Recuperação da Unidade Óptica

Grande parte dos aparelhos, que são levados às oficinas de eletrônica para conserto como micro system, DVD e videogame, por exemplo, têm como causa de seus problemas o não reconhecimento da mídia (CD – DVD). Embora, na prática, existam vários procedimentos para se recuperar a unidade óptica, daremos a dica de dois métodos simples e eficazes. Para tais procedimentos, o técnico precisará dos seguintes itens:

• Álcool isopropílico
• Cotonete (descartável)
• Microchave philips
• Multímetro

Com o aparelho desconectado da rede elétrica, proceda da seguinte maneira:

1º) Limpeza da lente:

a) umedeça um dos lados do cotonete com o álcool isopropílico e friccione levemente em movimentos circulares sobre a lente da unidade óptica;
b) com o lado seco do cotonete e sempre em movimentos circulares, enxugue totalmente a lente da unidade óptica.

Se a unidade ainda não reconhecer a mídia, passe para o 2º procedimento:

2º) Ajuste do micro trimpot:

a) com o multímetro selecionado na escala baixa, coloque suas ponteiras nos terminais do micro trimpot e anote o valor de resistência;
b) utilizando uma chave philips posicionada na parte móvel do micro trimpot, verifique se a leitura de resistência diminui no sentido horário ou anti-horário;
c) identificado o sentido da variação do valor ôhmico do micro trimpot, reduza 25% do valor anotado no item “a”.

Ao término desses dois procedimentos de manutenção, se a unidade óptica voltar a ler as mídias, o técnico obteve sucesso na recuperação da mesma. No entanto, se a unidade continua não reconhecendo as mídias, ela deverá ser substituída por uma nova.

87 comentários para “Recuperação da Unidade Óptica”

  1. avatar Guilherme Patrício disse:

    Mais uma dica que anotarei, pois agora em outubro começo o curso !
    Aproveitando o espaço, uma dúvida de um leigo, por enquanto, no assunto: é citado o multímetro. Verificando na relação de material fornecido com o curso não o vi listado. Porquê ? Será que a bancada já supre a necessidade de um multímetro ?

  2. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Amigo Guilherme Patrício

    O projeto Bancada de Testes proporciona ao aluno condições de montar circuitos práticos, a fim de familiarizá-lo com a reparação e montagem de alguns equipamentos eletrônicos permitindo, asim, enfatizar o auto-aprendizado do aluno na área de Eletrônica.

    Reunindo várias funções em um único conjunto, o aluno monta, em placas de circuitos impresso, os seguintes módulos Amplificador de áudio, com saída ajustável, Teste Injetor de Sinais, Teste de Continuidade, Teste Pesquisador de Sinais, Teste de Semicondutores (diodos e transistores) e Teste de Controle Remoto.

    Embora a Bancada de Testes Multifuncional, possa ser aplicada como suporte na bancada do reparador de equipamentos ou de hobbystas em eletrônicos, ela não tem objetivo de substituir o multímetro.

    Utilizado pelos praticantes de eletrônica, o multímetro é um importante instrumento, cuja finalidade é a de efetuar medidas de grandezas elétricas. Essas leituras de algum modo serão importantes na constatação do estado de diversos componentes que compõem o circuito elétrico de um equipamento em manutenção.

    É bom lembrar que para usar corretamente o multímetro é importante conhecer alguns conceitos como: tensão, corrente, e resistência elétrica.

    Com certeza, ao iniciar seu curso de Radiotécnico, nós teremos prazer em recebê-lo como parte da família IPR.

    Continue a manter seu desejo de crescer. Você é e precisa ser o ordenador de sua vida e o responsável pelos caminhos a seguir.

    Um abraço!

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  3. avatar mario gomes disse:

    como faço para fazer o curso de radiotécnico e eletrônica por correspondencia. ja sou eletricista a 20 anos

  4. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Mario,

    Para iniciar o Curso de Radiotécnico e Eletrônica do IPR, basta que você faça sua matrícula através do nosso site, http://www.ipr.com.br, ou através da nossa central de atendimento, 0xx51 3711-4000.

    Em poucos dias você recebe seu material de estudos e já pode iniciar sua formação.

    Abraço,

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  5. avatar Guilherme disse:

    Há mais de um mês que não há uma postagem aqui. Até eu que não sou entendido no assunto que estou começando meu curso estou gostando. Quando teremos mais ?

  6. avatar Cárita lima disse:

    muito interessante este curso, a gente passa a entender o que se passa a nossa volta. E o de fotagrafia é um sonho saber como são reveladas as fotos.

  7. avatar gidailto disse:

    quando testo no alto-falante da bancada o injetor de sinal se ouve um som muito baixo em relação com o teste de continuidade que emite um som bem alto, ele estaria com defeito?

  8. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Amigo,

    O injetor de sinais é um gerador de sinal de determinada intensidade e freqüência que fornece energia sob certa forma, a qual deve ser convertida em som por um sistema de amplificação. Por isso mesmo, o injetor de sinais é mais empregado na verificação do funcionamento de estágios de AF, FI ou RF dos rádios transistorizados, onde um sinal de baixa intensidade deve ser reproduzido na saída do equipamento.

    Já no caso do teste de continuidade, o sinal gerado é amplificado pelo seu próprio circuito e, portanto, o nível do sinal de saída é bem superior que o nível do injetor.

    As diferenças entre os dois kits são propositais para a análise de defeito. No primeiro caso é importante que o sinal injetado seja amplificado pelo equipamento defeituoso. Por exemplo, quando se injeta um sinal no potenciômetro de controle de volume de um estágio de áudio, têm-se como objetivo verificar se o mesmo está sendo reproduzido. Desse modo é possível averiguar o caminho percorrido pelo sinal. Se o sinal injetado é reproduzido, significa que as demais etapas de áudio até o alto-falante estão boas, ou seja, não é preciso procura de defeito, na etapa de áudio. O defeito deve estar nos estágios de entrada do receptor (misturador, oscilador local ou freqüência intermediária). Nesse caso, o sinal injetado se utiliza da amplificação do próprio equipamento que esta sendo analisado.

    No segundo caso é preciso apenas que haja continuidade entre os pontos a serem testados. O próprio kit é o circuito amplificador de corrente capaz de excitar o auto-falante.

    Um abraço, e conte sempre com o Instituto Padre Reus.

    Prof. Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  9. avatar Marcelo Paz da Silva disse:

    Há uma maneira de saber se uma unidade optica está boa ou não. No texto
    acima é ensinado como mecher no trimpot que controla a potencia de emissão do feixe laser. ANTES de fazer isso, consiga álcool ABSOLUTO (Vendido em farmácias de manipulação), um copo bem limpo. Coloque a unidade optica dentro do copo (mas antes disso limpe-a com alcool isopropílico e retire toda graxa que ela tiver e coloque um pingo de solda para evitar a queima por eletricidade estática) e depois vá colocando o alcool
    absoluto até cobrir totalmente a unidade optica. Mecha a unidade aos poucos
    com cuidado. Pronto. Agora é só retirá-la e secá-la com um secador de cabelos (seque-a bem). Remova o pingo de solda da plaquinha da unidade
    optica e instale-a no aparelho e repita o teste. Mais de 90% dos casos de
    erro de leitura, não lê, lê apenas alguns CD,s ou DVD,s consegui resolver
    aqui na oficina com este procedimento de limpeza interna da unidade
    optica. A razão disto é que dentro da unidade optica há o acúmulo de sujeiras, poeira (terra mesmo!), fungos, teias de aranha!,que bloqueiam a passagem do
    feixe laser. Infelizmente muitas unidades opticas compradas, que os logistas afirmam serem novas, não funcionam e o motivo é justamente
    essa “sujeirada toda dentro delas”. Neste caso eu as limpo usando um pequeno compressor de ar (injeto ar dentro dela com agulhas) pois o
    alcool remove a “garantia” que os logistas marcam na peça(eles usam canetas de retroprojetor!). Em breve
    se possível postarei o passo a passo com fotos desse procedimento de limpeza a ar comprimido (compressor de ar de baixa pressão +- 250 psi).
    Até mais.

