. avatar marcelo disse:

    amigos me ajudem por favor,estou com uma tv semp toshiba modelo1484 u13 somente com o audio nao tem imagem alguma o flayback nao da sinal de nada mais o audio funciona perfeito e eu consigo passar o canais,tambem pelos numeros deles que eu conhece e funciona mas sem imagem

  202. avatar Roberto ivo Gruwaldt disse:

    sou aluno de voces to con tv toshiba tv 2999 algum tempo depois quima saida horizontal . no esquema é para ter 45v no coletor do pre drive mas tem112v ebaixa para uns 85quando liga e algumas vezes nao liga. testei de tudo troquei o sh por bu mas nao resolveu o +b140 quando devia ser 130 ,to testando sem o sh pois pode ate funcionar bem mas de repente esqueta muito e queima por favor me ajudem obrigado!!!!

  203. avatar leonardo souza disse:

    olá minha tv lg tubo tela plana 21″ esta queimando o transitor da orizontal todo mes,ja troquei o flyback e nada de funcionar .a ultima vez ela asendia o led on parecia q ia ligar mas nao ligava.me ajude por favor obrigado

  204. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Roberto,

    Estive verificando o esquema do TV Semp Toshiba 2999 e o chassi é “LEM7”.

    Observando o coletor do oscilador pré, você verá que o mesmo é ligado ao +B da fonte, ou seja, no seu coletor há tensão de aproximadamente 130V. Veja que no coletor do transistor está ligado um capacitor (C416) de 160V.

    Você fez certo ao trocar o transistor 2SD2499 por um da família “BU”, pois suportam mais tensão e corrente, sendo que também conseguem dissipar maior potência.

    Sugiro que troque os capacitores de largura (C444 e C450). Esses capacitores podem causar a queima do transistor de saída horizontal (TSH), bem como aumentar a tensão do tubo de imagem.

    Você menciona que: “no coletor do pré-drive a linha de +B fica com tensão entorno de 112V, ao ligar a mesma caí para 85V”. Sugiro que verifique o capacitor C448, pois ele pode estar com baixa capacitância ou com fuga.

    Você também mencionou que a fonte estava com 140V, nesse caso, você deve verificar o fotoacoplador Q862, na fonte.

    O pino 1 deve ter aproximadamente 19V com o televisor ligado e 1,1 em standby;
    O pino 2 deve ter aproximadamente 19V com o televisor ligado e 0V em standby;
    O pino 3 deve ter aproximadamente 4V com o televisor ligado e 18V em standby;
    O pino 4 desse componente é ligado ao pino 4 do Q801.

    O que acontece nesse estágio é uma amostra da tensão do secundário para o regulador da fonte. Sendo assim, conforme a tensão no secundário, o regulador da fonte irá oscilar mais rápido, para aumentar a tensão, ou mais devagar para diminuir a tensão.

    Se o Q862 estiver com defeito, o mesmo não estará informando corretamente a tensão, no secundário, para a fonte, fazendo com que a mesma aumente.

    Outro detalhe é a tensão na base de Q842, que deve ter aproximadamente 0V com o televisor ligado, nesse caso, a medição no pino 2 de Q842 deve ser de aproximadamente 19V. Se a tensão medida for muito diferente, deve-se verificar os diodos D848 e D847 e da mesma forma o transistor Q842.

    Tendo em vista as medições acima mencionadas, de maneira alguma pode ter polarização na base do transistor Q842 enquanto o televisor estiver ligado, apenas quando o mesmo estiver desligado.

    Um grande abraço,

    Professor Mário Limeira
    Instituto Padre Reus

  205. avatar Esperdião José dos Santos disse:

    Gostaria de saber dos senhores qual a melhor marca de fly backs a não ser os originais que as vezes são difíceis de ser encontrado no mercado de eletronica, sem mais,Esperdião.

  206. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Esperidião,

    Pode-se dizer que os flybacks da marca Brasalfa são muito bons.

    Sugerimos, entretanto, que você procure dar preferência para os flybacks originais.

    Um grande abraço,

    Professor Mário Limeira
    Instituto Padre Reus

  207. avatar Uilson disse:

    Olá Professor, estou com uma TV CCE TV2118USP/AV com devido problema
    ela liga normalmente com todas as tensões normais no secundário só quando deixa um tempo ela ligada, e depois desliga começa a gerar um ruído na fonte chaveada tipo uns estalos quando liga ela de novo para. quando desliga continua e se deixa e modo standbay só aumenta o ruído já testei transistor horizontal ,o flyback polarização do faz tudo, ci regulador ,CI da fonte osciladora tudo normal. só que quando vou testar a voltagem no coletor do transistor horizontal com o multímetro na escala de 250v continua só de encostar a ponteira gera uma faisca no terminal do coletor e a trama enlouquece criando linhas horizontais correndo na tela de baixo para acima uma observação que fiz que quando testei no enrolamento aonde entra a tensão de 110v não causa essa interferência na tela, mais na saida do enrolamento ligado ao coletor horizontal sim.
    e se deixar ela ligada na tomada no modo standbay por mais tempo e tentar ligar ela depois, ela tenta ligar mais não consegue e fica piscando o Led e fazendo o ruido na fonte cada vez que tenta ligar. desde já agradeço obrigado ! e um forte abraço.

  208. avatar Celso disse:

    Olá professor, estou com este problema numa TV Clayton chassi 11AK30.
    Acontece que ao ligar ela não sai de stand by ficando sempre com o led vermelho ligado.
    Já medi a tensão da fonte e está boa. O +B tem 118v.
    A tensão do pino 47 do micro tem 4,8v que chega à resistência R817 do stand by.
    O LM317T no pino 3 tem 10,74v e no pino 2 só tem 1,34v.
    No flyback o pino 12 que vai ao CI vertical não sai qualquer tensão.
    Alguma ajuda agradecia.
    obrigado

  209. avatar Wellington disse:

    Ola professor estou com uma televisão septoshiba de 20″ com a imagem tremendo e não tem como manda o modelo porque perdeiro o papelzinho que tem o modelo ,o que Fasso ?

AVISO: Todos comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Instituto Padre Reus. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou que violem direitos de terceiros. O Instituto Padre Reus poderá excluir, sem aviso prévio, comentários postados que não respeitem os critérios aqui impostos ou que estejam fora do tema proposto.

Deixe um comentário