  10. avatar jeldeir disse:

    quero começar meu curso e gostaria de saber quais os meus primeiros materiais da primeira parcela pois quero pagar em duas vezes a gostaria de saber tambem o tamanho da bancada de testes multificional

  11. avatar william fabiano serafim disse:

    bom trabalho da parte de voces

  12. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Jeldeir

    Sentimo-nos gratificados com seu contato, bem como com a possibilidade de em breve, podermos juntos iniciar uma nova caminhada. Temos a certeza que seu idealismo e força de vontade deverão caracterizar e nortear esta caminhada.

    Cada vez mais, com maior credibilidade e procurando alternativas profissionais, o Instituto Padre Reus busca espaço consolidado nas relações com a sociedade, tendo entre suas atividades os cursos profissionalizantes. Hoje, mais do que nunca, os cursos profissionalizantes são agentes de transformação e de melhoria na qualidade de vida da nossa sociedade.

    Com objetividade e na busca do aprimoramento do aprendizado de seus alunos, o IPR projetou a Bancada de Teste Multifuncional, que além de retomar o conhecimento teórico dos módulos de estudo, aplica na prática, várias experiências eletrônicas construídas pelo próprio aluno.

    A Bancada é composta de sete kits montados em um painel sendo seis desses montados individualmente em placas de circuito impresso e outro preparado no próprio painel. Toda a montagem é guardada em um estojo de plástico resistente, cujas dimensões são: 35 cm de comprimento x 23 cm de largura x 6,5cm de altura, sendo que sua parte inferior serve de base para o painel. O estojo também é utilizado como bancada portátil, cujos kits poderão ser utilizados como suporte e testes durante a manutenção fora da oficina.

    Na primeira remessa você receberá 10 fascículos de estudos, Material para a montagem do circuito Anticurto, Identificador do código de cores para resistores, Ferro de Solda, Chave de Fenda e Chave Philips, Estojo e Painel da Bancada de Teste, Suplemento de Matemática e a 1ª Prova de Acompanhamento.

    Um abraço, e conte sempre com o Instituto Padre Reus.

    Prof. Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  13. avatar diogosl2 disse:

    Ainda irei receber meu material, mas gostaria de saber se ao final do curso de radiotecnico e eletrônica, receberei meu certificado.Obrigado

  14. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado aluno,

    Muito obrigado pelo seu contato e por sua participação no nosso blog.

    Com relação ao seu questionamento, ao final do curso, tendo realizado as avaliações, você irá receber o seu certificado de conclusão.

    Abraços,

    Prof. Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  15. avatar aristofanis disse:

    oi tudo bem estou com tv mistisubich ela liga e depois de alguns segundos a tela fica azul e se desliga o q pode ser?

  16. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado amigo!

    Referente ao defeito do televisor, pelo sintoma apresentado, normalmente o problema é proveniente do mau funcionamento do circuito FI DE VÍDEO ou da SINTONIA. As TVs modernas possuem circuitos de proteção que, ao constatar problemas no circuito de FI de vídeo, entram em operação e desligam o televisor, evitando que se formem manchas no tubo, devido à imagem azul estática.

    A primeira providência a ser tomada é verificar se o circuito de FI e de Sintonia estão sendo alimentados. Para isso, é aconselhável ter o esquema elétrico à mão e proceder da seguinte maneira:

    • Posicionar a chave seletora do multímetro para uma escala que possa ler medida acima de 40 DCV.

    • Com o aparelho ligado, colocar a ponta de prova preta do instrumento no terra e a vermelha nos pinos do CI processador que fazem parte no Circuito FI de Vídeo.

    • Um ou mais pinos do CI podem fazer parte do circuito FI e do CAG. Um dos pinos do CAG deve estar alimentado, caso contrário seguir a trilha que alimenta o CAG. Testar o resistor que recebe alimentação, pois pode ser que o mesmo esteja aberto. Veja também se há solda fria ou trilha rompida no circuito do CAG. Qualquer defeito neste circuito provocará este sintoma. Nas TVs mais antigas quando falta tensão no circuito AGC a imagem fica com muito chuvisco e até mesmo sem imagem por completo.

    • Teste também os capacitores de cerâmicas que há neste circuito bem como algum resistor que liga o CI à terra.

    Fazendo medidas de tensões no Seletor de canais (TUNER).

    • Posicionar a chave seletora do multímetro para uma escala que possa ler medida acima de 40 DCV.

    • Com o aparelho ligado, colocar a ponta de prova preta do instrumento no terra e a vermelha no pino +B do seletor (TUNER). A leitura da tensão deve ser de 9V a 12V.

    O próximo passo é verificar a presença da tensão de sintonia.

    Com a alimentação +B presente no TUNER, deve-se medir a tensão que alimenta o circuito de sintonia dentro do TUNER. Esta tensão, conhecida por 33V, é controlada por um circuito digital (CI Microprocessador SYSCON) e tem uma variação de 01V a 33V. Nos esquemas normalmente vêm suas especificações.

    Ainda com o multímetro selecionado para uma escala de leitura acima de 40 DCV, colocar a ponta de prova preta num ponto de terra e a vermelha no pino VT do seletor de canais. Fazer a sintonia no controle remonto ou botão frontal da TV, observando se o multímetro registra a alteração de tensão. Se a tensão no pino VT variar com a sintonia, significa que a tensão de 33V está presente e os circuitos TUNER e o SYSCON estão trabalhando.

    • Caso não haja tensão no pino VT, verificar se o resistor de alimentação do diodo ZENER (33V) está aberto. Normalmente o resistor é feito de fio, possui valor entre 6K e 15K, dependo da marca e modelo da TV e tem potência de 2W a 3W. Verificar ainda se o diodo ZENER não está em curto.

    • Verificar se há solda fria ou se há trilha rompida.

    Designação dos pinos do seletor de canais
    FI = Saída do sinal de frequencia intermediaria de video ;
    BU = Faixa de UHF. ( unidade de alta frequência )
    MB ou + B linha de tensão ;
    VT = tensão variável ;
    BH = ou VH Faixa dos canais altos ;
    BL = ou VL Faixa dos canais baixos ;
    AGC= Controle automatico de ganho ( entrada de pulsos );
    AFT = Sintonia automatica de frequência .

    Abraços,

    Prof. Mário Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  17. avatar ANELIO PINTO DOS SANTOS disse:

    gostaria d e saber se a minha matricula ainda esta ativa e como faço para terminar meu curso eu fez radio tecnca e eletronica

  18. avatar Departamento Técnico disse:

    Caro aluno Anelio,

    Ficamos muito gratos pelo seu contato.

    Sua matrícula continua ativa e para dar continuidade ao seu curso você deve ligar para a nossa central de atendimento pelo fone 0xx51 3711-4000 e falar com a Profa. Regina.

    Abraço,

    Departamento Técnico

  19. avatar leaandro lopes da mota disse:

    olá, gostaria de saber o seguinte, fiz o pedido do curso de radiotécnico e eletrônica em uma parcela só, gostaria de saber, se o curso chega completo em minha residência numa remessa única, e também saber se ao término do curso, receberei meu certificado! grato…

  20. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Leandro,

    Muito obrigado por sua participação.

    Quanto ao seu questionamento, você receberá todo o material do seu curso em uma única remessa e, após realizar as provas de acompanhamento, receberá o seu certificado de conclusão.

    Abraço,

    Departamento Técnico

  21. avatar leandro lopes da mota disse:

    olá pessoal, com imensa satisfação venho elogia-los devido ao material de ótima qualidade que recebi está semana, estou começando agora o curso de radiotécnico e eletrônica e estou adorando o material de fácil aprendizagem!! é um prazer fazer o curso com vocês!!! abraço…
    rondonópolis,30/05/2010

  22. avatar MOACIR disse:

    oi, queria saber aonde fica localizado o micro trimpot dentro de um dvd.

  23. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Amigo Moacir,

    Respondendo ao seu comentário deixado em nosso blog, queremos lhe dizer que o microtrimpot está localizado no corpo do leitor óptico.

    http://images.quebarato.com.br/photos/big/E/F/19E3EF_1.jpg

    Um abraço!

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  24. avatar deiliany ferreira disse:

    ola sou filha de radiotecnico eletronico e tenho uma queda pra seguir meu pai e vontade de fazer esse curso. gostaria de saber se pra mulher é mas dificil o aprendizado do que pro homem? parabens adorei tudo que vi aqui desde os comentarios e duvidas dos alunos até os conteudos que li. parabéns se eu pudesse faria o curso ai mesmo no institudo mas como moro longe nao da. abraços DEILIANY ALVES DA SILVA DE ARAGUAINA TO

  25. avatar Departamento Técnico disse:

    Amiga Deiliany,

    Nesse momento, gostaríamos de manifestar nossa satisfação pelo fato de podermos manter contato com você.

    A Modalidade de Ensino empregada pelo INSTITUTO PADRE REUS, é o de “Instrução Programada a Distância”, em que as informações e conhecimentos são construídos em grau crescente de dificuldade e ministrados por correspondência. Para isso, utilizamos uma didática denominada de “DIÁLOGO POR ESCRITO”. Certamente, é na didática aplicada em nossos cursos que está o grande diferencial do INSTITUTO PADRE REUS como ENTIDADE DE ENSINO.

    Deiliany, no desenvolvimento do curso, o IPR trabalha com três pilares de ensino:

    1) RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS E TESTES – Em cada módulo de ensino, o aluno responde uma bateria de exercícios, podendo, dessa forma, avaliar seus conhecimentos.
    2) ORIENTAÇÃO E APOIO AO ALUNO – Esse processo, aplicado em nossos Cursos Técnicos, esta dentro da didática do Diálogo por Escrito, já mencionada anteriormente.
    3) AVALIAÇÃO – Serão são efetuadas três provas de acompanhamento durante o desenvolvimento do curso, cujo objetivo é realizar uma avaliação do aprendizado (conhecimentos) do aluno. Para que o aluno obtenha o certificado de conclusão, no curso profissionalizante, é preciso que obtenha uma média mínima de aproveitamento de grau 5 (cinco).

    O curso pode ser realizado tanto por homens, quanto por mulheres.

    Atenciosamente,

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  26. avatar JOSE BERTOLDO MARTINS disse:

    gostei da explicação valeu mais eu queria saber porque o dvd deixa de ler o dvd e so ler cd

  27. avatar Raphael disse:

    Olá amigo, vim aqui para deixa o link onde estão todas as obras do Cientista Herbert Alexandre Galdino Pereira da área de Eletromagnetismo Aplicado e Aviónica. Ele é autor da Teoria do Triângulo das Bermudas, Teoria dos Celulares e Eletricidade Estática, e Orientação aos Aviadores Brasileiros ao voarem a Serra do Cachimbo, em Mato Grosso, pois existe campo Magnético na área do Brasil. Entre outras obras.
    Deixo o Link aqui em baixo para Leitura e Downloads das Obras deles.
    http://www.scribd.com/people/documents/13555060-fuma-a
    Um abraço.

  28. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado José,

    É importante ter em mente que a vida útil dos leitores ópticos depende diretamente da qualidade da mídia que o usuário coloca no aparelho. Portanto, se o usuário costuma colocar DVDs sujos ou aranhados, consequentemente, o leitor terá que forçar seu nível de laser para realizar a leitura. Certamente, após algum tempo, esse aparelho irá apresentar defeitos como não ler mais mídias de DVD, embora possa até reconhecer normalmente as mídias de CD. Isso acontece porque a mídia de DVD possuem uma compactação muito grande em relação às mídias de CD e, como o laser foi muito forçado a ler mídias “ruins”, ele pode vir a não reconhecer alguns tipos de mídia que possuem uma alta taxa de compactação. Nessas situações, você poderá tentar realizar a limpeza do leitor e o ajuste do trimpot conforme já ensinamos no blog. Se, mesmo assim, o problema persistir, o leitor óptico deverá ser substituído por outro novo.

    Um forte abraço, e um ótimo curso a você amigo!!!

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  29. avatar Carlos Campos disse:

    Só pra complementar a pergunta anterior, ..quando há dois trimpots, eles estao em serie..?…se não, qual a funçao de cada um deles na leitura do dvd..?

  30. avatar Nailson Medeiros disse:

    Olá pessoal, eu também estou cursando o curso de radiotécnico e eletrônica no IPR, queria que me explicassem uma coisa: trabalho (como auxiliar técnico) nunca grande empresa que revende aparelhos eletroeletrônicos e confecções e diversos aqui no maranhão; peguei um aparelho toshiba com um defeito que para mim foi esquisito: quando ligava o plug no conector o mesmo fica em standby e quando pressiono o botão ligar, ele demorava ligar mais que o normal, depois de ligado a bandeja do cd/dvd sacava sozinha, e eu fechava ela e não girava o motor spindle (o motor spindle estava em bom estado) ressoldei o microprocessador e o drive e de nada adiantou: o defeito estava na unidade laser. Queria que me explicassem como a unidade laser (que é da sony) dá esses problemas pois nunca vi coisa parecida.

  31. avatar Departamento Técnico disse:

    Amigo Nailson,

    Provavelmente, o mecanismo da unidade óptica, esta fora do ponto, vindo assim a abrir, sempre que o aparelho é ligado. Normalmente, este tipo de defeito acontece porque o usuário puxa a gaveta para abrir mais rápido e consequentemente, a mesma, fica desajustada. Para resolver, é preciso remover a unidade e ajustar o mecanismo. Prosseguindo, deverá instalar a unidade, tomando o cuidado para não empenar o mecanismo.

    Quando esse defeito ocorre, é comum a unidade subir antes do tempo e assim, ficar forçando o leitor sobre a gaveta. Quando isso acontece, o leitor pode vir a danificar, uma vez que a lente pode aranhar, gerando assim erros durante a leitura, bem como pode vir a não reconhecer as mídias.

    Um forte abraço, e um ótimo curso!!!

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  32. avatar Nailson disse:

    Muito obrigado, agora entendi.

  33. avatar Enéas disse:

    amigo valew a dica eu tenho varios aparelhos de dvd parados q podem ser resolvidos com os procedimento que li hoje aqui. um abraço.

  34. avatar damiao bezerra disse:

    comecei a estudar eletronica a pouco tempo e ja conserto alguns aparelhos

  35. avatar Rose Mary disse:

    Tenho interesse em aprender eletronica,porém tenho receio que ao manusear os aparelhos ,os mesmos provoquem choques.Existe essa possibilidade???
    Grata pela atenção!!!!
    Rose Mary

  36. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezada Rose Mary,

    Todos os aparelhos que trabalham com energia elétrica podem causar choque elétrico.

    O risco de se levar um choque elétrico em um aparelho, mesmo estando desconectado da rede elétrica, é iminente, mas pode ser evitado. O Curso de Rádiotécnico e Eletrônica do IPR instiga o aluno a pesquisar defeitos e, ao mesmo tempo em que orienta os alunos, dá dicas de cuidados para se manusear esses aparelhos de forma segura, evitando qualquer tipo de acidente. Para isso existem técnicas e diagnósticos simples, que o aluno aprende no decorrer do curso.

    Um forte abraço!!!

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  37. avatar Carlos César disse:

    Gostaria de saber se o curso de Radioténico e Eletronica tambem ensina a manutenção em aparelhos de DVD

    Obrigado!

  38. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Carlos César,

    O Curso de Radiotécnico e Eletrônica do IPR é voltado para o conhecimento na área da eletrônica. No decorrer do curso, o aluno pode contar com um material que o IPR elaborou para assim colocar em prática o que está aprendendo com a teoria.

    Nosso objetivo é criar no aluno um censo crítico de análise e raciocínio lógico, para que, quando for trabalhar em uma oficina ou até mesmo abrir uma empresa, tenha na “bagagem de aprendizado”, com conhecimento teórico, que é muito importante, e também com conhecimento prático com a montagem dos kits que o IPR desenvolveu para seus alunos.

    O Curso de Radiotécnico e Eletrônica do IPR é voltado para o conserto de equipamentos eletrônicos. Entretanto, caberá ao aluno, após sua conclusão, estudar a teoria do funcionamento de equipamentos específicos com os quais deseja trabalhar.

    O televisor, por ser considerado um dos equipamentos mais completos, possuindo uma variedade considerável de estágios, dentre eles destacando-se a fonte de alimentação, circuito vertical e horizontal, é amplamente abordado no curso.

    A fonte chaveada que geralmente é uma grande dor de cabeça para muitos técnicos, também é assunto tratado no curso. De modo geral, esse tipo de fonte é muito utilizada em equipamentos eletrônicos, pois a relação custo/beneficio muitas vezes compensa.

    Não focamos o curso em reparações de DVD’s, porém, como o curso trata de fontes de alimentação, e sendo justamente nas fontes de alimentação que ocorre a maior parte dos defeitos em DVD’s, certamente o curso será bem proveitoso.

    Outro fato que se deve prestar muita atenção com esses aparelhos, é que são muitos sensíveis a descargas eletroestáticas (ESD), o curso aborda esse assunto também, pois não é só com DVD’s que se deve ter cuidado.

    Conte sempre com o Instituto Padre Reus.

    Um forte abraço!!!

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  39. avatar RENATO APARECIDO DE MELO disse:

    TENHO UM DVD QUE NÃO ESTAVA LENDO CD/DVD TROQUEI A UNIDADE ÓPTICA MAS SÓ LE CDS POR FAVOR ME MANDE ALGUMAS DICAS DESDE JÁ AGRADEÇO!!!

  40. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Renato,

    Quanto ao DVD, quando ele não está lendo, os sintomas podem ser vários, como, por exemplo, estar com a unidade óptica defeituosa.

    O defeito de não ler CD ou DVD, também pode ser o clamp (mesa que apoia o CD) muito alto ou muito baixo. Nesse caso é necessário que se verifique a altura e suba ou desça o clamp para ver se o mesmo começa ler.

    Outro defeito ainda relativo a esse sintoma pode ser causado pelo cabo flat quebrado ou dobrado incorretamente. Para verificar se o flat está quebrado você pode fazer o teste de continuidade, medindo-o de uma ponta a outra com o multímetro analógico ou se preferir, simplesmente, troque-o.

    Quando o motor spindle (que gira o CD) estiver sujo internamente, é necessário que se verifique a sua resistência ôhmica com um multímetro. Para isso, abra a “gaveta” e coloque as ponteiras do multímetro em seus terminais ou respectivos fios. A resistência encontrada deve ficar entre 100 e 200 ohms.

    As falhas nas leituras de CD e DVD também podem estar associadas a defeitos na memoria RAM. Isso acontece porque ao fazer a leitura do disco, todas as informações são armazenadas na memória RAM e se a mesma estiver com defeito o processador rejeitará a operação fazendo com que apareça na tela “NO DISCK” ou algo parecido. Para saber se o defeito está na memória RAM, ou não, é necessário troca-la por outra original.

    Geralmente quando os aparelhos de DVD’s apresentam defeitos de leitura e esses defeitos estão na PCI MPEG, não vale apena consertar, pois custará caro.

    Um forte abraço!!!

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  41. avatar RENATO APARECIDO DE MELO disse:

    VALEU PELAS DICAS PROF: VOU VERIFICAR E TENHO CERTEZA Q IREI OBTER RESULTADOS MUITOS SATISFATÓRIOS GRAÇAS A ESSAS VALIOSAS DICAS , SEMPRE TROCO IDEIAS COM OS COLEGAS ONLINE,”MEU AVÔ DIZIA UM DITADO UMA MÃO LAVA A OUTRA E AS DUAS LAVA O ROSTO É VERDADE PROF:UM GRANDE ABRAÇO A TODOS VCS DO IPR!!!

  42. avatar RENATO APARECIDO DE MELO disse:

    PROF: ESTOU COM UM APARELHO TOSHIBA QUASE IGUAL DO NOSSO COLEGA NAILSON ELE FOI MOLHADO MAS FIZ UMA SECAGEM COMPLETA NO APARELHO,MAS ELE ESTA COM UM DEFEITO ESTRANHO AO LIGALO ELE FUNCIONA NORMAL TOCA CD,MAS SE TIRAR O CD OS CONTROLES FRONTAL E REMOTO NÃO FUNCIONAM MAIS TEM Q DESLIGAR NOVAMENTE ESPERAR UM POUCO PARA LIGAR SÓ ASSIM ELE OBEDECE O COMANDOS SUSPEITEI DO MICROPROCESSADOR ESPERO SUAS DICAS UM ABRAÇO A TODOS!!!

  43. avatar RENATO APARECIDO DE MELO disse:

    OLÁ PROF: TENHO TAMBEM UM SOM AIWA MOD: NSX-S22 Q NÃO LIGA PELO BOTÃO POWER,TAPE,TURNER,E NEM AUX SÓ NO BOTÃO CD,MESMO ASSIM AINDA APARECE A PALAVRA TEST E SÓ DEPOIS ELE LIGA DEFENITIVAMENTE ATÉ AÍ TUDO NORMAL,MAS QUANDO AUMENTO O VOLUME ACIMA DO 27 ELE DESLIGA JÁ TROQUEI REGULADOR DA FONTE ATÉ MESMO MICRO DO PAINEL FRONTAL A SAÍDA DELE É TODA TRANSISTORIZADA TROQUEI TODOS SUSPEITANDO DELES RESSOLDEI TODAS SOLDAS FRIAS MAIS NADA RESOLVEU TENHO UM AMIGO Q JÁ SE DEPAROU COM UM DESSES SOM TEVE Q SUCATEAR POIS Ñ ACHOU O COMPONENTE Q ESTAVA CAUSANDO O DEFEITO ENCARECIDAMENTE PEÇO SUA AJUDA ABRAÇO A TODOS!!!

  44. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Renato,

    O defeito relatado diz que, ao abrir o compartimento do CD, o aparelho não aceita mais nenhum comando.

    Nesse caso, você deve verificar as chaves de fim de curso desse aparelho, pois elas podem estar passando uma “informação” errada para o micro, fazendo com que ele se “perca”.

    Porém, ao fazer essa verificação, procure identificar se as chaves estão apresentando resistividade quando deveriam estar abertas, isso é um indício de mau funcionamento da mesma.

    Essa resistividade passa uma “informação” falsa para o microprocessador, onde ele deveria receber um pulso alto ou nada, ele está com uma resistividade, ou seja, “está no meio termo”, nem aberta e nem fechada.

    Ao fazer essa verificação e verificando que as chaves de fim de curso estão em bom estado, ressolde o microprocessador e limpe os contatos, depois de ressoldar, limpe com álcool isoprpilico, para que não haja nenhum tipo de sujeira que possa vir a conduzir entre os contatos do micro.

    Se, ao ressoldar o microprocessador, o aparelho ainda não funcionar corretamente, aí sim pode se levantar a hipótese de o microprocessador estar com defeito.

    Um forte abraço!!!

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  45. avatar RENATO APARECIDO DE MELO disse:

    Valeu pela dica PROFESSOR vou verificar abraço a todos!!!

  46. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Renato,

    Provavelmente o defeito do aparelho de som AIWA MOD: NSX-S22 está no circuito de proteção. Em geral, os aparelhos da AIWA são muito sensíveis e qualquer componente que esteja fora das suas característica originais, que pode causar esse tipo de defeito. Portanto, verifique todo o circuito de proteção.

    Um forte abraço!!!

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  47. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Renato,

    O blog é um espaço com uma estrutura que permite uma rápida atualização a partir da inserção dos chamados artigos (posts), que são organizados, em geral, de forma cronológica, e têm como foco a temática proposta no blog.

    Assim, qualquer tipo de registro frequente de informações pode ser considerado um blog (por exemplo: as últimas notícias de um jornal on-line, ou, como costumamos fazer, as informações sobre o funcionamento de circuitos, a descrição de testes de serviço ou mesmo a exposição das características de um determinado componente ou seu possível defeito). Uma das vantagens dessa ferramenta é permitir que os usuários publiquem um texto sem a necessidade de conhecimento técnico acerca da construção de páginas da internet.

    Muito embora um blog possa ter qualquer tipo de conteúdo e ser utilizado para diversos fins, o seu teor está sujeito às orientações propostas pelo organizador. Portanto, embora permita uma enorme liberdade de opiniões, os artigos devem preferencialmente seguir a temática proposta pelo organizador do blog, que dará o direcionamento dos assuntos a serem discutidos.

    O blog do IPR – que é um recurso que possibilita uma interação com a Escola, ou seja, é possível responder e opinar sobre os textos publicados – tem como objetivo passar informações sobre o Curso de Radiotécnico e Eletrônica, tanto no que se refere ao desenvolvimento das atividades do curso, quanto no que se refere ao material didático que o aluno recebe durante o desenvolvimento do seu aprendizado. Não temos, contudo, a pretensão de tornar o “Blog de Radiotécnico” em uma ferramenta de consultoria técnica, pois esse não é o local apropriado para resolver problemas diários de oficinas. O blog do IPR é um instrumento de troca de experiências e de discussão sobre os temas apresentados.

    Bons estudos!

    Conte sempre com o Instituto Padre Reus.

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  48. avatar RENATO APARECIDO DE MELO disse:

    SE NÃO FOR INCOMODO PEÇO AO SENHOR Q VERIFIQUE POR Q MEU CURSO DE MANUTENÇÃO DE ELETRODOMESTICOS PORTATEIS AINDA Ñ FOI ENVIADO FIZ PEDIDO A UNS 20 DIAS,MAIS VEZ UMA PEÇO DESCUPAS UM FORTE A TODOS VCS DO IPR!!!

  49. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Renato,

    O material do seu Curso de Manutenção de Eletrodomésticos Portáteis está disponível para ser retirado nos Correios, na Agência Echapora, localizada na Praça Riodante Fontana, número 16.

    Um grande abraço!

    Conte sempre com o Instituto Padre Reus.

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  50. avatar RENATO APARECIDO DE MELO disse:

    Obrigado,perguntei porque ñ recebi nenhum comunicado como dos outros cursos agradecido PROF: ABRAÇO A TODOS VCS DO IPR!!!

  51. avatar RAIO INFOSERVISE disse:

    NO MEU CASO EU METO ÁGUA COM DETERGENTE NEUTRO E JATO FORTE DE ÁGUA, AS CONDIÇÕES DE RECUPERAÇÃO SÃO BEM MAIS PROVÁVEIS.

  52. avatar Wanderlei Junior disse:

    Olá prof. fiz o curso de radiotécnico e eletrônica em 2006. desde que terminei trabalho na área. foi bastante proveitoso. agradeço à todos vocês do IPR. uma pergunta, se eu tiver dúvidas de defeitos em aparelhos que aparecerem em minha oficina, eu posso tirá-las com você?

  53. avatar Departamento Técnico disse:

    Amigo Wanderlei,

    Muito alegra-nos podermos estar em contato com você. Para nós do IPR manter um estreito e amistoso relacionamento com nossos alunos e ex-alunos é sempre gratificante. Durante seu curso, aqui estivemos orientando o seu aprendizado, ajudando-o a esclarecer suas dúvidas, apoiando-o e buscando a solução de seus problemas.

    O objetivo do nosso blog, no entanto, é debater assuntos interessantes e importantes ligados ao Curso de Radiotécnico e Eletrônica e à Eletrônica em geral. Não é o objetivo do blog prestar consultoria técnica e sim fomentar discussões sobre os mais diversos tópicos do curso para contribuir para o crescimento profissional de todos os alunos, ex-alunos ou interessados no assunto que tiverem a oportunidade de acessar nossos posts.

    Hoje, Wanderlei, no mercado de trabalho é preciso ser criativo e ser um pesquisador, a fim de lidar com o aprendizado e correlacioná-lo com a tarefa que é proposta. O profissional precisa ser ativo, precisa interagir e testar seus limites.

    No ambiente virtual, existem fóruns direcionados à área de manutenção de equipamentos eletrônicos, onde você poderá trocar experiências, conseguir informações técnicas e obter dicas de manutenção.

    Um abraço e conte sempre com o Instituto Padre Reus.

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  54. avatar Raimundo paiva disse:

    Profº. Mario limeira é possivel ajustar os trimpots de um aparelho de dvd, assim como o de um aparelho leitor somente de cd?
    desde já agradeço.

  55. avatar valdecir borges da silva disse:

    gostaria de saber o que é uma fonte chaveada?e qual é o funcionamento dela? obrigado!

  56. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Raimundo:

    É possível ajustar os trimpots de uma unidade óptica de aparelhos reprodutores de CD e DVD. Porém vale lembrar que esses trimpots vêm ajustados de fábrica, sendo assim, se a unidade apresenta defeitos na leitura, o recomendável é que seja trocada.

    Os trimpots ajustam o feixe de laser para que o mesmo consiga fazer a leitura de forma correta. Um dos trimpots faz o ajuste do feixe de laser para CD’s e o outro para as mídias de DVD.

    Para fazer um ajuste como esse, meça a resistência encontrada nos terminais de um dos trimpots e aumente um pouco a resistividade, o feixe de laser irá diminuir e assim você verá em qual das mídias afetará esse ajuste.

    Depois que você souber qual a função de cada trimpot, faça o ajuste para determinada mídia, mas lembre-se, faça o mínimo de ajuste no trimpot, pois caso contrário, a unidade óptica pode queimar de vez.

    Vale lembrar que o clamp (componente localizado no eixo do motor spindle e que apoia o disco) estando muito baixo, ocasionará erros de leitura e o mesmo acontece se a posição desse componente estiver muito baixa.

    O mais comum, ao pegar um aparelho reprodutor de DVD com defeito na unidade optica, é verificar a altura do clamp, examinar se há sujeira na lente e substituir o flat cable e analisar o funcionamento dos motores. Se todos esses procedimentos não derem resultado, a unidade óptica deve ser substituída.

    Um abraço e conte sempre com o Instituto Padre Reus.

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  57. avatar valdecir borges da silva disse:

    gostaria de saber qual a melhor marca de estanho para solda?

  58. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Valdecir:

    Para entender o funcionamento de uma fonte chaveada, precisamos, primeiramente, saber como ela é constituída, isto é quais os estágios que a compõem.

    Basicamente a fonte chaveada está divida em três partes ou estágios:

    circuito de retificação, filtragem, circuito de oscilação (chaveamento) e primário do transformador chopper;
    secundário do transformador chopper, retificação, filtragem e circuito regulador (em determinadas fontes);
    parte do circuito de controle.

    No estágio referente ao primário de uma fonte chaveada, temos o circuito retificador em ponte de diodos, para converter a corrente alternada (AC) em corrente contínua (DC). Geralmente se utiliza um ou dois capacitores eletrolíticos para filtrar a tensão após a retificação, atenuando, assim, a tensão de Ripple.

    Vale lembrar que esses capacitores possuem tensão de trabalho muito elevada e por isso essas fontes devem ser manuseadas com muito cuidado.

    Um fato muito comum ocorre quando o circuito oscilador não está funcionado corretamente. O capacitor se carrega totalmente, porém, como o circuito não está funcionando, o capacitor não descarrega, o que pode ocasionar um choque elétrico no técnico. Isso é muito comum em aparelhos de DVD.

    Ainda nessa primeira parte temos o circuito oscilador que nada mais é do que um transistor de efeito de campo (FET ou MOSFET) ou um IC controlador de PWM (Pulse Width Modulation, Modulação por Largura de Pulso) que trabalha em corte ou saturação (chave aberta e chave fechada) com uma frequência muito alta.

    O oscilador, como o próprio nome diz, oscila em alta frequência para que a tensão que circula por seus terminais chegue ao transformador chopper.

    Na parte secundária, temos o transformador chopper que por sua vez é diferente de um transformador convencional, pois, em um transformador normal, ao aplicar uma tensão alternada no seu primário, ele irá aumentar ou diminuir a tensão no secundário. O chopper, ao contrário, recebe uma forma de onda quadrada (PWM) e transfere ao secundário, por indução, em forma de onda pulsante.

    Os diodos no secundário também são para alta frequência, sendo que, ao colocar um retificador comum, o mesmo iria aquecer, por causa da alta frequência, até entrar em curto circuito.

    Após a tensão ser retificada no secundário, a mesma é filtrada pelos capacitores, que atenuam a tensão de Ripple, deixando mais estável.

    A tensão que sai do secundário também alimenta o circuito de controle. Esse circuito é responsável por mandar uma amostra da tensão do secundário para o circuito oscilador.

    Essa informação é necessária para que o oscilador saiba o que está acontecendo no secundário da fonte. Se a tensão cai, o circuito de controle, através de pulsos elétricos, envia essa informação para o circuito oscilador que passa a oscilar mais rapidamente. Se a tensão estiver muito alta, o circuito de controle mandará uma amostra dessa tensão para o circuito oscilador, a fim de que o mesmo diminua a sua frequência de oscilação.

    Esse ajuste é feito tão rapidamente que, em momento algum, a fonte apresentará falha ou um aumento brusco de tensão, pelo contrário, o circuito de controle tem justamente essa função: manter a fonte estável por todo o tempo que estiver em funcionamento.
    Esse tipo de fonte está sendo muito utilizada atualmente, pois o custo/beneficio desta é melhor que o das fontes lineares. A característica mais comum das fontes chaveadas é que a mesma pode fornecer altas correntes com baixo índice de perdas, além do peso bruto de todo o circuito que é muito menor se comparado com uma fonte com transformadores convencionais.

    Podemos citar com o exemplo de fonte chaveada, as fontes de DVD’s, televisores e computadores.

    Um abraço e conte sempre com o Instituto Padre Reus.

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  59. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Valdecir:

    A soldagem é, sem dúvida, o ponto mais crítico de toda a montagem. Uma solda bem feita envolve todo o terminal do componente e espalha-se de modo a garantir tanto o contato elétrico entre as partes soldadas, como a sustentação mecânica, quando necessária.

    Para que isso ocorra, é necessário que se tenha um soldador de boa qualidade e potência adequada para o tipo de PCI que irá ser efetuado o reparo.

    A solda também deve ser de boa qualidade e espessura compatível com o tipo de serviço que ira realizar, pois uma solda muito espeça em uma PCI com componentes em SMD, poderá se espalhar pelo circuito e curto circuitar outros componentes, dificultando assim o reparo.

    Podemos citar um tipo de solda que é muito boa para reparos em equipamentos eletrônicos, da marca Best, que vem em uma embalagem de cor azul, especificamente para uso em reparos de equipamentos eletrônicos e soldagem de fios.

    Um abraço e conte sempre com o Instituto Padre Reus.

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  60. avatar david cardoso disse:

    estou começando esta profisão estou gostando muito das aulas do ipr

  61. avatar david cardoso disse:

    o motor da bandeja não funciona ea bandeja não abre,o teste do motor ele ta bom o que fazer

  62. avatar jethro nunes saraiva de lima disse:

    Gostaria de obter mais informações sobre o circuito pesquisador de sinais do
    curso de IPR DE RADIOTÉCNICO E ELETRONICA, pois tenho dúvidas na montagem do mesmo.

  63. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Jethro,

    Antes de iniciar a montagem, confira todas as peças.

    Como é utilizado um circuito integrado LM386, alguns cuidados devem ser tomados com a montagem. Portanto, observe o seguinte:

    a) O circuito integrado, assim como os demais semicondutores, é um componente sensível a temperaturas elevadas. Por isso, deve-se ter muito cuidado ao soldar seus terminais na placa de circuito impresso. Seja rápido e utilize pouca solda. Se você achar a temperatura da ponteira do seu ferro de soldar muito elevada, aplique o seguinte macete: Enrole sobre a ponteira do ferro um fio rígido de cobre de 4mm2 de diâmetro, deixando + ou – 1,5cm de sobra como nova ponta. Observe que estamos enviando junto com os componentes do kit, um soquete de CI com 8 pinos. Nesse caso, comece a montagem soldando o soquete DIL de 8 pinos na chapa de circuito impresso, observando sua posição em função da marca do pino 1. Seja rápido na soldagem. Em seguida, coloque o integrado LM386 no soquete, tomando cuidado para que todos os terminais do integrado sejam encaixados no soquete.

    b) O LED deve ser soldado de maneira que fique em nível mais alto na placa de circuito impresso, permitindo que saia pelo painel da caixa quando fixado. Observe a polaridade destes componentes que é dada pela parte chanfrada de seu invólucro.

    c) O próximo passo é a colocação dos resistores. Eles estão assinalados na placa de circuito-impresso pela letra “R”, porém, seus valores, dados pelas faixas coloridas, devem ser observados. Os resistores não têm polaridade, portanto não tem uma posição certa para serem soldados na placa de circuito impresso. Para efeito de estética, normalmente observa-se que quando colocados paralelamente, fiquem todos com o primeiro anel do algarismo significativo para o mesmo lado.

    d) Passe agora para a colocação dos capacitores eletrolíticos. Lembre-se que os capacitores eletrolíticos são componentes que possuem polaridade. Observe, gravado no corpo do capacitor, um sinal + (positivo) ou – (negativo). Este sinal deve coincidir com os sinais (+) e (-) gravados na placa de circuito impresso. Identificada a polaridade sobre os terminais dos capacitores, coloque-os nos locais marcados. Lembre-se: os capacitores eletrolíticos são polarizados, portanto devem ter as polaridades observadas.

    e) Os capacitores cerâmicos não são polarizados. Portanto, não é preciso observar o lado para colocá-los no circuito impresso.

    f) Em seguida solde os transistores, fazendo o lado chanfrado destes componentes coincidir com o lado reto no desenho da placa de circuito impresso.

    g) Na ponta de prova, que será conectada ao jaque indicado com o símbolo de terra, deve ser encai¬xada uma garra de jacaré de modo a mantê-la fixa em um circuito em caso de necessidade.

    h) As ligações externas à fonte de alimentação e ao interruptor são feitas com fio flexível de capa plástica. Observe a polaridade dos conectores que interligam a placa do Pesquisador de Sinais à fonte de alimentação. Para alimentar o circuito do Pesquisador de Sinais, solde um pedaço de fio vermelho no furo marcado “+” na placa ao positivo da fonte de alimentação de 6 volts e um pedaço de fio preto do furo, marcado “-” na placa, ao negativo da mesma fonte.

    Boa sorte na montgem.

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  64. avatar Rosinaldo disse:

    Comecei fazer o curso mas parei.como faço pra continuar?

  65. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Rosinaldo,

    Para lhe passarmos as informações para você continuar o seu curso, solicitamos que nos envie um e-mail para central@preus.com.br, com o seu nome completo e o seu número de matrícula. Se preferir, você pode ligar para 0xx51 3711-4000 e falar com a Profa. Regina.

    Aguardamos o seu contato.

    Um abraço e conte sempre com o Instituto Padre Reus.

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  66. avatar claudio disse:

    boa tarde gostaria de saber o codigo de uma unidade optica da pioneer, aparelho é um toca Cd PD A 1007-27, obrigado.

  67. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Claudio,

    Não encontramos o aparelho de áudio que você mencionou, mas, ao fazermos uma busca sobre aparelhos da Pioneer, encontramos o modelo PD-F1007.

    Dê uma olhada no manual desse modelo, pois nele há os componentes da Pick-up, bem como os códigos de todos eles. Verifique se o aparelho do esquema elétrico é igual, ou parecido com o seu, se for semelhante, anote o código da unidade e pesquise pelo código desse componente.

    Se você fizer a pesquisa na internet, clique em imagens, pois aparecerá a foto da unidade, pelo código que você está pesquisando, assim você pode comparar com o componente do seu aparelho para ver se é igual ao que você procura.

    Um abraço e conte sempre com o Instituto Padre Reus.

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  68. avatar Sérgio Marques disse:

    Gostaria de saber informações sobre os cursos que vocês dispõem, preço e forma de pagamento, achei muito interresante a dinamicas da sexplicações técnicas aos problemas apresentados! Aguardo ancioso suas respostas.

    Sérgio Marques

  69. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Sérgio,

    Obrigado pelo seu contato.

    Ficamos felizes pelo seu interesse nos Cursos do Instituto Padre Reus.

    Enviaremos para o seu e-mail as informações solicitadas.

    Abraço,

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  70. avatar Tadeu disse:

    Olá queria tirar uma dúvida o leitor de um MiniSystem Sharp consegue ler mas ao decorrer da leitura ele ‘pula’ para o começo e/ou final das músicas, e ocorre muito um defeito parecendo um disco de vinil riscado junto com uns chiados, não consigo ouvir nenhuma música inteira , o que pode estar acontecendo? o leitor corre normalmente sem atingir nada e a lente sobe e desce também normalmente

  71. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Tadeu,

    Normalmente quando isso ocorre é sinal de defeito na unidade óptica (leitor), ou na própria mídia que está sendo reproduzida na pick-up. Mesmo que a mídia não esteja arranhada, pode ocorrer falhas no áudio, devido a taxa de compressão ou ainda da velocidade em que a mídia foi gravada.

    No entanto, se isso ocorre com todas as mídias, certamente a unidade óptica do aparelho já não está muito boa e deve ser substituída.

    Abraço,

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  72. avatar cloudoaldo disse:

    gostaria de saber se tem algum problema montar um aparelho de cd paioner na poziçao vertical

  73. avatar Junior disse:

    Pessoal, tenho um DVD Philips DVP3020k e parou de ler dvds, apresentanva apenas NO DISK, fiz a substituição da unidade ótica KHM 313AAA da Sony, mas como sou leigo não em atentei ao lacre que deve ser retirado antes de ligar, só depois que vi que não emitiu o feixe de luz q me lembrei, bom fiz o procedimento, agora ele emite a luz, mas continua o problema não faz a leitura, NO DISK novamente, será que perdi a unidade ou posso ter problemas com o FLAT ou mesmo com circuitos, enfim peço ajuda aos especialistas.

    Muito Obrigado.

  74. avatar antonia joselia disse:

    meu radio é philips ligar na radio normal o volume otimo más quando coloco o cd,s o volume abaixa por quer

  75. avatar Lourival disse:

    Meu mini aparelho de som Philco- mod. MSP210N2, durante o processamento do cd, em alguns momentos percebe-se que a rotação varia, consequentemente altera o som também. O que estaria provocando este defeito? Obs.: É a primeira vez que entro neste site, e achei muito interessante as informações prestadas, parabéns.

  76. avatar Alexsandro santos disse:

    Boa tarde, meu mini system samsung nao le cd defeito leitor
    Referencia. aa68I17 nao acho. Um tecnico diz que de dvd que
    Seja parecido pode funcionar e verdade.

  77. avatar Helio oliveira disse:

    ola há muito tempo fiz o curso mas não fiz as provas, tenho todo os materias mas não conseguir montar a minha bancada de teste queria uma ajuda de vcs pra mim montar a minha bancada ok desde já agradeço

    ass: Hélio

  78. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Alexsandro,

    A melhor forma de adquirir um componente eletrônico é entrando em contato com a assistência autorizada da marca desejada. No seu caso, o fabricante é a Samsung e se este estabelecimento comercial é autorizado para a manutenção dos equipamentos, em via de regra, é garantida a venda de componentes eletrônicos. Portanto, sugiro que você procure uma assistência autorizada da marca Samsung em sua região e especifique o componente desejado, não se esquecendo de mencionar a marca e modelo do aparelho, para facilitar a compra.

    Abraço,

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  79. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Lourival,

    O passo inicial é você verificar o estado de funcionamento do motor Spindle. Para isso, desconecte os fios desse motor da PCI, para que a medição não sofra influência dos componentes do circuito.

    Com a bandeja aberta, você deve medir o motor Spindle utilizando o multímetro analógico na escala de ohms. Para que a medição seja correta, antes da medição e com o multímetro selecionado na escala de X1, faça o ajuste zero do instrumento. A medição deve apresentar um valor de resistência entre 100 e 200 ohms. Caso o valor da medição apresentada seja abaixo de 100 ohms, o motor deve ser substituído. O motor também deve ser substituído se o valor da resistência ficar oscilando, ou seja, se o ponteiro do instrumento ficar variando.

    Em alguns casos, colocando spray desencravante, de preferencia “WD40″, e ligando o motor em uma fonte de alimentação de 6V, deixando-o funcionar por 5 minutos, o problema é resolvido, mas vale ressaltar que esse procedimento não é 100% eficaz.

    Caso o defeito não seja no motor, então, seguindo a linha de alimentação do motor, você deverá verificar todos os componentes que estiverem nessa linha até chegar ao IC driver.

    Abraço,

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  80. avatar Departamento Técnico disse:

    Prezado Hélio Oliveira,

    Primeiramente queremos agradecer o seu contato.

    Para podermos colaborar com a montagem da sua Bancada de Testes, solicitamos que nos envie seus dados pessoais, seu número de matrícula e suas dúvidas para um dos nossos endereços eletrônicos: deptopedagogico@ipr.com.br ou deptecnico@ipr.com.br.

    Abraço,

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico

  81. avatar wagner rodrigo disse:

    olá pessoal, sou técnico eleytronico, espero poder ajudar voceis. Meu forte é potencias mesas de som caixas ativas e recondicionamentos de alto falantes. Se voceis precisarem estou na zona sul meu imail; wagnerdj27@hotmail.com
    UM ABRAÇO……..

  82. avatar fabio asssis disse:

    valeu, gostei da diga inda não fiz mas vou fazer assim que eu tiver oportunidade.
    obrigado mesmo.

  83. avatar gemilson oliveira disse:

    Muito bom parabéns a todos e um feliz 2014

  84. avatar leandro disse:

    ola amigos do ipr e alunos assim como eu parabens por seus projetos são otimos estou finalizando minhas leituras do curso de radio tecnico gostei muito. minha duvida sob oque li acima em relação a dvd player. quando um aparelho so faz leituras de musicas e n consegue reproduzir videos este tambem pode ser a unidade otica, ou com relação a os seus transistores drivers obrigado a uma resposta!

  85. avatar silvio parente disse:

    Ola amigo.

    Vi sobre o curso e me interesse,gostaria de saber como fazer a matricula e o valor do curso.

    obrigado

    silvio

  86. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Silvio,

    Ficamos todos muito felizes com o seu interesse pelo Curso de Radiotécnico e Eletrônica do Instituto Padre Reus.

    Você pode efetivar sua matrícula através do nosso site http://www.ipr.com.br, ligando para nossa central de atendimento pelo fone 0xx51 3711-4000, ou ainda através do nosso e-mail central@ipr.com.br.

    Sobre o valor do curso, há vários planos de mensalidades e, com certeza, um deles será ideal para você. Se você optar por pagar com o cartão de crédito, por exemplo, você pode parcelar em até seis vezes de apenas R$39,97.

    Aguardamos o seu contato.

    Um grande abraço,

    Prof. Mario Limeira
    Coordenador do Departamento Técnico
    Instituto Padre Reus

  87. avatar Departamento Técnico disse:

    Olá Leandro,

    Os aparelhos de DVD’s têm de ser analisados pela rotina de inicialização, para que se possa determinar corretamente seu defeito.

    Para começar a análise é preciso saber que o aparelho possui três tipos de memórias diferentes:

    Memória Flash – É nela que está armazenado o programa que o processador irá executar;
    Memória SDRAM – É onde os dados de imagem e som são armazenados durante a reprodução;
    Memória Eprom – É onde estão armazenados os parâmetros de tracking, focus, e outros dados que servem de referência para a unidade óptica.

    Ao ligarmos o aparelho de DVD, o processador “busca” as informações a serem processadas, primeiramente, na memória flash. Nesse caso, o programa determina que o processador verifique se há alguma mídia no compartimento do disco e faça a leitura dos dados na memoria SDRAM.

    É nesse momento que vemos a unidade óptica se mover: ligando o laser, fazendo o foco e funcionando o motor do disco. Ao observar esses aspectos já podemos dizer se a unidade está boa, observando a intensidade da luminosidade do laser, bem como se a lente faz movimento para cima e para baixo, ajustando o foco.

    Se a unidade óptica mover-se, porém o laser não acender, pode ser defeito na própria unidade, ou no cabo flat. Nesse caso, substitua o mais fácil primeiro, que é o cabo flat. Se mesmo assim não funcionar troque a unidade óptica.

    Outro detalhe a se observar é o movimento de foco da lente. Se a unidade mover-se lateralmente, mas não movimentar a lente para cima e para baixo, mesmo tendo laser, a bobina de foco está aberta e será necessário trocar a unidade óptica.

    Em aparelhos que possuem entrada USB, após fazer a verificação se há alguma mídia no compartimento do disco e nenhuma mídia for encontrada, automaticamente o processador irá verificar se há alguma mídia removível na entrada USB.

    Na manutenção de aparelhos de DVD’s, temos que fazer as medições de tensão para verificar se estão corretas, no entanto, é importante verificar as fontes de 3V3 (3,3V) e 1V8 (1,8V), que, em alguns casos, não vem diretamente da fonte, mas são geradas a partir da fonte de 5V.

    Essa fonte é facilmente encontrada na PCI principal, formada por dois transistores S8550, onde no coletor de um deve ter 3V3 e noutro 1V8. Ambos os transistores são suscetíveis a defeito devido a sua má qualidade. O defeito principal causado por esses componentes é o não funcionamento do aparelho.

    Vale ressaltar que os transistores mencionados, nem sempre será possível diagnosticar defeito fazendo a medição de suas junções, pois o problema aparece quando há um fluxo maior de corrente por entre os terminais. Nesse caso, quando as tensões da fonte estão normais, mas as tensões nos coletores dos transistores S8550 estão alteradas, devem-se trocar ambos os componentes.

    A substituição dos transistores deve ser feita por componentes equivalentes, nesse caso o BC327, mas atenção!!! O transistor BC327 possui seus terminais invertidos em relação ao S8550, fique atento!!!

    Um detalhe importante: quem polariza a base dos transistores S8550 é o drive dos motores, sendo assim, se esse componente estiver com defeito pode fazer com que o aparelho não ligue também, pois os transistores S8550 alimentam o processador com as respectivas tensões de 3V3 e 1V8.

    Há situações em que você faz a análise, constata que as fontes estão com as tensões corretas, mas mesmo assim o aparelho não liga, nesse caso, depois de fazer todos os testes e eliminar todas as possibilidades prováveis, certamente o defeito está na memória flash e a mesma deve ser substituída.

    Um grande abraço,

    Departamento Técnico
    Instituto Padre Reus

AVISO: Todos comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Instituto Padre Reus. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou que violem direitos de terceiros. O Instituto Padre Reus poderá excluir, sem aviso prévio, comentários postados que não respeitem os critérios aqui impostos ou que estejam fora do tema proposto.

Deixe um comentário